Amplificador Classe-D

Discussão em 'DIY' iniciada por Gantunes, 10 Fev 2010.

  1. Lucas Michel

    Lucas Michel Usuário

    Desde:
    2 Ago 2008
    Mensagens:
    94
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Passo Fundo - RS BRASIL
    Voçês estão medindo a saída de audio com multimetro? e da minipa ainda, sei não até onde sei não é assim que se mede potência de um amplifcador, para os studio-r a gente coloca um gerador de sinal na entrada em 1KHz senoidal e uma impedancia de 2R na saida dai com um multimetro true rms que mede essa faixa de frequencia na saida, dai voçê consegue um resultado certo, desse jeito ai não é o indicado.
     
  2. vandalo

    vandalo Usuário

    Desde:
    18 Abr 2010
    Mensagens:
    14
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    imperatriz MA
    pois eh.......mais aii está medindo as tensões de pico até +/-120hz......o certo seria uma senoide na entrada fixa de 60hz........
     
  3. albert_emule@hotmail

    albert_emule@hotmail Usuário

    Desde:
    23 Fev 2008
    Mensagens:
    109
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    salvador BA
    Infelismente no momento eu não tenho um multímetro TRUE RMS, mas eu cheguei a fazer medidas com gerador de sinal no PC
    Com esta resistencia de chuveiro de 4R.

    Com 60Hz de sinal na entrada, Ele deu 20V na saída em cima do resistor de 4R, fui aumentando o volume até um pouco antes do som parecer distorcido.

    No momento em que a tensão de saída bateu em 20V, a tensão de alimentação caio de 40 para 35V

    ele só dá essa potência em médios e graves, nos agudos ele distorce muito antes de chegar nesta potência
     
  4. ColeTrickle

    ColeTrickle Usuário

    Desde:
    9 Nov 2010
    Mensagens:
    186
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Porto Alegre/RS/Brasil
    Legal esse amp de canal P e N. O esquema é bastante simples, poucas peças, e parece ser uma boa opção pra quem vai montar o primeiro canal de classe D, que é o meu caso.
    A idéia será usar um canal desses para até 2R apenas para graves, e os demais de classe AB full-range em 4R.

    Só fiquei com uma dúvida nesse esquema: O ICIA e ICIB são o mesmo, onde os pinos 6 e 7 são ligados juntos? E o pino 5?
    Está estranho, pois pelo que parece, o segundo comparador desse LM393 não está sendo usado.
    É isso mesmo?

    Abraço,
    Ricardo
     
  5. pericles.sb

    pericles.sb Usuário

    Desde:
    2 Jan 2010
    Mensagens:
    81
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    São José dos Pinhais , Pr
    isso mesmo esse integrado é duplo, caso queira fazer uma montagem de 2 canais pode usar o mesmo integrado apenas acrecentar o restantes dos componetes.

    abraços a todos
     
  6. isaac santana

    isaac santana Usuário

    Desde:
    26 Out 2010
    Mensagens:
    102
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Rondonópolis mt
    Werley brito aqui é o isaac (y)!! Você falou que poderia disponibilizar mais alguma coisa sobre amplificador classe D só uma dúvida??
    Posso colocar o IR2110 para dois mosfets tipo o pino 1 para dois mosfets e o pino 7 para mais dois entendendo? Dois pares de mosfets em paralelo, assim consegueria-mos mais potencia e assim sendo menor carga de saída por Ex.: 1ohms não sei se é certo!!! mais uma coisa tem como fazer esses amplificador em full-bridg?:suspeito::suspeito: Será???? Com 4 mosfets chaveando o trafo, ('' como nas SMPS Full '') mas lá no caso o toroide do amplificador ?? Se eu tiver falando bobagem me corrigam!!!
    Att:
    Isaac santana
     
  7. ColeTrickle

    ColeTrickle Usuário

    Desde:
    9 Nov 2010
    Mensagens:
    186
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Porto Alegre/RS/Brasil
    Pelo que já li sobre a corrente drenada no momento de chaveamento para cada FET ou IGBT, cada canal do 2110 pode já estar próximo do seu limite, dependendo da frequência que é usada para chaveamento e do valor do resistor de gate, associado ao Qg (Gate Charge) do transístor usado.
    Em um post do tópico sobre Fonte PWM citei um artigo que encontrei detalhando essa questão: http://www.htforum.com/vb/showthrea...nte-chaveada?p=2827420&viewfull=1#post2827420

    No caso de uso em fonte chaveada com freq. em torno de 30kHz, e usando resistor de gate de 5R, creio que não exista problema em ligar 2 ou até 3 transístores no mesmo gate.
    Se ligar mais, a ponto de a corrente de pico do momento de chaveamento superar os 2A que consegue aguentar cada canal do 2110, uma solução seria aumentar o resistor para 10 ou 15R por exemplo. Porém, valores maiores de resistência de gate tendem a causar uma maior demora no chaveamento.

    Caso a frequência portadora do AMP seja em torno de 50kHz, creio que funcionará normalmente com 2 FETs ligados no mesmo gate.
    Sugiro utilizar uma resistência de 10R, e se possuir scope, verificar se a forma de onda permanece reta.
    Na fonte que estou montando troquei a resistência de 5R por 10R, e não percebi diferença na forma de onda.

    Sobre construir em full-bridge, é basicamente o mesmo conceito de fonte, em que o outro IR terá as entradas Lin e Hin invertidas. No post 73 o Werley postou o esquema de um full-bridge.

    Abraço,
    Ricardo
     
  8. pericles.sb

    pericles.sb Usuário

    Desde:
    2 Jan 2010
    Mensagens:
    81
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    São José dos Pinhais , Pr
    isaac (y) vc pode colocar sim , mas depende da carga do gate que o mosfet a ser usado, creio que o uso de um mosfet "mais potente" resolva tbm se não engano Jonas Bairros usa IRFP90N20 de 94A , creio que com uma carga de 2 ohms não judia muito, calculando a grosso modo 100v/2ohms=50A aprox. com isso chega em 2500WRMS aproximadamente.
    caso use fullbridg 5000WRMS em 4ohms. já é uma potencia consideravelmente alta ao meu ver

    eu já me contentei com os IRFP260/ 2 canais de 800Wrms 8ohms :D mas, estou um 4 IRFP90N20 pra brincar uma hora aqui :rofl:
    aqui vai uns aquivos pra enriquecer nosso forum, usa o IRS2092 é bem simples e tem uma potencia boa 700Wrms do forum dos Hermanos Argentinos
    http://www.forosdeelectronica.com/f31/classe-d-2000-watts-rms-41536-new/

    nesse caso os mosfets são de baixa carga de gate, proprios pra classe D, caso alguem queira montar esse sem driver dos mosfets recomendo usar os recomendados pela IOR pois pode queimar o IRS2092.
     
  9. pericles.sb

    pericles.sb Usuário

    Desde:
    2 Jan 2010
    Mensagens:
    81
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    São José dos Pinhais , Pr
  10. isaac santana

    isaac santana Usuário

    Desde:
    26 Out 2010
    Mensagens:
    102
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Rondonópolis mt
    Muito obrigado pericles pelos seus esquemas e seus esclarecimentos de amplificadores.(y)(y)Em relação de usar o diodo 1N4148 para os gats dos mosfets em amplificadores não tem problema nenhum.(y)(y)Mas minha dúvida é se eu posso usar o 1N4148 para fontes chaveadas para os gats dos mosfets tipo IRFP450??? E porque o diodo 1N4148 é mais fácil de achar para venda no mercado, bom pelo menos onde moro MT. Esse amplificador classe D, qual a tensão de trabalho e a corrente que os mosfets suportam tipo ate qunatos ampere posso colocar nesse amplificador.(y)(y)(y)
     
  11. pericles.sb

    pericles.sb Usuário

    Desde:
    2 Jan 2010
    Mensagens:
    81
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    São José dos Pinhais , Pr
    ola Isaac (y) , bem pode usar esse diodo sim , porem ele é uso geral , no caso de fonte chaveada vc pode usar tbm diodos PR1001...7, PR1501...7, que são usados em fontes de pc,
    pra saber as caracteristicas dos mosfets que vc vai usar veja nesse site http://www.datasheetcatalog.com/ ou http://www.alldatasheet.com/ esse ultimo que postei usa fonte simetrica de 90v, caso queira estudar sobre amplificador classe D http://www.forosdeelectronica.com/f...-clase-d-25w-1250wrms-solo-2-mosfets-n-24854/ caso não entenda nada de espanhol :D é só colar o link nessa pagina e quase tudo fica em portugues http://translate.google.com.br/#es|pt|
    abraços a todos Péricles
     
  12. isaac santana

    isaac santana Usuário

    Desde:
    26 Out 2010
    Mensagens:
    102
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Rondonópolis mt
    Sobre o indutor de saída tenho ele de cor azul implica em alguma coisa????
     
  13. pericles.sb

    pericles.sb Usuário

    Desde:
    2 Jan 2010
    Mensagens:
    81
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    São José dos Pinhais , Pr
    depende, esse indutor é de ferrite, pó de ferro? ja lhe adianto se for de pó de ferro não funciona, tive varios problemas com esse tipo de nucleo , inclusive nas fontes chaveadas
     
  14. ColeTrickle

    ColeTrickle Usuário

    Desde:
    9 Nov 2010
    Mensagens:
    186
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Porto Alegre/RS/Brasil
    Voltando um pouco neste esquema, alguém sabe alguma inviabilidade de usar voltagem superior a +- 40V, visto que os FETs sugeridos são de 100V, e o restante dos componentes fica em uma derivação com redução por zenner para 12V?

    A meu ver, não teria problema em operar perto de +- 100V usando estes FETs. É mais determinante a carga que será ligada, que se muito baixa pode puxar mais corrente que ele aguenta, do que voltagem.
     
  15. pericles.sb

    pericles.sb Usuário

    Desde:
    2 Jan 2010
    Mensagens:
    81
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    São José dos Pinhais , Pr
    :D Saudações, isso aqui anda meio as moscas hein :eek:loko:

    Bom, entendi seu ponto de vista , mas pode ser usado até 50V simetricos , vou explicar o porque , quando o mosfet canal N conduz aplica tensão negativa, assim terá 100v ente Dreno e Fonte no mosfet P e vice versa, entãose aplicar 100v simetricos 200V sobre cada mosfet conseguentemente quebrando a isolação interna dos transistores e queimando eles . é assim pra qualquer tipo de saida complementar, o mesmo acontece nos amps classe AB.
     
  16. ColeTrickle

    ColeTrickle Usuário

    Desde:
    9 Nov 2010
    Mensagens:
    186
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Porto Alegre/RS/Brasil
    Olá Pericles.
    Verdade, se vermos por esse tópico ao menos, as coisas andam meio devagar aqui no fórum no quesito amp classe d. Eu tb não posso ajudar muito, pois ainda estou tentando finalizar a fonte dele para depois partir para os amps.

    Bem explicado, entendi a questão do diferencial em 100V no transístor que não está comutando, quando o outro comuta (considerando uma fonte de +/- 50V). É como o centro ser um ponto flutuante para ambos transístores, que em stand-by tem 50V entre coletor e emissor, e quando o transístor oposto fecha passa para 100V. Nunca tinha pensado nisso.

    Como pretendo usar +/- 55V, o jeito vai ser conseguir um par de fets canal N e P de pelo menos 120V.
    Ao menos os 6 pares de fets 100V que tenho vão servir para testes no mínimo.

    Valeu pela explicação.

    Abraço,
    Ricardo
     
  17. bressix

    bressix Usuário

    Desde:
    21 Fev 2008
    Mensagens:
    21
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Florianopolis/Santa Catarina/Brasil
    Olá a todos.
    To chegando por aqui agora.
    Li o tópico todo e tem material muito bom por ai.
    Parabéns a todos que já colocaram os classe D pra tocar.
    Ainda to namorando um circuito de 400RMS para montar um sub ativo.

    Abraço a todos

    http://www.sureelectronics.net/goods.php?id=1191
     
  18. altobass

    altobass Usuário

    Desde:
    4 Fev 2006
    Mensagens:
    209
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Porto Alegre/RS
    Alguém já deu uma olhada nos Kits de amplificadores classe D que a TRIELL está vendendo, estou pensando em montar um de 1000 Watts, já vem até com fonte chaveada, mas vou comprar só as placas o filtro toroidal , ci e mosfet.

     
  19. bressix

    bressix Usuário

    Desde:
    21 Fev 2008
    Mensagens:
    21
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Florianopolis/Santa Catarina/Brasil
    Tb ando namorando o esse de 1000W deles. Minha idéia é montar um sub ativo.
    Conversei com eles e parece que em 4 ohms e 60V simetricos rende 600W. O que é justamente o que procuro.
     
  20. ColeTrickle

    ColeTrickle Usuário

    Desde:
    9 Nov 2010
    Mensagens:
    186
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Porto Alegre/RS/Brasil
    60V simétricos em carga de 4 ohms chega a 450W, considerando que não ocorra queda de tensão nas linhas de 60V.

    Para 600W em 4 ohms seria necessário 70V simétricos: 70 / 1,414 = 49,5Vrms
    (49,5 * 49,5) / 4 = 612W

    Abraço,
    Ricardo
     

Compartilhar esta Página