Áudio AAC - O que é? Como usar?

Discussão em 'Tecnologia e Novos Formatos de Áudio' iniciada por leo3006, 21 Jan 2007.

  1. leo3006

    leo3006 Usuário

    Desde:
    18 Set 2005
    Mensagens:
    22
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Natal
    Saem as especificações do sistema brasileiro, agora chamado ISDTV


    18/01/2007


    Samuel Possebon - Tela Viva News


    Demorou mais do que o esperado mas acabou saindo. O Fórum de TV Digital conseguiu entregar na quarta, 17, o primeiro conjunto de especificações do Sistema Brasileiro de TV Digital. Ou melhor, do ISDTV (International System for Digital TV), que deve ser o novo nome do SBTVD. A documentação foi entregue ao Conselho de Desenvolvimento, que reúne os ministros que acompanham o assunto sob a coordenação da Casa Civil.

    Quase tudo o que será necessário para que os equipamentos possam ser fabricados foi especificado, exceto a parte de controle de direitos (DRM), que ainda está sendo discutida, e alguns aspectos do middleware. Havia, até poucas semanas atrás, um grande receio dentro e fora do governo, sobretudo junto à comunidade acadêmica, de que o padrão de TV digital brasileiro acabasse sendo simplesmente o padrão japonês (ISDB), no qual o ISDTV é baseado. Mas ao que tudo indica as especificações já contam com as inovações mais importantes, entre elas o H.264 (MPEG-4) para a compressão de vídeo.

    Aliás, o middleware nacional Ginga talvez seja a única inovação não incorporada imediatamente ao ISDTV. Os fabricantes poderão lançar televisores ou set-tops sem o middleware em equipamentos básicos, de baixo custo, mas não poderão usar nenhum outro sistema caso queiram rodar aplicações que envolvam processamento de dados.

    A Telavo e o Ceitec já estão trabalhando no projeto do chip de modulação incorporando o H.264 ao chip do ISDB, o que é necessário, já que essa tecnologia não faz parte do padrão usado nos equipamentos do Japão. O projeto para o chip de demodulação também está iniciado.

    A especificação do áudio deve ser AAC, ainda que isso seja em princípio um problema em relação aos home-theaters disponíveis no mercado, que não contam com a decodificação dessa tecnologia.
    A expectativa é que até julho haja equipamentos em protótipos.


    ******

    Gostaria de saber o que acontecerá com os Home theates com esta nova especificação de Áudo?

    Alguem poderia falar um pouco mais sobre este AAC?

    Possuo um Sony DDW 880, ele é capaz de decodificar este tipo de áudio? Qual será o futuro do meu HT?
     
  2. Dennis

    Dennis Administrador Moderador

    Desde:
    21 Mai 2002
    Mensagens:
    24.057
    Obrigados:
    115
    Troféus:
    63
  3. yeoman

    yeoman Usuário

    Desde:
    18 Jul 2006
    Mensagens:
    140
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    Vinhedo-SP/Brasil
    Salvo engano, o AAC é muito usado em "Podcasts", no chamado enhanced podcast (ou podcast melhorado). Além do áudio, o enhanced podcast pode vir com imagens, links e textos complementares.
     
  4. edson

    edson Áudio & Vídeo Designer

    Desde:
    23 Jun 2002
    Mensagens:
    7.287
    Obrigados:
    7
    Troféus:
    0
    Localização:
    Londrina - Pr
    Acho que isto não é motivo apra preocupação, pois este será o formato da modulação, com certeza o sinal ao chegar ao decoder será recodificado para um dos formatos tradicionais seja o PCM ou DD
     
    #4    
  5. Vinicius Lima

    Vinicius Lima Muita fé em DEUS é pé na tábua

    Desde:
    12 Mar 2003
    Mensagens:
    4.899
    Obrigados:
    12
    Troféus:
    0
    Localização:
    Santos/SP
    Edson; exatamente.(y)
     
  6. Rash

    Rash Proud member of the BD Club

    Desde:
    5 Ago 2004
    Mensagens:
    1.809
    Obrigados:
    1
    Troféus:
    0
    Localização:
    São Paulo - SP
    O que é um pouquinho desnecessário, não é não? Porque já não enviar em DD? São dois royalties que precisam ser pagos, um para a utilização do AAC e outro para a utilização do DD.
     
    #6    
  7. Jeaudium

    Jeaudium Música em 1°

    Desde:
    8 Jun 2005
    Mensagens:
    2.433
    Obrigados:
    4
    Troféus:
    0
    Localização:
    brazil/mg/itaúna
    André é porque estamos no brazil e a regra vigente aqui é "se podemos complicar porque simplificar":ataque:
     
  8. fazambuja

    fazambuja Usuário

    Desde:
    8 Jan 2005
    Mensagens:
    6.265
    Obrigados:
    5
    Troféus:
    0
    Localização:
    Brasil
    Rash o AAC não tem que pagar royalties.

    Abraços
     
  9. cras-sp

    cras-sp Usuário

    Desde:
    27 Out 2003
    Mensagens:
    8.500
    Obrigados:
    7
    Troféus:
    0
    Localização:
    São Paulo - SP
    Ao menos, vai poder ser ligado direto ao iTunes. :D
     
  10. Rash

    Rash Proud member of the BD Club

    Desde:
    5 Ago 2004
    Mensagens:
    1.809
    Obrigados:
    1
    Troféus:
    0
    Localização:
    São Paulo - SP
    Oh meu amigo Fernando. Mas da onde você tirou isso? :D Paga sim, o AAC possui contribuições de várias empresas (Dolby, Fraunhofer Institut, Sony, AT&T e Nokia - principalmente) sendo, portanto, necessário o pagamento da licença para o patent pool dele.

    MPEG-4 AAC: http://www.vialicensing.com/Licensing/MPEG4_fees.cfm?product=MPEG-4AAC
    MPEG-4 AAC-HE: http://www.vialicensing.com/licensing/MPEG4_fees.cfm?product=MPEG-4HEAACP

    Para mais informações: http://www.vialicensing.com/Licensing/MPEG4_object_Licenses.cfm?product=MPEG-4AAC

    Lá embaixo tem links com os preços (acima) e um FAQ que responde a várias perguntas sobre a licença do AAC. Uma delas é essa:

    1. Who must sign a license?
    An MPEG-4 Audio patent license is needed by manufacturers or developers of end user encoder and/or decoder products.

    (y)
     
    #10    
  11. fazambuja

    fazambuja Usuário

    Desde:
    8 Jan 2005
    Mensagens:
    6.265
    Obrigados:
    5
    Troféus:
    0
    Localização:
    Brasil
    Bom você tem razão, mas existem alguns casos:
    http://en.wikipedia.org/wiki/Advanced_Audio_Coding

    Abraços
     
  12. Rash

    Rash Proud member of the BD Club

    Desde:
    5 Ago 2004
    Mensagens:
    1.809
    Obrigados:
    1
    Troféus:
    0
    Localização:
    São Paulo - SP
    Pois é, não cobram pelo stream, mas no decoder nós vamos precisar de duas licenças, decoder de AAC e encoder de DD. O Dolby Digital também não requer licença para transmissão em forma de conteudo, o que permitiu que ele fosse adotado como codec padrão do ATSC e do DVB. (y)
     
    #12    
  13. fazambuja

    fazambuja Usuário

    Desde:
    8 Jan 2005
    Mensagens:
    6.265
    Obrigados:
    5
    Troféus:
    0
    Localização:
    Brasil
    A mas como já falei em outro topico não tem nada de errado e ruim em ter que pagar licenças. Essa licença não vai ser nenhuma fortuna...

    Abraços
     
  14. Rash

    Rash Proud member of the BD Club

    Desde:
    5 Ago 2004
    Mensagens:
    1.809
    Obrigados:
    1
    Troféus:
    0
    Localização:
    São Paulo - SP
    Não! Claro que não. Concordo plenamente. O DVB, por exemplo, paga a licença do DD e do DTS, que é pouco usado.

    Só não espere decoder de AAC em receivers, pelo menos não tão já. (y)
     
    #14    
  15. fazambuja

    fazambuja Usuário

    Desde:
    8 Jan 2005
    Mensagens:
    6.265
    Obrigados:
    5
    Troféus:
    0
    Localização:
    Brasil
    Se não estou enganado alguns Pioneers tem suporte para AAC.
    A implementação deve ser muito fácil.

    Abraços
     
  16. nagano

    nagano Usuário

    Desde:
    19 Jun 2005
    Mensagens:
    68
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    6
    Localização:
    japan
    Todos receivers no Japao tem AAC.:)
     

Compartilhar esta Página