Desigualdade social no Brasil !O que pode ser feito?

Discussão em 'Zona Livre' iniciada por PARKERsp, 19 Mai 2008.

  1. PARKERsp

    PARKERsp www.transparencia.org.br

    Desde:
    20 Dez 2006
    Mensagens:
    3.151
    Obrigados:
    5
    Troféus:
    38
    Localização:
    São Paulo/SP/Brasil
    Três quartos da riqueza existente no Brasil está concentrada nas mãos de apenas 10% da população. A informação consta do estudo "Justiça Tributária: Iniqüidade e Desafios", divulgado nesta quinta-feira (15) pelo presidente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), Márcio Pochmann, durante seminário sobre reforma tributária, promovido pelo Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES).

    De acordo com o estudo, o índice de Gini, que mede a desigualdade social de uma população, foi de 0,56 no Brasil em 2006 - o índice varia de 0 a 1, sendo 0 a perfeita igualdade e 1 a completa desigualdade. Segundo Pochmann, isso significa que a desigualdade social diminuiu no Brasil em 2006, mas ainda está no patamar do período militar e em nível pior do que antes do golpe de 1964.

    Fonte: G1
     
  2. SONIC WOLF

    SONIC WOLF Usuário

    Desde:
    7 Mar 2005
    Mensagens:
    1.027
    Obrigados:
    2
    Troféus:
    0
    Localização:
    R E C I F E
    A diminuição das diferenças sociais já está em
    curso...Porém,é um processo LENTO.

    O controle da inflação é um dos grandes mecanismos
    para a redução das diferenças sociais,pois as camadas
    mais humildes sempre é que mais sofrem com ela.

    Desde a adoção do PLANO REAL,verifica-se a constante
    melhora na renda média do trabalhador brasileiro.Como
    nos últimos anos foi adotada a política de aumentar o
    salário-mínimo acima da inflação,ou seja,um aumento REAL,
    constatamos uma melhora no poder de compra do assalariado.

    LONGO PRAZO:

    Para que o resultado seja mais perceptível,temos que
    ter PACIÊNCIA,pois somente em LONGO PRAZO,talvez
    30 anos,o trabalhador estará recebendo,em valores de
    hoje,entre 850 a 1000 Dólares por mês.
    O maior entrave disso é o déficit na Previdência Social,
    uma verdadeira BOMBA-RELÓGIO,pois baseia seus pagamentos
    de acordo com o salário-mínimo.

    Além do aumento REAL da massa salarial,os programas sociais
    são muito relevantes para diminuir as desigualdades,mas,os
    resultados só serão colhidos por gerações vindouras.

    O problema é que muita gente,inclusive a imprensa,trata
    desse assunto com um IMEDIATISMO que só traz prejuízos.
    O segredo é manter inalterada uma MESMA política
    econômica.Por causa disso,o Brasil conseguiu o status
    de "Investment Grade" de uma grande agência do setor.
     
  3. arielcs

    arielcs Musica de Qualidade

    Desde:
    19 Jul 2004
    Mensagens:
    16.474
    Obrigados:
    11
    Troféus:
    38
    Localização:
    Santos - Costa da Mata Atlantica
    O que pode ser feito ?

    Bom utopicamente falando, pois depende MUITO da vontade politica deste país, eu acredito:

    Controle da natalidade. Crescimento demografico organizado.
    Ensino de qualidade gratuito ate o colegial. Obrigaçao legal de estudar.
    Justiça rapida. Melhoria no sistema Judiciario como um todo.
    Investimentos reais em Infra-estrutura basica nas regioes necessitadas.
    Reforma tributaria.
    Controle real e transparente do Orçamento da Uniao pela sociedade.
     
  4. Alex Sound

    Alex Sound Usuário Ativo

    Desde:
    23 Jul 2003
    Mensagens:
    7.898
    Obrigados:
    2
    Troféus:
    38
    Localização:
    Londrina - PR
    Para melhorar a distribuição de renda somente melhorando os salários.

    O problema com isso é que como o governo não diminui a taxa de impostos, todo aumento salarial reflete nos preços, gerando inflação.

    O próprio aumento da demanda decorrente do aumento de salário também elevaria a inflação.

    Somente com uma concomitante redução da carga tributária poderia se elevar gradativamente os salários, desonerando a produção e permitindo um crescimento mais acentuado do poder de compra das classes mais baixas.

    Quando isso vai ocorrer no Brasil ? Nunca, o governo não abre mão de impostos, porque são necessário para manter a "tchurma" que vive pendurada nos CC (cargos de confiança).

    Já disse um amigo meu que está em um CC bem legal: melhor do que ser um político eleito é ser amigo de um político eleito.
     
  5. SONIC WOLF

    SONIC WOLF Usuário

    Desde:
    7 Mar 2005
    Mensagens:
    1.027
    Obrigados:
    2
    Troféus:
    0
    Localização:
    R E C I F E
    Alex,essa pode ser a realidade atual,não discordo,porém
    o Brasil e suas instituições estão se fortalecendo a cada
    ano,e uma das causas é a vigilância da imprensa e uma
    maior atuação tanto da Polícia Federal quanto do Ministério
    Público.
    Dentro de 25 a 30 anos,quem viver verá,o Brasil será
    um país MUITO SUPERIOR em todos os quesitos.É uma
    EVOLUÇÃO inexorável.

    Mais uma vez,peço a todos uma visão menos imediatista
    e até mesmo na linha pessimista/fatalista.
    Erros e distorções serão minimizados e,talvez,eliminados...
    SOMENTE em longo prazo.
     
  6. Papillon

    Papillon Usuário Ativo

    Desde:
    30 Jun 2004
    Mensagens:
    8.671
    Obrigados:
    9
    Troféus:
    38
    Localização:
    Sao Paulo _SP
    Um problema tão delicado e profundo não tem uma solução simples.

    São necessárias dezenas ou centenas de medidas para uma evolução que levará alguns séculos, porém nossos políticos continuam a pensar em seus umbigos apenas.
     
  7. Adler

    Adler In God We Trust

    Desde:
    29 Out 2004
    Mensagens:
    1.388
    Obrigados:
    1
    Troféus:
    38
    Localização:
    Somewhere in Brazil
    A equação é simples:

    CAPITALISMO + BAIXA ESCOLARIDADE DA POPULAÇÃO = BAIXA DISTRIBUIÇÃO DE RENDA

    A solução é fácil: Investimento pesado em educação assim com fez a Coréia nos anos 70/80.

    NMO o governo deveria investir todas as fichas no ensino fundamental, médio e nível técnico, e não em universidades. Apenas uma minoria parcela da população tem reais condições de chegar a uma faculdade. Tem que adotar o modelo americano onde a escola é pública e de qualidade enquanto que as universidades são pagas.
     
    #7    
  8. Papillon

    Papillon Usuário Ativo

    Desde:
    30 Jun 2004
    Mensagens:
    8.671
    Obrigados:
    9
    Troféus:
    38
    Localização:
    Sao Paulo _SP
    A verdade é que em resposta aos altos índices de analfabetismo dos anos 60, o governo passou a massificar o ensino afim de acabar com o analfabetismo, porém criou os analfabetos que sabem ler, o resultado é um ensino fundamental péssimo, um secundario horroroso e que já está refletindo na universidade.

    Quando fiz o colegial técnico tinha no primeiro ano um reforço para equalizar os conhecimentos, ai na faculdade em minha primeira aula de calculo... vejo função de primeiro grau, levantei a mão e perguntei se tinha entrado no supletivo primeiro grau por engano...

    Outra parte do modelo americano que deveria ser tomado é em relação a justiça e a tolerância a corrupção, roubou o erário? Cadeia, no ato, não espera nada, apresenta pro Juiz que estipula uma fiança compatível e manda pra cadeia.

    Marcus Valério, Zé Dirceu, dolar na cueca? Cadeia!

    Falta é vergonha na cara para esse país deixar de ser um apanhado de gente que fala português e ser uma nação.
     
  9. MARCUS BRAGA

    MARCUS BRAGA TUTUBARAO

    Desde:
    20 Set 2007
    Mensagens:
    7.542
    Obrigados:
    53
    Troféus:
    0
    Localização:
    RIO DE JANEIRO - IPANEMA
    Uma guerra de média duraçao ajudaria.

    catastofre nuclear tb.

    :p:p
     
  10. trackerweb

    trackerweb Usuário

    Desde:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    199
    Obrigados:
    0
    Troféus:
    0
    Localização:
    São Paulo
    Este é um assunto muito delicado e com muitos pontos de vista, dependendo de cada região, até já deu pra ver isto nestes poucos posts.

    Concordo com ariel no que disse, discordo em apenas aumentos salariais, de nada adianta distribuir dinheiro em abundançia, não vai diminuir a desigualdade.


    O estudo as pessoas é um dos principais passos a ser feito, o que ainda conheço de pessoas, na minha faixa de idade (22) mesmo, que desconhecem muita coisa, não por desinteresse delas, mas, por nem sequer saberem do mesmo.

    I o assunto vai longe...

    Abraços,

    Thiago.


     
  11. Redlaw

    Redlaw Usuário

    Desde:
    13 Dez 2003
    Mensagens:
    3.225
    Obrigados:
    10
    Troféus:
    0
    Localização:
    Brasil
    Qualquer manual de social-democracia ensina que um país para conseguir distribuir renda tem que ter no mínimo uma arrecadação de 45% de impostos, segundo os padrões europeus. Nos países mais avançados, este número chega a mais de 70%.

    No governo FHC passou de cerca de 25% para 35%. Neste ponto de vista foi um avanço e tanto. No governo Lula praticamente não se avançou neste quesito.

    Mas, para conseguir isso não é fácil. Os interesses contrários, das classes mais abastadas e a classe média, sempre mais organizados que as classes dos andares mais abaixo, impede, pelo menos ainda no Brasil, a distribuição de renda de um forma mais correta, a meu ver. No Brasil isso só seria possível se o PT e o PSDB unisse forças.

    O exemplo clássico que tivemos há pouco foi a votação da CPMF. O PSDB foi favorável, mas por injunções eleitorais momentâneas, mudou de idéia e votou contra. E o movimento contrário foi capitaneado pelas forças das classes abastadas, como a FIESP.

    A distribuição de renda, portanto, é pura luta política. Os governos sociais democratas avançam, e os conservadores, recuam.

    [ ]'s Walder.
     
  12. PARKERsp

    PARKERsp www.transparencia.org.br

    Desde:
    20 Dez 2006
    Mensagens:
    3.151
    Obrigados:
    5
    Troféus:
    38
    Localização:
    São Paulo/SP/Brasil
    Eu tenho 3 sugestões:
    1)Destinar 50% das vagas em universidades públicas para estudantes advindos de escolas públicas
    2)Cobrar impostos da classe mais rica do país desonerando os menos favorecidos
    3)Combater a corrupção e o desvio de verbas com punições exemplares, devolvendo-se o que foi roubado
    (y)
     
  13. Jeaudium

    Jeaudium Música em 1°

    Desde:
    8 Jun 2005
    Mensagens:
    2.433
    Obrigados:
    4
    Troféus:
    0
    Localização:
    brazil/mg/itaúna
    Muita coisa pode ser feita ;pena que nada sera efetivamente feito estamos no brazil esqueceram.....
     
  14. andresson

    andresson Usuário

    Desde:
    19 Out 2007
    Mensagens:
    471
    Obrigados:
    2
    Troféus:
    0
    Localização:
    Belém - PA

    caro colegas, o que tem que ser feito estar tudo dito aqui por vcs, e de forma ate muito precisa para não politicos, o que mostra que não se sejam politizados, mas o que realmente atravanca o progresso do pais, e a colocação do caro colega Papillon, é a mudança da cabeça de nosso politicos, se é que podemos chamar os que freqüentam nosso congresso disso. politicos(pessoas inescrupulosas) que só pensam na forma mais rápida de roubar o patrimônio publico, apenas mudando essa etapa(a substituição desses politicos), todas as outras medidas apresentadas seriam empregadas de forma pratica e rápidas. podem acreditar que ela ocorreriam de forma natural. mas infelizmente temos que nos contentar com essa colocação verbal.
     
  15. Adler

    Adler In God We Trust

    Desde:
    29 Out 2004
    Mensagens:
    1.388
    Obrigados:
    1
    Troféus:
    38
    Localização:
    Somewhere in Brazil
    Caro Spiderman,
    Com relação a suas sugestões, permita-me dar o meu pitaco:

    1) Destinar 50% das vagas para universidades públicas é dar um tiro no pé na qualidade do ensino de nossas universidades. Como já disse nosso colega Papillon, vc já imaginou como seria o nível de aulas ? O pessoal do ensino público teria que fazer equalização das matérias para acompanhar o ritmo daqueles que vieram das escolas particulares e colocá-los em salas diferentes pode ser considerado racismo.
    É preferível que nossas universidades formem grandes mestres e doutores em pouca quantidade do que formar um monte de bacharéis/profissionais de qualidade duvidosa. Como disse antes, NMO universidade no Brasil tem que ser paga. Quem não tem recurso pra arcar com as despesas, pode pleitear uma bolsa de estudo ou então um financiamento educativo.

    2) No Brasil quem paga imposto é a classe média. Os ricos não são tributados na fonte pois a maioria não é assalariada. Tem que haver uma reforma tributária de forma a equacionar os impostos proporcional ao patrimônio da pessoa.

    3) Reforma judiciária e educação, para acabar com o famoso jeitinho brasileiro.
     
  16. Alex Sound

    Alex Sound Usuário Ativo

    Desde:
    23 Jul 2003
    Mensagens:
    7.898
    Obrigados:
    2
    Troféus:
    38
    Localização:
    Londrina - PR
    Para os mais pobres os impostos sobre consumo são os mais perversos, porque atingem diretamente aquilo que podem comprar: comida.

    O ICMS e IPI deveria ser reduzido a tarifas mínimas fiscalizatórias (tipo 1 %) para gêneros alimentícios (exceto bebidas alcooólicas e cigarro).

    Deveria também ser reduzido gradativamente a zero todos os impostos sobre as tarifas de transporte coletivo, outra despesa fixa das classe mais baixas.
     
  17. PARKERsp

    PARKERsp www.transparencia.org.br

    Desde:
    20 Dez 2006
    Mensagens:
    3.151
    Obrigados:
    5
    Troféus:
    38
    Localização:
    São Paulo/SP/Brasil
    Caro Adler!
    Eu não trabalho em nenhuma faculdade mas já ouvi algumas entrevistas de pessoas que atuam no setor!
    Segundo essas pessoas, o desempenho de alunos de escolas públicas e privadas se equivalem em um mesmo curso!
    Não comprovei de fato isso mas acredito que seja verdade!
    Eu mesmo, nunca estudei em escola particular porém não me acho menos capaz que alguém que estudou em uma!
    Essa medida seria em caráter temporário, não definitivo!
    Agora, se formos esperar a melhoria do nosso sistema de ensino, milhões de jovens pobres serão excluídos de uma chance melhor na vida!
    Note,como exemplo, as obras importantes para o nosso país que estão paradas há anos!
    A única diferença entre um jovem pobre e um rico é o acesso a informação!
    Inteligência, ambos têm!
     
  18. SONIC WOLF

    SONIC WOLF Usuário

    Desde:
    7 Mar 2005
    Mensagens:
    1.027
    Obrigados:
    2
    Troféus:
    0
    Localização:
    R E C I F E
    Parker,sabendo de suas ótimas intenções,sendo
    você um patriota,gostaria de dizer que não adianta
    dar aos alunos egressos de escolas públicas 50% das
    vagas.Essas pessoas NÃO iriam CONCLUIR seus cursos,
    pois não estariam PREPARADAS,não por culpa delas,
    mas de suas escolas primárias e secundárias.

    Esse é o âmago da questão.Temos a OBRIGAÇÃO
    de:
    1º) MELHORAR OS SALÁRIOS DOS PROFESSORES;

    2º)MELHORAR O TRANSPORTE ESCOLAR;

    3º)MELHORAR A ESTRUTURA FÍSICA DAS ESCOLAS;

    4º)MELHORAR O POLICIAMENTO DENTRO E FORA DAS
    ESCOLAS;

    5º)MELHORAR A MERENDA ESCOLAR;

    6º)MELHORAR A RENDA FAMILIAR DOS ALUNOS;

    Dentro de 20 ou 30 anos,os alunos oriundos dessas escolas
    públicas MELHORADAS não vão precisar lançar mão do subterfúgio
    de cotas.Vão ENTRAR nas faculdades e CONCLUIR seus cursos
    por MÉRITO.
     
  19. Adler

    Adler In God We Trust

    Desde:
    29 Out 2004
    Mensagens:
    1.388
    Obrigados:
    1
    Troféus:
    38
    Localização:
    Somewhere in Brazil
    Caro Parker, claro que sempre existem algumas exceções a regra. Existe sim boas escolas públicas pelo Brasil, porém poucas, diga-se de passagem, como também excelentes alunos que são melhores que de muitas escolas particulares. Entretanto, caro colega, esse universo de boas escolas públicas é um oásis no deserto.

    Se todas as pessoas que estudaram e/ou estudam em escolas públicas tivessem a sua inteligência e seu interesse em estudar em uma boa universidade para progredir na vida, pode ter certeza que o governo teria cumprido bem o seu papel na educação do país. Mas sabemos que ele está muito longe de cumprir isso.
     
  20. Adler

    Adler In God We Trust

    Desde:
    29 Out 2004
    Mensagens:
    1.388
    Obrigados:
    1
    Troféus:
    38
    Localização:
    Somewhere in Brazil
    Aproveitando o tópico, um exemplo de que poderia ser feito no país é a adoção de uma escola por um empresa.

    Veja o exemplo aqui da minha cidade onde a EMBRAER patrocionou o projeto de uma escola pública modelo. No último resultado do Enem ela ficou entre as melhores do país, além dos melhores índices de aprovação em universidades, seja pública ou privada.

    http://veja.abril.com.br/120406/p_126.html
     

Compartilhar esta Página