Cirilo Cabos  MD Áudio  Devialet  Audio Video e Cia
        


Página 74 de 195 PrimeiraPrimeira ... 2464697071727374757677787984124174 ... ÚltimaÚltima
Resultados 1.096 a 1.110 de 2923

Tópico: Power AMP com fonte chaveada


  1. #1096
    Membro
    Registro em
    30-8-10
    Localização
    N/D
    Mensagens
    12
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    Citação Originalmente Enviado por digital2010 Ver Mensagem
    Faça um teste ai assim... Retire o TRIAC e se for usar 110 coloque um fio do AC no centro... e veja oque acontece... para mim o problema esta deve estar no gate do TRIAC principal que chaveia 110/220... isso deve ter sido copiado de umas fontes de computador que tem agora com uma plaquinha interna para que não seja nescessário a chavinha de 110/220. Agora se for testar com 220 retire pelo amor de deus o TRIAC, por que é quase 99% de chance que esse TRIAC esta com problema no GATE... uma outra coisa muito interessante é que com alguns TRIAC não funcionou, experimente usar o BTA-16.
    com o fio em 110V ele funciona 100%, tambem fiz um teste louco retirei o resistor de 15K do circuito e coloquei um resistor de 47K entre o diac e a entrada de 110VAC, com isso tambem funciona com o triac em 110VAC, mas "NÃO" ligar desta forma em 220VAC, senão vai voar pedaços de capacitores para todo lado!!!!!
    não conheço muito bem o funcionamento do diac, mas parece ser mais indicado para funcionar em AC do que em DC e pelo circuito ele está em DC.

    por aqui ficam meus comentarios finais sobre a fonte;

    possivel causa da anomalia da voltagem subir nos capacitores alem dos 400VDC em 220VAC mesmo sem estar o dobrador acionado, acredito que seja defeito no projeto da placa da fonte, quanto ao transformador fica impossivel dar um parecer favoravel ou não sobre ele pois não conheço o fabricante, mas parece estar funcionando bem, pois se a fonte for ligada em 110AVC com o fio fazendo curto para acionar o dobrador ele funciona "normalmente", isso pelo fato de não ter sido testado com nenhuma carga na saida da fonte, o que a meu ver mais condena a placa é o fato de não ter um sinal quadrado em nenhum dos gate´s dos igbt´s isso comprovado com ajuda de ociloscópio e tambem o fato da frequencia nas saidas do "SG3524" apresentar diferença de frequencia e forma de onda quando em funcionamento conectada a rede elétrica.

    quando alimentada por fonte externa o funcionamento do "SG3524" é normal, incluindo a voltagem de 24.5KHZ em ambas as saidas do integrado e sinal quadrado perfeito, presente tambem nos gate´s dos igbt´s.

    a partir de agora vou entrar em contato com o fabricante para verificar o que pode ser feito tendo em vista que não é um defeito comum.


  2. #1097
    Membro
    Registro em
    8-9-10
    Localização
    Belem/Para
    Mensagens
    1
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    ola Carlos e meu primeiro post e gostei muito do seu comentario a respeito da usina se vc ainda esta precisando de ajuda sobre o Proteus ........ o meu email:
    meupatraowillem@hotmail.com

  3. #1098
    Novo Membro
    Registro em
    20-8-10
    Localização
    sao joao da boa vista-sp
    Mensagens
    17
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    moscananrt eu peferi usar o sg 3525 pode nao parecer mais tambem e muito versatil comparado ao tl 494 e outos quanto ao uc 3842 tenho bastante projetos usando ele mais vc acha bem facil no google imagens tenta smps uc 3842 da pra voce se divertir bastante!!!!!!!!

  4. #1099
    Membro
    Registro em
    19-11-09
    Localização
    Cedral/SP/Brasil
    Mensagens
    7
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    Carlos, vê se descobre qual IGBT ou FET é usado... isso é muito importante aqui para o pessoal. É uma vergonha mesmo esse lance de rasparem os valores dos componentes. Bom, pra quem quer uma mulher que nunca administrou nem a casa dela para presidente... Coisas de alguns Brasileiro.

  5. #1100
    Membro
    Registro em
    30-8-10
    Localização
    N/D
    Mensagens
    12
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    em contato com a Spark consegui falar com o Sr. Renzzo o qual me passou as seguintes informações; não ligar a fonte sem carga, pelo menos ligar uma lampada automotiva na saida da fonte e comentou que tem sim uma modificação nos produtos novos para funcionar aqui em Santa Catarina.
    com isso fico no aguardo e tranquilo com o atenção com que fui atendido.

  6. #1101
    Membro Avatar do(a) Muriloo
    Registro em
    21-4-08
    Localização
    Araras - SP
    Mensagens
    945
    Nome Verdadeiro
    Murilo Sonegatti
    ——————————————
    Obrigado:
    28 concedido(s)
    106 recebidos por 83 msgs

    Projetista bom heim!

  7. #1102
    Membro
    Registro em
    30-8-10
    Localização
    N/D
    Mensagens
    12
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    Citação Originalmente Enviado por Muriloo Ver Mensagem
    Projetista bom heim!
    bom segundo as insformações que ele me passou, este aqui que eu tenho em mãos é um projeto antigo, e foi feito para trabalhar em redes 110VAC e 220VAC a partir de duas linhas 110VAC, aqui é 220VAC com uma linha fase e outra neutro, pode ter alguma coisa a ver com isso ou não.
    mas o importante é que deu um retorno positivo sobre um problema que aconteceu aqui, e antes de comprar esta fonte já sabia que ela estava com defeito então não posso reclamar .

  8. #1103
    Membro
    Registro em
    10-10-09
    Localização
    icara sc
    Mensagens
    13
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    tem um video no youtube, que mostra ela trabalhando de 80vac a 230vac, ele tem um aparelho que aumenta e baixa a tensao do gerador.

    e observacao, os cara poderiam caprichar mais no visual, heim, ate a minha vo faz um circuito mais bonito. , mais o aspecto e a alma do negocio.

    funcionar ela funciona e bem.

    ate

  9. #1104
    Membro
    Registro em
    17-1-09
    Localização
    SAPIRANGA RS BRASIL
    Mensagens
    2
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    Citação Originalmente Enviado por Carlosbs Ver Mensagem
    bom segundo as insformações que ele me passou, este aqui que eu tenho em mãos é um projeto antigo, e foi feito para trabalhar em redes 110VAC e 220VAC a partir de duas linhas 110VAC, aqui é 220VAC com uma linha fase e outra neutro, pode ter alguma coisa a ver com isso ou não.
    mas o importante é que deu um retorno positivo sobre um problema que aconteceu aqui, e antes de comprar esta fonte já sabia que ela estava com defeito então não posso reclamar .
    Num circuito que opera com CA, na teoria independe o fato de ser a fonte de duas fases ou de uma fase mais neutro, se você aplicar num diagrama fasorial os ângulos criados pela tensão, e pela corrente fornecidos por esse tipo de fonte em função de sua carga e seu fator de potência, vai ver que a energia fornecida e consumida em qualquer dos casos será a mesma para a mesma carga.
    Ainda, não sei se a rede aí de SC é 380/220 que é o padrão na maior parte das cidades aqui do RS, ou 220/127 como na capital e litoral de nosso estado.
    Mas qualquer que seja o seu caso, posso te garantir que todos ou pelo menos a grande maioria dos equipamentos de condicionamento de ar são produzidos para operar em 220VCA, se duas fases, ou fase neutro, não importa, funciona do mesmo modo.
    Pela lógica, se você retifica uma CA, não importa o quão defasada esteja uma fase da outra, você vai obter CC.
    Tanto isso é verdade que em inversores de frequência para pequenos motores trifásicos se utiliza alimentação monofásica e após a retificação e controle se cria a defasagem de 120 graus entre as fases, apenas em equipamentos mais potentes se utiliza alimentação CA3~ dado sim o consumo de corrente da carga, por isso para reduzir o riple na entrada e não sobrecarregar a rede de energia faz-se uso deste tipo de ligação.
    Até mesmo sua fonte, poderia ser alimentada por um retificador trifásico, precisaria apenas de 6 diodos ligados numa configuração em ponte tripla, desde que sua rede seja 220/127, caso que após a retificação e filtragem obteriamos não mais que os 310 volts.
    E em caso de fontes trifásicas em 380/220, seria necessário sim, alterar a tensão reversa dos diodos , isolamento dos capacitores para 600V, e todo o resto dimensionado para esta tensão.
    Um dia ainda vou dar uma de corajoso e investir numa empreitada maior como essa, quando folgar de grana, quero ainda fazer um retificador porrudo para solda.

    Espero ter ajudado em algo.

    Abraços.

    Fábio.

  10. #1105
    Membro
    Registro em
    23-2-08
    Localização
    salvador BA
    Mensagens
    107
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    4 recebidos por 4 msgs

    Topologia da fonte ATX seventeam

    Olá!


    estava olhando este esquema da fonte seveteam http://www.eetindia.co.in/STATIC/PDF...URCES=DOWNLOAD

    e fiquei com uma dúvida:

    1º) É necessário um GAP ( fenda) no trafo nessa topologia de fonte, como nas fontes chaveada flyback ?

    2º) É como a fonte chaveada flyback que quando o Mosfet chaveia o pulso, a enegia é armazenada no trafo em forma magnética, e só quando o mosfet está em Off é que a enegia é transferiuada para carga?

    Achei esta topologia muito interessante, podendo economizar nos capacitores se comparada a topologia half bridge http://schmidt-walter.eit.h-da.de/sm...dw_smps_e.html

  11. #1106
    Colaborador
    Registro em
    30-9-09
    Localização
    sapiranga rs brasil
    Mensagens
    495
    Nome Verdadeiro
    Zimmer
    ——————————————
    Obrigado:
    47 concedido(s)
    103 recebidos por 81 msgs

    Meu Sistema
    Sistema do(a) fabioz@ceee
    Fonte(s):
    Com qualidade, tanto faz
    Receiver/Pré/Pro/Amp:
    Com qualidade, tanto faz
    Caixas Acústicas:
    Com qualidade, tanto faz
    Cabos:
    Com qualidade, tanto faz
    TV/Monitor/Projetor:
    Com qualidade, tanto faz
    Acessórios:
    Com qualidade, tanto faz

    Citação Originalmente Enviado por albert_emule@hotmail Ver Mensagem
    Olá!


    estava olhando este esquema da fonte seveteam http://www.eetindia.co.in/STATIC/PDF...URCES=DOWNLOAD

    e fiquei com uma dúvida:

    1º) É necessário um GAP ( fenda) no trafo nessa topologia de fonte, como nas fontes chaveada flyback ?

    2º) É como a fonte chaveada flyback que quando o Mosfet chaveia o pulso, a enegia é armazenada no trafo em forma magnética, e só quando o mosfet está em Off é que a enegia é transferiuada para carga?

    Achei esta topologia muito interessante, podendo economizar nos capacitores se comparada a topologia half bridge http://schmidt-walter.eit.h-da.de/sm...dw_smps_e.html
    Creio que sim, tanto que para proteção dos transistores em relação a força contra-eletromotriz induzida pelo trafo na bobina do primário, você tem dois diodos ligados em anti-paralelo com os transistores, se não os tivesse POW. Mas... ,pelo que li a respeito dessa topologia, e apesar de nunca ter trabalhado com ela, apenas se usa entreferro no caso do conversor forward com 1 transistor, onde também se aplica mais uma bobina. Tenho um exemplo de cálculo de uma fonte dessa topologia numa apostila em pdf e não fala e gap...
    Mas como disse, nunca mexi nesse tipo de fonte e não tenho curiosidade da da sua limitação de potência, no máximo dos máximos dos máximos uns 1000W e olha lá.
    Quanto a economizar em capacitores, vais ter que gastar um bom valor a mais em transistores de tensão maior que os utilizados numa half bridre.
    Mesmo assim, tenho bastante material sobre o assunto, se quiseres posso te enviar... o seu endereço que está aí é msn ? se for lhe adicionei...
    Se quiser gastar uns 30 pilas, pode adquirir o livro: PROJETOS DE FONTES CHAVEADAS , do INEP ( INSTITUTO DE ELETRÔNICA DE POTÊNCIA ) de Santa Catarina, do professor Ivo Barbi, eu comprei e não me arrependi, é bem avançado, muitas fórmulas, quase só fórmulas, rsrsrsrsrsr, mas me foi e ainda é extremamente útil. Pelo preço vale a pena. O bom é que tu compra pela NET e o instituto lhe envia pelo correio. Procure no site do INEP ou do prof IVO BARBI mesmo, lá vai encontrar o email de contato dele, que me retornou pessoalmente, muito prestativo, não tenho mais ele nos meus arquivos se não te passava.

    Abraços.

    Fábio.
    Editado por fabioz@ceee, 12-09-2010 às 22:57. Motivo: Correção do texto, gramática

  12. #1107
    Membro
    Registro em
    30-8-10
    Localização
    N/D
    Mensagens
    12
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    Citação Originalmente Enviado por digital2010 Ver Mensagem
    Carlos, vê se descobre qual IGBT ou FET é usado... isso é muito importante aqui para o pessoal. É uma vergonha mesmo esse lance de rasparem os valores dos componentes. Bom, pra quem quer uma mulher que nunca administrou nem a casa dela para presidente... Coisas de alguns Brasileiro.
    quanto aos IGBT, eu acho que devem ser de 50A para 500V ou 600V com diodo interno, os que tenho aqui são raspados.
    quanto ao comentario sobre a presidente não saber limpar a casa minha mãe sabe, mas não quer saber de politica

    Citação Originalmente Enviado por tezza2 Ver Mensagem
    tem um video no youtube, que mostra ela trabalhando de 80vac a 230vac, ele tem um aparelho que aumenta e baixa a tensao do gerador.

    e observacao, os cara poderiam caprichar mais no visual, heim, ate a minha vo faz um circuito mais bonito. , mais o aspecto e a alma do negocio.

    funcionar ela funciona e bem.

    ate
    sim vi o video do yotube, acho que já é a fonte modelo novo.
    quanto ao acabamento é simples, mas funciona.

    Citação Originalmente Enviado por IMAP.ELETRO Ver Mensagem
    Num circuito que opera com CA, na teoria independe o fato de ser a fonte de duas fases ou de uma fase mais neutro, se você aplicar num diagrama fasorial os ângulos criados pela tensão, e pela corrente fornecidos por esse tipo de fonte em função de sua carga e seu fator de potência, vai ver que a energia fornecida e consumida em qualquer dos casos será a mesma para a mesma carga.
    Ainda, não sei se a rede aí de SC é 380/220 que é o padrão na maior parte das cidades aqui do RS, ou 220/127 como na capital e litoral de nosso estado.
    Mas qualquer que seja o seu caso, posso te garantir que todos ou pelo menos a grande maioria dos equipamentos de condicionamento de ar são produzidos para operar em 220VCA, se duas fases, ou fase neutro, não importa, funciona do mesmo modo.
    Pela lógica, se você retifica uma CA, não importa o quão defasada esteja uma fase da outra, você vai obter CC.
    Tanto isso é verdade que em inversores de frequência para pequenos motores trifásicos se utiliza alimentação monofásica e após a retificação e controle se cria a defasagem de 120 graus entre as fases, apenas em equipamentos mais potentes se utiliza alimentação CA3~ dado sim o consumo de corrente da carga, por isso para reduzir o riple na entrada e não sobrecarregar a rede de energia faz-se uso deste tipo de ligação.
    Até mesmo sua fonte, poderia ser alimentada por um retificador trifásico, precisaria apenas de 6 diodos ligados numa configuração em ponte tripla, desde que sua rede seja 220/127, caso que após a retificação e filtragem obteriamos não mais que os 310 volts.
    E em caso de fontes trifásicas em 380/220, seria necessário sim, alterar a tensão reversa dos diodos , isolamento dos capacitores para 600V, e todo o resto dimensionado para esta tensão.
    Um dia ainda vou dar uma de corajoso e investir numa empreitada maior como essa, quando folgar de grana, quero ainda fazer um retificador porrudo para solda.

    Espero ter ajudado em algo.

    Abraços.

    Fábio.
    aqui em Santa Catarina a voltagem residencial da rede é 220VAC tambem temos linhas especiais para a industria e propriedades rurais, 110VAC, 110VAC + 110VAC, 220VAC, 380VAC.

    agora dando continuidade ao relato de manutenção da fonte, realmente para ela funcionar e conseguir fazer os teste da forma de onda da frequencia e voltagens na fonte é preciso ligar um cibié na saida da fonte, com isso podemos medir a voltagem nos capacitores de entrada a frequencia e a forma de onda nos gate´s.
    então com isso a fonte já funciona em 220VAC só falta fazer ela funcionar em modo automatico em 110VAC.

  13. #1108
    Membro
    Registro em
    3-2-10
    Localização
    paraiba
    Mensagens
    29
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    olá.

    sou novo aqui. faz um tempo que leio neste fórum, e estão de parabéns.

    queria tirar uma duvida com vocês.

    eu posso utilizar mosfets no lugar dos diodos de retificação?

    se a resposta for positiva, posso usar sem os resitores nos gates???

    mais uma.

    posso usa-los para altas potências???

    muito obrigado e fiquem com Deus.

  14. #1109
    Membro Avatar do(a) Muriloo
    Registro em
    21-4-08
    Localização
    Araras - SP
    Mensagens
    945
    Nome Verdadeiro
    Murilo Sonegatti
    ——————————————
    Obrigado:
    28 concedido(s)
    106 recebidos por 83 msgs

    Oque vc diz de fazer se chama retificação sincrona, synchronous rectification, o resistor de gate é utilizado para evitar a condução muito rapida de um mosfet como seria o caso, dependendo o tipo de acionamento dele há a necessidade de se limitar a tensão Vgs aplicada, no caso do IRFP4004 é de 20v por exemplo.

    Em um projeto aqui, pra se ter idéia, utilizam 8x IRF1503 em cada ramo e uma fonte chaveada separada apenas para o acionamento deles.

    As vezes é mais facil utilizar apenas diodos mesmo.

    Abraço
    Murilo

  15. #1110
    Membro
    Registro em
    3-2-10
    Localização
    paraiba
    Mensagens
    29
    ——————————————
    Obrigado:
    0 concedido(s)
    0 recebidos por 0 msgs

    realmente é muito trabalhoso...

    mas no caso da mesma fonte, te um enrolamento só para dar o funcionamento do mesmo..
    Ex:

    tenho o trafo simetrico, 30-0-30v, e fazer outro simetrico na mesma fonte digamos de 15-0-15, pode ser que ele funcione direito??

    não sei se estou me expressando bem, mas qualquer coisa, se não entender, é só falar...

    eu vi um assunto aqui mesmo, mas não tinha entendido...

    o pouco que entendi, é o rendimento da fonte vai lá pra riba! rs
    muito obrigado.

    Deus os abençoe.

 
 
 
Página 74 de 195 PrimeiraPrimeira ... 2464697071727374757677787984124174 ... ÚltimaÚltima

Tópicos Semelhantes

  1. Alta corrente X "baixa" corrente
    De Claudão no fórum Receivers e Amplificadores Multicanal
    Respostas: 24
    Última Msg: 18-08-2010, 11:04
  2. Power Rotel RB-1050 X Receiver Rotel 1065 !!!
    De aramys no fórum Receivers e Amplificadores Multicanal
    Respostas: 4
    Última Msg: 09-11-2008, 22:47
  3. Afinal, condicionadores capam a dinâmica ou não???
    De aramys no fórum Energia, Alimentação e Aterramento
    Respostas: 73
    Última Msg: 12-10-2008, 10:32
  4. Power Rotel RB-1050 !!!
    De aramys no fórum [Classif] Receivers, Amps, Prés, Procs, Kits
    Respostas: 8
    Última Msg: 25-04-2005, 09:52
  5. POWER JEFF ROWLAND MODEL 2 + BATTERY Power SUPPLY BPS-2
    De Aucibio no fórum Compra/Venda/Troca de Hardware
    Respostas: 10
    Última Msg: 07-10-2004, 18:07

Tags para este Tópico

Regras de Postagem

  • Você não pode criar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode anexar arquivos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  
  • Tags estão Ligado(s)
  • Smilies estão Ligado(s)
  • Tag [IMG] está Ligado(s)
  • Tag [VIDEO] está Ligado(s)
  • Código HTML está Desligado