Anúncio do HT Forum

Amplificador Yamaha A-S201 x Volume

Discussão em 'Amplificadores, Prés e Integrados' iniciada por PsychoKiller, 16 Ago 2017.

  1. PsychoKiller

    PsychoKiller Usuário


    Desde 3 Mai 2015
    Curitiba
    Anúncio do HT Forum
    Bom dia senhores,

    adquiri um amplificador integrado Yamaha A-S201.
    Estou utilizando o mesmo com um par de bookshelfs JBL Arena 120 (8 ohms), utilizando o line na saída do PC e também com um toca disco Polyvox TD-3000.

    Ocorre que o aparelho não tem um volume muito alto, em ambos os casos (PC e TD) só é possível ouvir som ao passar do volume 35, sendo que no volume 70 o mesmo começa a ficar mais encorpado, porém mesmo próximo aos volumes máximo, o som não é extremamente alto.

    Comparando com o meu antigo receiver um Akai AA-910 de 20Watts, utilizando as mesmas fontes sonoras e caixas, o Yamaha se aproxima na metade de volume mais ou menos.

    Alguém aqui possui o Yamaha e sente isso, ou será que fui premiado com uma unidade com problema.
    Lembrando que realizei a compra de um produto novo e lacrado.

    Agradeço desde já!
     


    Anúncio do HT Forum
  2. RAJANE

    RAJANE Usuário


    Desde 6 Jan 2005
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil

    Este Yamaha é fraquinho mesmo.

    Se conseguir elevar o sinal de sua fonte ele vai melhorar um pouco.

    Tem qualidade, mas falta potencia.

    E suas JBL preferem algo mais vigoroso como power.

    O que sente na realidade é falta de corrente para os graves, por isso que so em 70% do volume sente que aparece algum vigor.

    Seu aparelho deve estar perfeito, apenas se decepcionou por esperar algo mais forte por acreditar na potencia declarada pela Yamaha.

    Mas não é um aparelho ruim não, apenas tem suas limitações.

    Abraços.

    Rajane.
     
    • 2
  3. FENIXCLOAD

    FENIXCLOAD Usuário


    Desde 22 Fev 2012
    br
    a solução para voce e utilizar algum equipamento para dar ganho no volume antes de entrar no amplificador
    um mixer ou um equalizador pode resolver
     
    • 1
  4. PsychoKiller

    PsychoKiller Usuário


    Desde 3 Mai 2015
    Curitiba
    Agradeço a sugestão Marcelo, mas creio que a sugestão não seja muito viável.
     
  5. dradrielrs

    dradrielrs Usuário


    Desde 12 Nov 2014
    Bento Gonçalves - RS
    Imagino que não seja possível ligar um equalizador nesse amplificador Yamaha.
     
  6. silvanorocha2

    silvanorocha2 Usuário


    Desde 17 Jan 2019
    Joinville
    Bom dia amigo. Desculpem desenterrar o tópico, mas não tem muita coisa de Yamaha A-S201. Como estou na dúvida entre ele e o A-S201 (pelo custo), gostaria de saber se resolveu o problema e se o Ampli tem lhe atendido? A ideia será utilizar com um par de Torrer Pioneer FS52 ou Onkyo SKF-4800.

    Obrigado.
     
  7. Kinsons

    Kinsons Usuário

    232 136 45

    Desde 5 Dez 2008
    Somewhere
    Para as Pioneer FS52, se for integrado Yamaha, no mínimo Yamaha A-S501 ou S701.
    Outro integrado pode ser o Cambridge CXA80, para se ter boa qualidade e nível.
    Os demais não tenho, e portanto não posso opinar.
     
  8. PsychoKiller

    PsychoKiller Usuário


    Desde 3 Mai 2015
    Curitiba
    @silvanorocha2@silvanorocha2, eu continuo utilizando o Yamaha AS-201, atualmente utilizo books KEF Q300.
    Acho que o amplificador não consegue extrair 100% das caixas, porém tem me atendido bem.
    Ele não é um amp com muito volume, mas com o tempo e a queima do mesmo ele começou a ter uma melhora na definição do som, e também senti uma melhora na questão de corpo e volume.

    Entretanto, como eu gosto de ouvir música com peso, normalmente ouço com pelo menos 60% do volume, e acho que para um amp de entrada ele tem uma excelente qualidade de som. Mas, se puder guardar um pouco mais de grana, parta para o 501 que acredito que irá te atender melhor.
     
  9. silvanorocha2

    silvanorocha2 Usuário


    Desde 17 Jan 2019
    Joinville
    Obrigado amigos, o problema é que saímos de R$1300 para R$2600. Isso que queria entender e você explicou bem, se pra você que curte música com Peso ele te atende em 60%, eu nunca passarei de 50%, sacou? Não gosto de música muito Alta, queria mesmo uma qualidade boa em baixos volumes e um certo Grave (por isso as caixas maiores) sem precisar de um SUB. É Mil aqui, Mil ali..... Pensei em pegar um AMP razoável, que atenda inicialmente e já pegar umas caixas mais TOP, assim manteria por muito tempo as caixas e só num futuro distante pegaria ampli melhor.

    Vem a dúvida: 1) Yamaha AS-201 + Caixas Torres Pioneer FS52 / Onkyo ou;
    2) Yamaha AS-301 ou 501 com umas caixas mais fraquinhas....

    Sacou? Acho que nessa comparação de mesmo preço, um ampli mais fraquinho com caixas melhores sairá melhor que um Ampli TOP com caixas mais fraquinhas, estou certo?
     
  10. RAJANE

    RAJANE Usuário


    Desde 6 Jan 2005
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil

    Eu tenho uma maneira de pensar meio restrita neste sentido, audio para ser seguro em questão de se preservar a qualidade e o equipamento seja ele caro ou barato, tem que se ter pelo menos 60% a mais da maxima potencia que por ventura poderíamos precisar.

    Pensando assim, se espera que no mínimo se deva comprar 100% a mais de potencia necessária para nossas necessidades do dia a dia ouvindo com parcimônia.

    Eu penso em um degrau de cada vez, se é o amplificador/integrado é o que vai ser comprado agora pense que ele é o carro chefe de seu set, esta é sua usina de força, e quanto mais reserva de força mais qualidade, segurança, mais possibilidade de evoluir no futuro sem ter que se desfazer deste equipamento por ele ser fraco para suas novas preferencias no futuro.

    Eu acho que o mais econômico aparelho desta serie é o da linha 7, o 701, ele atende bem e lhe da algum recurso, e ainda ficaria muito tempo aceitando esta e aquela caixa.

    Se não pode ser ele pense na linha 5 o 501 como a raspa do tacho para se ter o mínimo de tudo que na maioria dos casos vai precisar.

    Menos que isso em pouco tempo vai ver que esta faltando potencia para sustentar o grave, para lhe assegurar estabilidade em picos de audio, e para se ter alguma versatilidade nas caixas.

    Acredite, neste inicio o barato sai caro.

    Abraços a todos.

    Rajane.
     
  11. silvanorocha2

    silvanorocha2 Usuário


    Desde 17 Jan 2019
    Joinville
    Obrigado Rajane, você iria então de "Ampli melhor x Caixas mais fracas" e num futuro investir em caixas melhores? Eu preciso de SOM pois irei me desfazer do Home Samsung e para isso teria que comprar os 2 numa vez só, senão a patroa me mata ficar sem SOM. Pensei então numa Yamaha AS-501 + JBL de entrada e aí depois eu uso elas como 3o e 4a caixas estéreo, o que achas?
     
  12. PsychoKiller

    PsychoKiller Usuário


    Desde 3 Mai 2015
    Curitiba
    @silvanorocha2@silvanorocha2
    Eu comprei o 201, lendo opiniões aqui no fórum. Ele é um excelente amplificador de entrada. Consigo uma qualidade muito boa de áudio, e um volume razoável. Porém acredito que ele terá dificuldades em empurrar caixas grandes, no caso de torres, ou mesmo books que exijam uma maior potência.
    No meu caso, eu acho que ele não satisfaz as KEFs que tenho utilizado.

    Se eu iniciasse o meu sistema agora, a minha primeira opção seria comprar um amplificador melhor pra ter mais facilidade em substituir as caixas posteriormente.

    No caso como vc informou, acredito que o 501 + JBL seriam um casamento interessante, e posteriormente vc consegue substituir as caixas com maior facilidade. As JBL Arena 120 que eu tinha, acabei conseguindo vender por apenas R$ 60 a menos do que paguei, isso que as caixas tinham mais ou menos 2 anos de uso. E em relação ao UP de caixas, senti pouca diferença entre as duas, talvez por conta do amplificador não satisfazer as caixas.
     
  13. RAJANE

    RAJANE Usuário


    Desde 6 Jan 2005
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil


    Pelo menos vai ter com o 501 uma melhor qualidade na sua reserva de potencia.

    Qualidade de audio todos estes Yamaha tem, o que difere entre um e outro é ter ou não ter um mínimo de reserva de potencia.

    Se der para comprar o 501 e um par de JBL Arena 130 vai ter um conjunto que vai lhe dar muita alegria, e não vai pensar em trocar nada por um bom tempo.

    Abraços a todos.

    Rajane.
     
    • 2
  14. André Ribeiro

    André Ribeiro Usuário


    Desde 26 Ago 2013
    Rio de Janeiro
    O fato de só começar a ouvir no volume 35 é normal, já que a maioria dos aparelhos usa escala logarítmica.
    Quanto ao som só ficar mais encorpado no 70, além de o Integrado não ter muita potência, essas caixas tem uma sensibilidade bastante baixa (86db), além de só descer até 100Hz.
    A minha sugestão seria olhar caixas com maior sensibilidade e que desçam mais nos graves como as Klipsch.
     
    Última edição: 26 Jan 2019
    • 2
  15. Fox _ Mulder

    Fox _ Mulder Usuário

    3.365 5.295 716

    Desde 18 Out 2009
    Niterói - RJ
    André, é isso mesmo as Specs dele? Potência máxima (4 ohms, 1 kHz, 0,7% THD, para a Europa) 140 W + 140 W
    Potência máxima (8 ohms, 1 kHz, 10% THD) 100 W + 100 W
     
    • 1
  16. André Ribeiro

    André Ribeiro Usuário


    Desde 26 Ago 2013
    Rio de Janeiro
    Pois é, as specs não mostram 20Hz-20kHz com THD inferior a 1%.
    Creio que nessas condições deve dar perto de 50w/ch em 8 ohms.
     
    Última edição: 26 Jan 2019
    • 1
  17. silvanorocha2

    silvanorocha2 Usuário


    Desde 17 Jan 2019
    Joinville
    Obrigado Rajane. Você considera essa JBL Arena 130 melhor que a klipsch R15M para início? Os preços são os mesmos.
     
    • 1
  18. RAJANE

    RAJANE Usuário


    Desde 6 Jan 2005
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil

    Vou ser bem direto, mas veja bem, esta é uma referencia pautada no meu gosto pessoal, o porque de eu escolher esta ou aquela caixa, afinal são caixas que tem uma assinatura sônica totalmente diferente, alguns suportam ouvir de um modo e outros não suportam ouvir desta mesma maneira, cada uma destas caixas tem seu projeto, e usam diferentes tecnologias para tocar as altas frequências.

    Não compraria a R15M de forma alguma, apesar de achar que ela é mais bonita que a Arena 130 não escolheria ela nem me pagando o frete e dando um descontão.

    Eu daria preferencia pelo drive maior(a R15M tem seu drive de 5.25" e a Arena tem um drive de 7"), me agradaria pela caixa mais robusta (a R15m pesa 4.67 kg e a Arena 130 pesa 6.1 kg) e descartaria o drive de compressão no lugar do tweeter, (a R15M usa corneta não usa tweeter e a Arena usa o tradicional tweeter de dommo), e finalmente ficaria com a caixa de maior tamanho por seu volume cubico maior.

    Claro que a sensibilidade da R15M é maior, ela fala mais alto sim, exatamente por não ter tweeter que ela grita mais com uma assinatura sônica que não me agrada, com sua corneta ela berra quando não deveria, eu não me seduzo por ter uma maior sensibilidade nestas condições.

    Eu escolheria a Arena 130 não por ser JBL, mas por ter um projeto mais coerente com minhas preferencias mais tradicionais na escolha do projeto de uma caixa.

    No seu caso em particular, ter um Yamaha 501 e uma caixa menos sensível de projeto tradicional usando tweeter e um drive maior numa caixa de maior volume com duas vias é uma receita de bolo antiga e aceita desde sempre, o feijão com arroz, vai ser suave nos médios, tranquila nos agudos e tera o grave que gostaria de ouvir em um sistema deste tamanho.

    Agora tem gente que gosta de drive de compressão, acham muito natural ouvir desta maneira, e conseguem não ter fadiga auditiva ouvindo assim, temos que respeitar o gosto destas pessoas e dar parabéns a robustez de suas orelhas.

    Eu não gosto e não aguento por muito tempo drive de compressão no lugar do tweeter, ter um drive de compressão bem controlado dedicado a tocar médios um pouco mais cristalinos em um sistema de varias vias com o tweeter tocando o que deveria tem seu valor, afinal toda evolução tem seu mérito, mas ter esta tecnologia como única via para tocar tudo que não for grave não me agrada.

    Esta é minha opinião.

    Neste caso a JBL Arena 130 seria minha escolha.


    Abraços a todos.

    Rajane.
     
    • 1
  19. silvanorocha2

    silvanorocha2 Usuário


    Desde 17 Jan 2019
    Joinville
    Muito obrigado Rajane, ajudou muito. Eu ODEIO cornetas nos sons de Carro, então já sei que não irei me adaptar com essas klipsch mesmo. Só não vi muita vantagem em investir 500 reais a mais no A-s501 perante o 301, sabes se realmente tem diferença na qualidade do Som?
     
  20. RAJANE

    RAJANE Usuário


    Desde 6 Jan 2005
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil
    [QUOTE="silvanorocha2, post: 8663494, member: 359269"]Só não vi muita vantagem em investir 500 reais a mais no A-s501 perante o 301, sabes se realmente tem diferença na qualidade do Som?[/QUOTE]


    Entendo que falar sobre o dinheiro alheio é tarefa complicada.

    Apenas posso responder que os 25W e os quilos a mais de transformador (1.3kg) que o 501 tem a maior fazem muita diferença na hora de se ter uma reserva para os picos de graves.

    Acredito que o barato sai caro na hora de se revender um aparelho por se ter arrependido ou ficar com ele sem estar muito satisfeito para evitar um prejuízo.

    E ler numero em manual é coisa muito ingrata, estes valores de potencia, sensibilidade e etc são muito bonitos no papel, na realidade tudo pode fazer ou não diferença significativa, cada caso é um caso, na pratica a teoria nem sempre se faz realidade.

    Sei que é desagradável se fazer uma planilha de quanto se vai gastar em um conjunto e alguem sugere gastar mais aqui e mais ali, mas a meu ver é melhor se fazer um sacrifício maior no inicio e se resguardar de uma troca a curto prazo.

    Em audio a gente se acostuma muito facilmente e o que era bom fica razoável muito antes do que se imagina, por isso começar um pouco mais potente é sempre mais seguro.

    Todos estes Yamaha tem sua qualidade a cima da media, so pecam por serem muito fracos.

    Acredite este 501 não é esta fortaleza toda não, ele é um aparelho bem de entrada em termos de potencia, menor que isso é para fazer o cliente trocar assim que puder, esta é a estratégia da Yamaha, da qualidade para o cliente ficar na marca e coloca o desejo de quero mais na falta de força para rapidinho se querer evoluir.

    Fuja desta armadilha dos fabricantes, é mais seguro comprar o 501.

    Uma caixa com drive de 7" como a Arena 130 com um 301 deixa desejar.

    Peça opinião ao máximo de pessoas que puder, vai ver todo tipo de preferencias e gostos diferenciados.

    Eu sou muito cabeça dura neste sentido de querer potencia de sobra para se usar somente 50% do que se tem, e de ter sempre um drive maior que de grave em baixo volume.

    Tenha muita paciência para gastar com muita calma seu capital, as vezes gastar mais no inicio é mais econômico a medio prazo.

    Abraços a todos.

    Rajane.
     
    • 1
  1. Usamos cookies próprios e de terceiros para dar um melhor serviço e mostrar publicidade. Ao continuar, aceita o seu uso.
    Fechar Aviso