ANEEL aprova regulamentação para ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA

Discussão em 'Energia, Alimentação e Aterramento' iniciada por aacasarin, 24 Abr 2012.

  1. RobertoPessoa

    RobertoPessoa Usuário


    Desde 21 Ago 2014
    RJ/RJ
    A taxa de consumo mínima é o valor que você paga, independente se você consumiu energia da concessionária ou não. Imagina o seu imóvel fechado (sem gerador de energia solar) durante um ano. Se você não mandar desligar o relógio, a concessionária lhe mandará a conta mensalmente com a taxa mínima, pois o sistema está disponível e ligado na sua residência. Caso não queira pagar, você teria que mandar desligar o relógio e só religar quando a casa fosse ocupada novamente.

    No caso da energia solar, funciona da mesma maneira e é autorizado pela ANEEL. O certo seria projetarmos sistemas menores do que nossa necessidade justamente para evitar darmos esse "presente" pra concessionária.
     
  2. GJCCAL

    GJCCAL Usuário

    8 1 3

    Desde 27 Dez 2019
    maceio
    335W
     
  3. GJCCAL

    GJCCAL Usuário

    8 1 3

    Desde 27 Dez 2019
    maceio
    Não há muita variação, mas em dias chuvosos a produção cai significativamente.

    Na projeção contida na proposta eu deveria produzir 1400 em dezembro para poder compensar a redução do mês de junho que tem previsão de produzir apenas 900. Com isso, na média, ficaria 1200 por mês. Acontece que em dezembro só produzi 1194 - bem menos que o previsto para o mês.
     
    • 1
  4. GJCCAL

    GJCCAL Usuário

    8 1 3

    Desde 27 Dez 2019
    maceio
    Então sempre que se tem o autoconsumo remoto damos um presente de 100 kw/mês para a concessionária?

    No meu caso, projetei o sistema para cobrir as despesas de dois imóveis. Um onde fica a produção (casa de praia) e outro na capital.
     
  5. RobertoPessoa

    RobertoPessoa Usuário


    Desde 21 Ago 2014
    RJ/RJ
    26 x 335 = 8,72 kWp, porém você fica limitado à capacidade (7,5 kWp) do inversor.
    Pra saber a capacidade máxima de produção do seu sistema você tem que consultar a radiação solar no seu endereço. Essa consulta pode ser feita no site
    http://www.cresesb.cepel.br/index.php?section=sundata&

    Multiplique o índice que encontrar pela capacidade do seu inversor e desconte uns 7% de perdas ou multiplique pelas placas e desconte uns 20, 22% de perdas.
     
  6. RobertoPessoa

    RobertoPessoa Usuário


    Desde 21 Ago 2014
    RJ/RJ
    Não tem relação com auto consumo, muito menos com consumo remoto. Tem relação com produzir mais do que se gasta.
    Se tudo que você produzir durante o dia conseguir consumir também durante o dia (isso é auto consumo) você não dará esse "presente" pra concessionária, pois você irá pagar pelo que consumir à noite.
     
  7. GJCCAL

    GJCCAL Usuário

    8 1 3

    Desde 27 Dez 2019
    maceio
    O Auto Consumo Remoto, nos termos da Resolução 482 - ANEEL, que regulamenta a energia solar no Brasil, é "caracterizado por unidades consumidoras de titularidade de uma mesma Pessoa Jurídica, incluídas matriz e filial, ou Pessoa Física que possua unidade consumidora com microgeração ou minigeração distribuída em local diferente das unidades consumidoras, dentro da mesma área de concessão ou permissão, nas quais a energia excedente será compensada".

    Significa que o excedente de energia produzido em um local pode ser utilizado em outro.

    Para isso acontecer, necessariamente, a quantidade de energia produzida no imóvel onde as placas estão instaladas deve ser superior ao consumo do imóvel (para poder sobrar para o outro).

    Só que, pelo que estou entendendo, no cálculo do excedente (que pode ser utilizado pelo outro imóvel) a concessionária está desconsiderando os 100kw da taxa mínima, o que me parece equivocado, ou seja, pagamos duas vezes por esses 100kw.

    Ex.: Se Produzo 1000 e consumi 500, a concessionária abate todos os 500 do produzido e deixa apenas 500 de crédito para o outro imóvel. Como 100 é a tarifa minima, acredito que deveria sobrar 600 para o outro imóvel. Se não for assim, vou pagar duas vezes pelos 100 da tarifa mínima.
     
  8. RobertoPessoa

    RobertoPessoa Usuário


    Desde 21 Ago 2014
    RJ/RJ
    Como eu disse antes: a taxa mínima não tem nenhuma relação com auto consumo ou consumo remoto. A relação é com produzir mais que o necessário. E isso pode acontecer mesmo que o seu consumo seja local, ou seja, sua usina só fornece energia no local aonde está instalada.
    Você está entendendo errado. Se ela passar os 600 pra outra residência (consumo remoto) você deixaria de pagar a taxa mínima que é referente ao CUSTO DE DISPONIBILIZAÇÃO DO SISTEMA, que tem os mesmos valores (em KWh) da taxa mínima das residências sem GD.

    Se você tem dois imóveis abastecidos pela mesma usina, logo você deve pagar duas taxas, uma para cada imóvel. Antes mesmo de você instalar a sua GD, você já pagava duas taxas mínimas, uma para cada imóvel, mesmo que eles ficassem fechados e não consumissem nada da concessionária.
     
  9. amsenna

    amsenna Usuário


    Desde 27 Jan 2010
    Palmas/TO/BR
    É, mas ele pagará duas vezes a taxa mínima e ainda abaterá 200kwh de seu saldo. Entendo também que e cobrança dupla.
     
  10. RobertoPessoa

    RobertoPessoa Usuário


    Desde 21 Ago 2014
    RJ/RJ
    Ele não vai abater 200 KWh.
     
  11. amsenna

    amsenna Usuário


    Desde 27 Jan 2010
    Palmas/TO/BR
    Descontar do que gerou.
     
  12. TAL666

    TAL666 Usuário


    Desde 25 Jul 2011
    São Paulo
    Alguém consegue me explicar a diferença dos valores marcados em vermelho nessa mina conta? Achava que produzindo igual ou mais que toda a energia consumida, iris pagar somente a taxa de disponibilidade (100kwh num sistema trifásico) e a de iluminação pública.

    20200104_214752.jpg
     
  13. m_andrade

    m_andrade Usuário


    Desde 24 Nov 2003
    Moji-Mirim-SP
    No estado de SP , não isenta icms TUSD , tive exatamente a mesma dúvida que você , veja :

    https://www.htforum.com/forum/threa...olar-fotovoltaica.189676/page-51#post-9091607
     
    • 1
  14. TAL666

    TAL666 Usuário


    Desde 25 Jul 2011
    São Paulo
  15. m_andrade

    m_andrade Usuário


    Desde 24 Nov 2003
    Moji-Mirim-SP
    Também fiquei meio puto quando descobri .

    Aqui é Bifásico , sempre vai vir na casa dos 90 reais , mesmo gerando mais do que consumindo , o que pode diminuir o valor é ficar consumo abaixo 200kw , com isso icms entra na faixa 12% e não 25% . Acredito que eu consiga no inverno , no verão é muito dificil por causa do ar condicionado .
     
  16. kelminho

    kelminho Usuário


    Desde 7 Out 2008
    Araxá
    Posição do presidente em relação a taxação.

     
  17. m_andrade

    m_andrade Usuário


    Desde 24 Nov 2003
    Moji-Mirim-SP
    E hoje ele postou isso :

    [​IMG]
     
  18. RobertoPessoa

    RobertoPessoa Usuário


    Desde 21 Ago 2014
    RJ/RJ
    Ele apenas tirou o dele da reta para poder sair bem na foto junto ao seu eleitorado. Como ele mesmo disse, a ANEEL é uma agência independente e o PR não tem poder de interferir nas decisões da ANEEL ou de qualquer outra agência reguladora. E ele ainda frisou: a decisão cabe à ANEEL. Ou seja, ele não pode fazer bosta nenhuma. Se o fizer, estará passando (para o mercado) uma atitude intervencionista nas agências reguladoras (que são autônomas), fazendo com que investidores internacionais fiquem com receio de investirem no Brasil.

    A ementa pode ficar pior que o soneto e isso ainda ir parar no STF, além da péssima da imagem autoritária/intervencionista do governo.
     
  19. m_andrade

    m_andrade Usuário


    Desde 24 Nov 2003
    Moji-Mirim-SP
    Mais 1 , depois deste video se taxar vai pegar mal para ele :

     
  20. TAL666

    TAL666 Usuário


    Desde 25 Jul 2011
    São Paulo
    Até parece que ele liga pra pegar mal ou não.
     
  1. Usamos cookies próprios e de terceiros para dar um melhor serviço e mostrar publicidade. Ao continuar, aceita o seu uso.
    Fechar Aviso