Anúncio do HT Forum

Aparelho inverter com mesmo consumo de outro convencional pela etiqueta PROCEL

Discussão em 'Ar Condicionado' iniciada por bpmendonca, 22 Ago 2018.

  1. bpmendonca

    bpmendonca Bruno Mendonca


    Desde 5 Nov 2005
    aracaju/se
    Ola amigos do Forum ,

    Hoje estava nas andanças para comprar meu novo ar split , pois o meu inverter queimou a placa e depois de 6 anos de uso decidi substitui-lo e nao repara-lo.

    Todos nós sabemos que a tecnologia tem um grande revés : O custo de reparação mas em compensação no quesito consumo ele dá um show nos convencionais ...

    Para minha grande surpresa , vi hoje de tarde , num grande magazine na minha cidade diversos aparelhos , de varias marcas , convencionais e inverters e um detalhe me chamou a atenção :

    1 aparelho inverter com selo procel A como o mesmo Consumo de 1 aparelho inverter , achei tao estranho que perguntei ao vendedor e o mesmo me disse que eu nao tinha sido o primeiro a perguntar ..

    Ao chegar em casa fui atras dos consumos e teste de inmetro e realmente os 2 aparelhos tem o mesmo consumo nominal, fiquei sem entender nada .. como pode um aparelho inverter consumir o mesmo do que um convencional ... falando-se obviamente de aparelhos com a mesmo btus (9.000)

    Se esta informacao proceder , o grande atrativo do inverter cai por terra ...

    Caro Jairo , se pudesse opinar .. agradeceria

    PS : Caso seja permitido e aprovado posso colocar as fotos das etiquetas
     
  2. jairo bertoni

    jairo bertoni Usuário


    Desde 24 Jun 2008
    ituiutaba/mg/brasil
    Opa..Já falamos sobre isso ...esse teste do inmetro é de uma hora em ambiente controlado ...Daí a principal caraterística da tecnologia de inversão ,cai por terra.Que é a operação fracionada ou modulação da operação que oferece a carga de acordo a demanda das fontes de calor durante sua operação diária ,semanal,mensal e anual .

    Exemplo um condicionador fixo on off oferece uma capacidade fixa de 9k ,os com inversão da mesma capacidade modula sua capacidade de acordo à demanda de carga térmica que é variável durante o tempo de operação.

    Modulando a capacidade entre 1700 btu´s(250 watt´s de potencia) aos 9000 btu´s( perto de 1000 watt´s de potencia) obtendo uma média com essa modulação na operação entre 30% a até incríveis 60% em relação aos fixos de mesma capacidade.Na etiqueta o fabricante por lei indica a potencia máxima ou nominal de trabalho que nos on/off é fixa e nos inverte´s é fracionada e modular ..

    E ainda essa potencia dentro da operação modulada dos condicionadores inverter´s pode variar um pouco de acordo a região e suas diferenças e características específicas da carga térmica,como temperatura interna,externa,umidade relativa

    Um inverter de mesma capacidade bem dimensionado pode ter diferenças nessa economia,que pode ser maior ou menor dependendo das condições climáticas mais amenas ou adversas como citei acima.

    Fica tranquilo que o inverter é superior em tudo aos não inverter´s ,na minha opinião é claro..Tem gente que acha o contrário.Tenho certeza na minha afirmação por experiencia própria na minha vida profissional,comparando o antes e o depois da chegada ou entrada no mercado dessa tecnologia e as performances,rendimentos e comparações de consumo, no mercado entre essa tecnologia e antiga(fixa ou on/off) .

    Dá o review pra nós de sua decisão ou alguma dúvida .

    Boa sorte.Abraço Jairo
     
    Última edição: 22 Ago 2018
    • 1
  3. bpmendonca

    bpmendonca Bruno Mendonca


    Desde 5 Nov 2005
    aracaju/se
    Obg Caro Jairo ,

    Muito esclarecedor , realmente eu ja tinha decidido por continuar na linha inverter ... foi só essa questão do selo procel que me deixou meio voando ...

    mas depois do seu review tecnico so fez corroborar minha intenção de continuar na linha inverter

    Muito obg por opinar
     
    • 1
  1. Este site usa cookies. Se você continuar a usar este site, automaticamente concorda com nosso uso de cookies.
    Fechar Aviso