Audiopax Mandolin Ceramik

Discussão em 'Caixas Acústicas e Subwoofers' iniciada por Emmett Brown, 23 Fev 2018.

  1. Mauro_Medeiros

    Mauro_Medeiros Usuário

    21 78 6

    Desde 7 Abr 2006
    Natal
    Anúncio do HT Forum
    Boa noite a todos!
    Ontem tive o prazer de ouvir novamente as Ceramik na casa de Almiro, mas agora com os M88 versão A4, novos cabos lessloss, A23...
    Para ser direto, digo que é uma experiência singular ouvir música com essas caixas, é espantosa sua sensibilidade em recriar com detalhes, o acontecimento musical.

    Com as mudanças de pré, power e cabos, tudo isso trouxe ainda mais Resolução, Transparência e Dinâmica.
    Gostaria de dizer o resultado dessa experiência, mas vou deixar para Almiro contar.
     
    • 7


    Anúncio do HT Forum
  2. Emmett Brown

    Emmett Brown Usuário

    1.131 2.623 846

    Desde 21 Abr 2006
    Recife
    Dou meu muito bom dia a todos, com uma excelente notícia: as vendas da Audiopax (eletrônica e caixas) bateram recorde histórico! E isso não é fruto do acaso, se não de anos de abnegação e trabalho incansável e intenso do projetista e equipe, que acumulam meses de sono não dormido revertidos em horas de computação gráfica e oficina.

    Recebi essa notícia com muita felicidade, por um simples motivo: é um forte indicativo de que meus ouvidos ainda não me deixaram na mão, visto que foram eles quem me indicaram o caminho a seguir já na primeira audição prolongada. Ouvi, acreditei no case e trilhei o caminho - que, hoje, se revela objetivamente mais acertado.

    Ao fim e ao cabo, a consolidação da Audiopax, principalmente com as estratégias de reposicionamento internacional, após a implementação da engenharia de produção capitaneada pelo atual CEO a partir da aquisição da empresa ainda no ano de 2012 (é um processo gradativo e contínuo, já que o fim que se almeja é nada menos que a perfeição) se apresenta como superação e vitória não só para a gestão em comando, mas, de certa forma, também para mim - que, ao ouvir pela primeira vez, percebi, de imediato, a maturidade e beleza inigualável da apresentação musical traduzida por essa eletrônica, acreditei em sua singularidade e, hoje, ao olhar pra trás, vejo claramente que tomei a decisão mais acertada.

    Um maior histórico de vendas sinaliza, objetivamente, que a Audiopax está, também, com o melhor som de sua história.

    Meus mais genuínos parabéns a toda a equipe e votos de vida longa a essa empresa que tanto nos orgulha por hastear a bandeira do Brasil nas feiras internacionais.
     
    • 8
    • 2
  3. Emmett Brown

    Emmett Brown Usuário

    1.131 2.623 846

    Desde 21 Abr 2006
    Recife
    Setembro é mês de comemorar não só a Independência, mas também a entrega de novas caixas! :aplauso:

    A "velocidade de cruzeiro" atingida pela Audiopax em sua linha de produção é manifesta: agora, com os processos de construção finamente* "azeitados", deu-se início à construção em série das encomendas represadas e o resultado foi além do esperado em precisão e velocidade.

    Três pares serão entregues e ajustados pessoalmente pelo Silvio ainda no mês de setembro. Essas fazem parte do pacote de compra em pré-venda, e portanto terão atenção especial mais do que merecida: as caixas do @Ricaudio@Ricaudio , @Sayber01@Sayber01 e @Marinaldodf@Marinaldodf.

    Com a produção em série, em pouco mais de 90 dias alguns bons pares de caixas Mandolin Ceramik saem do ZERO ao CEM por cento e já estão prontas para ser despachadas! E elas ainda seguem protegidas em seus respectivos hard cases - os estojos rígidos que acompanham as caixas e são de propriedade do comprador (faz parte da filosofia Audiopax; não há custo adicional ;)).

    Abraço!


    * Finamente mesmo... relativo a fino. E não fina"L"mente. :p
     
    Última edição: 19 Out 2019
    • 14
    • 1
  4. PWORJ

    PWORJ Felicidade se mede em decibéis.


    Desde 24 Mar 2019
    Rio de Janeiro
    Parei para ler este post.
    Conheço a Audiopax há mais ou menos 10 anos, infelizmente não sou proprietário de um sistema high-end destes, mas sei de sua absoluta qualidade. Feliz quem o possui, um dia que entrar para este seleto clube de proprietários de Audiopax.
    De um modo geral, o brasileiro tem um grave defeito de valorizar o que não é seu, uma pena, pois um país de dimensões continentais, poderia estar brigando frente a frente com muita coisa.
    Eu admiro a coragem do fundador da Audiopax, que trocou uma aposentadoria farta e sem estresse, por financiar um sonho...
    Espero um dia ter um sistema Audiopax aqui em casa.
    Palmas para o Ulisses da Sunrise Lab também, brasileiros guerreiros, que fazem a diferença.
     
    • 14
  5. Emmett Brown

    Emmett Brown Usuário

    1.131 2.623 846

    Desde 21 Abr 2006
    Recife
    E veja só como isso é funcional: acabei de receber uma foto de Almiro, que está indo para outra residência.

    Screenshot_20190913-184535_WhatsApp.jpg

    Em suas palavras: "Quem diria que eu ia precisar usar os cases tão cedo! Dá uma tranqüilidade muito grande no transporte."

    Realmente... além de elegantes, são muito mais seguros do que caixas de papelão e isopor. (y)
     
    • 7
  6. Emmett Brown

    Emmett Brown Usuário

    1.131 2.623 846

    Desde 21 Abr 2006
    Recife
    Instalação iniciada lá em Almiro.

    IMG-20190917-WA0018.jpg
     
    • 3
    • 2
  7. sandrovt

    sandrovt Usuário

    9.182 3.659 441

    Desde 6 Ago 2012
    Rio Grande do Sul
    Só posso sonhar!!! E ter orgulho de ser Brasileiro!!! :aplauso:

    Aqui a coisa inverte....são os de fora que nos valorizam. :aplauso:
     
    • 3
  8. Caio (Audio Slave)

    Caio (Audio Slave) Usuário


    Desde 8 Abr 2016
    rio de janeiro
    Boa noite,
    Alguém saberia dizer qual a frequência de corte da Mandolin?
     
  9. Emmett Brown

    Emmett Brown Usuário

    1.131 2.623 846

    Desde 21 Abr 2006
    Recife
    Boa tarde, Audio Slave. Tudo certo? Esse dado eu não tenho, amigo. Na realidade, acho até que ninguém tem... :lol:

    Forte abraço! (y)
     
    • 3
  10. Caio (Audio Slave)

    Caio (Audio Slave) Usuário


    Desde 8 Abr 2016
    rio de janeiro
    Caro Timbre Lock,

    Obrigado pela resposta. Veja bem, não é tão incomum assim que fabricantes divulguem a frequência de cortes de suas caixas (coisa bem diferente de dar detalhes do seu crossover). Eu mesmo tive a ideia de lançar a dúvida neste tópico a partir do que vi recentemente no site da Marten - que divulga tais informações.

    Particularmente tenho curiosidade pela região de transição entre o médio e o tweeter, dado que coisas decisivas ocorrem nesta faixa. Há quem faça, por exemplo, este cruzamento em 2,5-3khz, enquanto outros projetistas optam pela faixa dos 4khz; alguns vão até mais longe e fazem o midrange trabalhar até a zona dos 5,khz. Particularmente não gosto da ideia de um tweeter trabalhando em regiões medio-altas como 2-3khz. Prefiro que o midrange assuma este papel e libere o tweeter para atuar em frequências nas quais ele dará o seu melhor. Isso pode contribuir, de forma decisiva, para a obtenção de médios mais macios.

    Embora eu seja leigo em eletrônica, não foi difícil perceber com o tempo o quanto tais decisões impactam o som de uma caixa. Não me refiro necessariamente à sua qualidade sonora específica, mas às suas características sonoras gerais.

    Por essa razão, acho importante que os fabricantes divulguem ao público tais informações. Tenho certeza de que não se trata de nenhum segredo de engenharia ... Apenas frequências de corte. :)

    Abraços
     
    Última edição: 21 Set 2019
  11. Emmett Brown

    Emmett Brown Usuário

    1.131 2.623 846

    Desde 21 Abr 2006
    Recife
    Boa tarde, querido. Tudo certo?

    Entendo perfeitamente seu ponto de vista. Sei bem o quanto essas informações ajudam na idealização, ainda que não fidedigna, do que pode vir a ser o som de algo. Já perdi a conta de quantas caixas montei na vida, com um sem número de alto-falantes diferentes, fruto de madrugadas sem sono estudando parâmetros T&S e simulações em WinISD e tantos outros softwares. Já devorei tanta literatura especializada que nem te conto... se eu encontrar Vance Dickanson na rua, a gente senta pra tomar uma cerveja. :lol:

    Mas essas parcas duas décadas imerso no universo de áudio técnico me ensinaram algo: isso tudo é bobagem. Mais atrapalha do que ajuda. É motivo de "fissura" pra turma fanática por DIY, mas que "na prática, a teoria é outra". É como dar enfoque ao processo e acabar por esterilizar o material... ou idealizar se o bolo é gostoso porque a proporção de farinha e ovos foi disposta de tal maneira.

    O que importa mesmo é o que resulta de um projeto (no todo considerado). É o que você sente quando está de frente pro setup ouvindo música. Já ouvi coisas espetaculares a nível de engenharia e cortes de frequência que, apesar de super precisos, não me emocionaram. Estava tudo certo e lindo: tais drivers, com tais cortes. E... mecânico. Sem calor ou emoção. Pra engenharia pode servir. Pra mim, não serve.

    Bom, mas deixando isso de lado e voltando ao seu registro... sinto lhe informar, mas você parte de uma premissa equivocada na redação de seu texto: não há nenhum segredo, meu nobre. o_O Eu (e os demais) simplesmente não sabemos. Simples assim. E não sabemos porque sequer perguntamos - e não porque haja algum mistério na divulgação (n).

    São coisas bem distintas. E eu tenho certeza que tudo isso será esmiuçado no decorrer do tempos, pois não há a menor dúvida que essa caixa vai ser motivo de artigo em publicações especializadas. Ora, se até os amplificadores Maggiore* foram despidos, quanto mais uma bobagem que é o crossover de caixa acústica perto disso.

    Eu deixei de ouvir "grave, médio e agudo" há muito tempo. Eu ouço música. Tenha a caixa (qualquer caixa) o corte que tiver - ou até mesmo nenhum corte at all (full) -, o que me interessa é que toque bem e me encante. (y)

    Abraço

    * https://positive-feedback.com/high-fidelity/audiopax-preamplifier-and-power-amplifier/

    * Inclusive pode até ser que alguém do grupo saiba informar. Eu que falei, de forma despretensiosa, que achava que ninguém sabia :)
     
    Última edição: 21 Set 2019
    • 5
  12. PatLemos

    PatLemos Usuário

    314 195 78

    Desde 22 Fev 2012
    João Pessoa/PB/Brasil
    Consultou o site da empresa?
    O fabricante é anunciante do HTF. Talvez fosse interessante perguntar no tópico específico dos anunciantes.
     
  13. gujanuario

    gujanuario Membro

    Pessoal que recebeu os 4 pares citados, como andam as audições?

    Tenho curiosidade na caixa
     
  14. gujanuario

    gujanuario Membro

    Pelo jeito ninguém recebeu
     
  15. R.Anthony

    R.Anthony Made in Brasil


    Desde 9 Set 2006
    Bhte - MG
    Parece que o pessoal solicitou algumas exclusividades rsrs.

    O Silvio como é uma mãe, se desdobra para atender. Vai direto pro céu kkkkkk.
     
    • 3
  16. gujanuario

    gujanuario Membro

    Show, vc diz na parte de acabamento ? Lembro de ter lido em algum lugar que existem opções de acabamento diferenciadas.
     
    • 1
  17. R.Anthony

    R.Anthony Made in Brasil


    Desde 9 Set 2006
    Bhte - MG
    Isso, no acabamento. Só não sei precisar o que foi solicitado.

    Existem sim opções de madeira macia.
    A minha por exemplo será em Ash.

    A do Almiro se não me engano é em Cherry.

    A da foto um pouco acima acho que é Tauri.
     
    • 3
  18. Emmett Brown

    Emmett Brown Usuário

    1.131 2.623 846

    Desde 21 Abr 2006
    Recife
    Mas só nessa primeira leva, Rafael. Apenas para os que compraram em pré-venda, como forma de retribuir a aceitação do produto.
    Por exemplo, essas dez são as únicas caixas que possuem a plaqueta de identificação sequencial e nome do proprietário. As demais, de série, serão padrão, contando com sequencial específico.

    Mas esse é apenas um minúsculo detalhe, que não toma tempo. O que influencia é algo bem mais representativo: combinei com o Silvio de as minhas, por serem número 0001 e traduzirem a evolução da linha Luthier para o mercado, terem acabamento em madeira específica (que vou deixar pra revelar depois, é surpresa), diferente de todas as demais. Isso por si só causa um delay enorme - até porque eu passei um bom tempo pra me decidir entre as opções possíveis.

    O mesmo aconteceu com o @Sayber01@Sayber01 : ele queria porque queria um baffle escurecido, uma versão "dark", pra compor sua sala. Esse baffle deu trabalho e não vai sair em série, portanto é de uma exclusividade tal que demandou testes de pigmentos e cura que sequer ocorrerão nas demais. Nós que estamos a par das coisas sabemos a complicação que foi chegar nesse pigmento.

    Abraço
     
    Última edição: 25 Set 2019
    • 6
  19. gujanuario

    gujanuario Membro

    Obrigado pelas respostas Anthony.. vamos esperar os colegas receberem e realizarem tudo isso.. isso promete muitos reviews e fotos
     
    • 2
  20. R.Anthony

    R.Anthony Made in Brasil


    Desde 9 Set 2006
    Bhte - MG
    Com toda certeza, alem disso o Silvio precisa se multiplicar porque acerta o set pessoalmente.

    O pessoal é tímido rsrs, nesse meio tempo muitos integrantes do forum tem visitado o showroom para ouvir as caixas. Outros acabam retornando mais vezes para segunda impressão rsrsrsr.

    Ahhh e outra coisa bem interessante, é que essa primeira turma pôde acompanhar passo a passo, todo o processo de fabricação e montagem das caixas, com toda explicação técnica e conceitual abordada nos detalhes.
    Achei sensacional e nos fez valorizar ainda mais toda a expertise da Audiopax por trás do projeto. Foi de aprendizado e orgulho sem igual.
     
    • 8
  1. Usamos cookies próprios e de terceiros para dar um melhor serviço e mostrar publicidade. Ao continuar, aceita o seu uso.
    Fechar Aviso