Anúncio do HT Forum

Clube Devialet

Discussão em 'Amplificadores, Prés e Integrados' iniciada por jl audio f113, 25 Jul 2013.

  1. OliveiraJr

    OliveiraJr Ouvinte


    Desde 5 Jun 2006
    Aracaju/SE/Brasil
    Anúncio do HT Forum
    PSDL,
    O Carlos era um sujeito muito gentil. Tive a assistência direta dele na compra dos meus Devialet, e foi ele que fez a primeira instalação dos meus. Mas sobre cabos, ele estava bastante equivocado.
    Como infelizmente acontece acredito que com a totalidade dos fornecedores (ainda não vi exceção), o cabo que vem com o aparelho (apesar da sofisticação da embalagem e dos acessórios Devialet) você pode perfeitamente jogar fora.
    A diferença sônica é notável quando começa a usar cabos de bom nível, e os fóruns de usuários deixam isso bastante claro. A mesma coisa acontece com os os outros cabos de sinal (caixa, digitais, interconnect), e se você usa dois aparelhos como é o meu caso (Expert 400, que tem dois 200 na verdade conectados por uma porta digital), a diferença é indiscutível.
    Depois de pesquisar por cabos, optei pelos Kubala-Sosna, cujo único defeito é serem caros e difíceis de encontrar. No caso dos de força, para poder usar a tampa original do Devialet precisei trocar os conectores fêmeas - o que pode ser feito com facilidade, usando a nova série original Furutech, que lançou plugs chatos exatamente para compatibilizar com algumas marcas novas e citam especificamente o Devialet. Uso o modelo Elation com os plugs trocados, e ficou ótimo, na minha modesta avaliação.
    Outros modelos, inclusive alguns bem mais baratos, tocaram muito bem nos Devialet, e no exterior a galera cita muito os Chord (Sarum), Shuniata e Transparent.
    Se você usa os originais, facá um favor a sí próprio: peça um cabo bom de algum amigo audiofilo emprestado e use um final de semana (tire a tampa traseira para caber qualquer cabo). O risco é seu amigo perder o cabo porque você não vai querer devolver.
     


    Anúncio do HT Forum
  2. OliveiraJr

    OliveiraJr Ouvinte


    Desde 5 Jun 2006
    Aracaju/SE/Brasil
    Volto ao tópico sobre cabos para acrescentar uma coisa: cabos de força tem uma influência notável sobre o conjunto do sistema, que as vezes tornam seu efeito maior que os cabos de caixa. No caso dos Devialet senti essa característica bem presente (como acontecia também com os NAGRA, e outros amplificadores que usei). Com isso quero dizer que cabos de força afetam o timbre do sistema sim, levando a um som mais real; afetam muito o palco sonoro, a sensação de separação dos instrumentos, enfim, tem um efeito geral notável que, claro, precisa ser precedido por uma instalação elétrica muito apropriada para áudio. Mas como muda.

    Aqui, estou testando agora mudar o cabo ethernet (usava aqueles azui, cat5, comuns) pela fibra ótica. E sim, teve efeito bastante perceptível no uso, mas em um nível de detalhe muito menor que a troca de um cabo de força.

    Fiz outro pequeno upgrade na fonte do toca disco: substituir a fonte tradicional que vem com ele para alimentação do motor (a original é dessas parecidas com alimentador de celular) por uma fonte retificado Mojo. É outro pequeno upgrade que recomendo. Se alguém se interessar, depois posto fotos aqui dos dois pequenos upgrades.
     
  3. gelreal

    gelreal Usuário


    Desde 4 Fev 2010
    Rio de Janeiro
    Boa tarde
    Sou um feliz dono de um D200 e estou recebendo outro para se tornar um D400 em dual mono. Fui informado que para fazer a ligação entre eles seria necessário um cabo digital e um P2, é isso mesmo? Até que ponto a qualidade desses cabos influiria no resultado, uma vez que eles fariam apenas a ligação do Master com o slave.
    E o cabo de força do slave? Influiria menos, pois o pré-amplificador ficaria a cargo do master?

    Obrigado por qualquer ajuda


    Gilmar
     
  4. J냃åz

    J냃åz Sunbird


    Desde 4 Jan 2008
    Natal/RN
    O P2 é usado apenas para o Master ligar o Slave. Quanto ao digital, eu procuraria um recomendado pela Devialet. E eu usaria o mesmo cabo de força em ambos.
     
    • 1
  5. OliveiraJr

    OliveiraJr Ouvinte


    Desde 5 Jun 2006
    Aracaju/SE/Brasil
    Opa, esta é a configuração que uso, e espero que a partir dela você fique duplamente feliz com seu sistema.

    Vamos começar pelo que não sei: o uso desse conector P2 continua um mistério para mim. O Carlos, que me vendeu e instalou o Expert400 falou deles, dizendo que seu uso viabilizaria o uso dos conectores digitais do segundo set de aparelhos para input ou output (já que você perde uma porta digital quando usa a configuração master-slave). Bem, na verdade a porta comporta dois tipos de cabos: um ótico, mini-toslink; ou um RS-232. Pelo "configurator" conclui que todas as funções habilitadas por esses cabos são relacionadas à automação com uso de sistemas de home-cinema, para ligar automaticamente outros dispositivos instalados (há um manual disponível no site). Desisti de estudar mais simplesmente porque não encontrei nenhuma aplicação útil para nenhuma das opções. Então, esqueça cabo P2 e, não, eles não interferem na qualidade do som.

    Só um detalhe: ele não serve para o Master ligar o Slave não. Isso é feito pelo próprio cabo coaxial que interligará os dois aparelhos.

    Assim que você setar a configuração do sistema como um Devialet 400 o primeiro aparelho a ser ligado acionará o outro automaticamente.

    Cabo: use um ótimo cabo digital. Gostei muito do Kubala-Sosna, mas outros cabos digitais deram ótimo resultado também.

    Cuidado com a conexão das caixas, já que cada aparelho ligará apenas um par, e os conectores serão sempre os vermelhos.

    A chatice inicial é fazer a configuração cuidadosamente via internet, e gravar os dois cartões de memória, uma para o master e outro para o salve (arquivos são diferentes). Feito isso, é só alegria.

    Quanto a cabo de força, é importante usar os dois iguais, porque cada amplificador acionará uma caixa, portanto é crucial manter o mesmo padrão para os dois aparelhos. Não consigo raciocinar o sistema como se um deles fosse um pré-amplificador, porque na verdade, com a conexão correta nas portas de ligação (o P2 citado), os dois módulos podem receber entrada de sinal.... portanto, a anal;ogia pre-amplificador --> amplificador pode não ser exata.
     
    • 1
  6. gelreal

    gelreal Usuário


    Desde 4 Fev 2010
    Rio de Janeiro
    Agradeço a ajuda recebida, não vejo a hora de botar pra tocar com a configuração dual mono, pelo que andei lendo acho que vai me dar o que falta.
    Obrigado aos amigos Jëffåz e OliveiraJr.
    Espero poder contar com vcs na hora da configuração.
    Abraço

    Gilmar
     
  7. J냃åz

    J냃åz Sunbird


    Desde 4 Jan 2008
    Natal/RN
    Tem dois conectores P2 no lado direito do aparelho, se você olha pela traseira. O superior é uma entrada RS-232 que pode ser usada para integrar o Devialet num sistema de automação.

    O inferior é um conector de trigger, usado para fazer o power-on de outro aparelho. Pode ser um Devialet Slave ou um sub, por exemplo. Eu uso para ligar um sub no meu sistema.
     
    Última edição: 15 Abr 2019
    • 1
  8. gelreal

    gelreal Usuário


    Desde 4 Fev 2010
    Rio de Janeiro
    Agora sim!!! D400 configurado e tocando muito. É grande a diferença...
    Obrigado a todos que de alguma forma me ajudaram, é o melhor sistema que já tive.


    Gilmar
     
    • 1
  9. Rogerio D.

    Rogerio D. Moved by Movies, Coffee and Music


    Desde 13 Out 2005
    Umuarama Paraná Brasil
    E qual outro sistema que já teve Gilmar??
    Me parece que aqui no HTF o pessoal ainda tem um certo receio/preconceito em relação aos Devialet, pois são poucos falado por aqui e pra fora tem até forum específico dele.
    Sinceramente foi o que escolhi e pra mim está ótimo, na época tinha possibilidade de Electrocompaniet, McIntosh, Sunrise e Vincent, o que me chamou muita atenção nele foi essa questão dele ser muito prático, em um rack basta ele, um par de caixas e pronto e se quiser colocar algo a mais pode ser um TD. Dá pra deixar o ambiente muito clean.
     
    • 2
  10. PSDL

    PSDL Usuário


    Desde 16 Set 2008
    São Paulo
    Oliveira, não estou utilizando o cabo de força que veio com ele, mas um furutech 314. Não e top da marca, mas creio que deve ser melhor que o de fábrica do Devialet.

    Vou tentar fazer um teste com um cabo mais top para passar a minha impressão.
     
    • 1
  11. PSDL

    PSDL Usuário


    Desde 16 Set 2008
    São Paulo
    Tudo bem Rogério?

    Não percebi este receio/preconceito que você mencionou. Os comentários que vi no fórum sobre os Devilaet sempre demonstraram muita admiração pelo produto, com relatos de colegas que puderam ouvir ou testar os aparelhos sempre muito elogiosos e passando a impressão de um espanto único pela qualidade sonora.

    Aliás, os Devialet anunciados costumam vender bem rápido, fato que corrobora a boa fama e admiração dos foristas pelo equipo, notadamente pelo alto valor do produto.
     
    • 2
  12. PSDL

    PSDL Usuário


    Desde 16 Set 2008
    São Paulo
    Outra coisa que queria perguntar. O DAC do Devialet, no meu caso o D200, decodifica MQA?
     
  13. gelreal

    gelreal Usuário


    Desde 4 Fev 2010
    Rio de Janeiro

    Então, não tive muitos mas esse é o melhor pois venho evoluindo ($$$). Quando iniciei, se me dissessem que um dia eu gastaria 10.000,00 num cabo de caixas, eu diria: Tá maluco???
    Tive receiver quando todo mundo tinha, depois passei para pré e power Emotiva (USP 1 e XPA 2), nessa época eu usava um DAC II do Luis Fudge e caixas Klipsch RF 82 que troquei posteriormente por um par de B&W 803N. Com essas caixas senti a necessidade de trocar os Emotivas e o Dac. Saiu os EMO e entrou um Musical Fidelity M6500i e troquei o Dac II por um Weiss 202 e as B&W por um par de Monitor Audio PL300, aí troquei as PL300 por um par de ELAC 249BE. Vendi o MF e comprei o D200, troquei as Elac por um par de Dali Epicon 6.
    Acho que é isso
    Abraço


    Gilmar
     
    • 2
  14. gelreal

    gelreal Usuário


    Desde 4 Fev 2010
    Rio de Janeiro
    Considero o Dac Weiss 202 superior ao do Devialet, mas o resultado que tenho hj com o D400 supera tudo que já tive aqui. Eu tb torcia o nariz se não tivesse toroidal, mas esse Devialet é muito bom mesmo.
     
  15. Rogerio D.

    Rogerio D. Moved by Movies, Coffee and Music


    Desde 13 Out 2005
    Umuarama Paraná Brasil
    Legal, sempre evoluindo, eu também a um tempo atrás era impensável um investimento neste valor em estereo rss. Então Gilmar eu tenho justamente as PL300 com o Devialet esta com uma boa sinergia, talvez testar alguns cabos de caixas diferentes para ver se altera muita coisa
     
  16. J냃åz

    J냃åz Sunbird


    Desde 4 Jan 2008
    Natal/RN
    Não.
     
  17. PSDL

    PSDL Usuário


    Desde 16 Set 2008
    São Paulo
    Então qual a saída para aproveitar na plenitude os arquivos em MQA?
     
  18. J냃åz

    J냃åz Sunbird


    Desde 4 Jan 2008
    Natal/RN
    Um DAC externo, que entregue o sinal já analógico ao Devialet, ou um streamer. Este último, não tenho certeza absoluta, porque implica em receber um stream digital em MQA, decodificá-lo e entregar ao Devialet ainda em formato digital. Infelizmente, a linha mais nova da Devialet, a linha Pro, parece que também não decodifica MQA.
     
    • 1
  19. OliveiraJr

    OliveiraJr Ouvinte


    Desde 5 Jun 2006
    Aracaju/SE/Brasil
    Ouço MQA via ROON, e aprecio muito o resultado.
     
    • 1
  20. OliveiraJr

    OliveiraJr Ouvinte


    Desde 5 Jun 2006
    Aracaju/SE/Brasil
    Estou a ouvir justo agora Evgeny Kissin tocando com Emerson String Quartet, gravações do ano passado ao vivo, em MQA. O Tidal oferece duas versões do mesmo álbum, em dm FLAC 44,1Hz; outra MQA. A decodificação surge assim para meu caso:

    Tela do Roon reproduz MQA.png
     
    • 2
  1. Usamos cookies próprios e de terceiros para dar um melhor serviço e mostrar publicidade. Ao continuar, aceita o seu uso.
    Fechar Aviso