Anúncio do HT Forum

Clube do Cambridge

Discussão em 'Receivers, Processadores e Amplificadores' iniciada por reynaldohm, 14 Fev 2016.

  1. jeffjoe

    jeffjoe Usuário


    Desde 27 Nov 2009
    sao paulo sp brasil
    Anúncio do HT Forum
    sim...sao da htclick. porem estou na duvida porque apesar do cara ter falado que esse receiver da um banho no integrado da yamaha.que é mais em conta......enquanto aqui todo mundo fala que pra musica é sempre melhor o integrado do que receiver.
     
  2. carlosalberto1968

    carlosalberto1968 Usuário


    Desde 15 Mai 2009
    Sao Paulo
    Se vc puder ouvir um e outro isso seria determinante par vc fazer sua escolha.Normalmente o pessoal costuma indicar o integrado quando vc compara com um receiver de home theatre,quando o uso mais efetivo é para ouvir música em vários tipos de mídia,ou simplesmente FM.Por exemplo,eu tive um Pioneer VSx912 há anos atrás,comprei-o novinho e liguei um kit de caixas com sub ativo.Apesar de ser um kit de qualidade apenas razoável,era um show quando reproduzia filmes com efeitos sonoros como bombas explodindo,aviôes decolando ou polícia e ladrões trocando tiro,como em Fogo contra fogo com AL Pacino e Robert de Niro:aplauso::aplauso::aplauso::aplauso::aplauso::aplauso::aplauso::aplauso::aplauso::aplauso::aplauso:mas para ouvir a KissFm era outra história,não ia de jeito nenhum.Comprei um par de Lando LBK 312 e liguei no sistema B de falantes frontais.Selecionava o 2.0 e aí sim.TENTE OUVIR AMBOS LIGADOS E DE PREFERENCIA COM AS CAIXAS DE SUA ESCOLHA.
     
  3. carlosalberto1968

    carlosalberto1968 Usuário


    Desde 15 Mai 2009
    Sao Paulo
    Quer outro exemplo?Tenho um par de books AAD C44,para surround,ligadas em um Kenwood M1 com pré C1,vintages Top,de 105 watts rms por canal em 08 ohms,elas precisam de um empurrão para ter algum palco sonoro.Já se eu liga-las num integradinho Yamaha A-05 de apenas 20 watts rms canal em 08 ohms o som se abre,expande-se,ganha uma profundidade incrível:o:o:o:o,costumo usar este parzinho com o tuner T-05 e ouvir FM e Cds de vez em quando.TEM QUE CASAR!!!!!!!!!!!!!!!
     
  4. heaccioly

    heaccioly Usuário


    Desde 15 Ago 2009
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil
    Tenho um Topaz SR20, junto com um par de Polk TSi200, e posso dizer que atende bem para músicas.
     
    • 2
  5. compensados

    compensados Usuário


    Desde 31 Dez 2011
    curitibaparanabrasil
    Avaliaçoes do Cambridge CXR 200 ?
     
  6. chimay

    chimay Usuário


    Desde 15 Dez 2008
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil
    Tenho um e estou muito satisfeito. Tinha um Denon japonês muito premiado, que inclusive ganhou o receiver do ano na Europa e foi comparado a separados por várias revistas especializadas. Ele realmente tocava tão bem quanto meus separados Adcom com as minhas caixas Dahlquist. Porém, ele não empurrava tão bem minhas JBL L300. Só mesmo em volumes mais altos. O CXR 200 me lembra muito, com essas caixas, os antigos powers separados da Marantz. Os graves vêm bem fortes e equilibrados desde os volumes baixos.

    Outra característica que me agrada muito no Cambridge é a dinâmica. Os ataques são rápidos e seguros, e os falantes são bem controlados pelo receiver. O som é bem gostoso no geral. Além dos woofers de 15 polegadas, as L300 possuem drivers de compressão para os médios e os agudos. Caixas com cornetas podem ter um som bem agressivo no mau sentido, e é por isso que muitos preferem valvulados com elas. O CXR 200 casou muito bem com elas, entregando um som bem realista, sem ser estridente. Metais, guitarras, violinos... Instrumentos que soam fantásticos em drivers de compressão com um bom amplificador são exemplos do que o Cambridge é capaz.

    Mas o CXR 200 não é para todo mundo. É um receiver excelente para música acima de tudo. Obviamente, também arrebenta na reprodução de audio de filmes, com um nível de detalhes surpreendente e reprodução fantástica das trilhas sonoras e efeitos. Mas não é um receiver cheio de funções, como os japoneses. A qualidade sonora é o foco. Se a pessoa deseja as últimas novidades como Dolby Atmos, equalização automática, um painel cheio de botões e luzes, etc, esse não é o aparelho certo. Porém, se deseja uma qualidade sonora bem superior à desses receivers, então é uma ótima escolha. O media player também tem uma qualidade excelente. Até o Spotify fica muito bom. O receiver é controlado pelos aplicativos, mas ele se conecta direto ao serviço e consegue obter uma qualidade bem melhor que se um player for conectado a ele.

    Ah, e a construção é incrível! Ele é um verdadeiro tanque por fora e muito bem acabado por dentro.
     
    • 2
  7. compensados

    compensados Usuário


    Desde 31 Dez 2011
    curitibaparanabrasil
    Chimay, grato pelas informaçoes . Vce relatou o que imagino do receiver (100%). Estou tentando adquiri-lo , porem as poucas unidades que apareceram a voltagem = 220. Na minha regiao eh 127.
    O aparelho (seu) por acaso seria BI-volt ?
     
  8. chimay

    chimay Usuário


    Desde 15 Dez 2008
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil
    De nada! Fico feliz em ter ajudado.
    Aqui no Rio a voltagem também é 120V. E o meu não é bi-volt. É 120V, mesmo.

    Boa sorte! Depois compartilhe suas impressões.
     
  9. compensados

    compensados Usuário


    Desde 31 Dez 2011
    curitibaparanabrasil
    Chimay, tenho procurado o CXR 200 (127 volts) porem nao encontro. Hoje surgiu o Anthem MRX 720, o que acha em relaçao ao Cambridge?
     
  10. chimay

    chimay Usuário


    Desde 15 Dez 2008
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil
    Não conheço o Anthem.

    Você já pensou em comprar um bom transformador para converter de 127 para 220V ou então puxar uma linha 220 para uma tomada exclusiva para o receiver? Se sua eletricidade for bi ou tri fásica isso é bem fácil. Se a distância do quadro de luz permitir, é claro.
     
  11. compensados

    compensados Usuário


    Desde 31 Dez 2011
    curitibaparanabrasil
    Irei avaliar essa possibilidade da linha 220 exclusiva. Primeiro vou atras do CXR200. Grato pela dica.
     
    • 1
  12. Ronaldotoo

    Ronaldotoo Usuário


    Desde 25 Jan 2016
    Umuarama
    Tenho um AVM60 amo de coração.
     
  13. Klaatu

    Klaatu Klaatu Barada Nikto!


    Desde 3 Fev 2016
    Brasília
    Pessoal,

    Recentemente substitui meu Yamaha Aventage 1050 pelo Cambridge CXR 200 (220V), pois necessitava de um receiver com mais potência para empurrar um set de caixas Dali, entre elas um par de Dali Menuet de baixa sensibilidade.

    Optei pelo Cambridge pois o equipamento é famoso pela potência e por priorizar a qualidade da reprodução musical, em detrimento de recursos de processamento de áudio, efeitos, etc., como o Chimay bem colocou em sua mensagem acima.

    Já era usuário (e fã) de equipamentos da Cambridge (CXU, 851N), o que facilitou minha decisão.

    Pois bem, a qualidade do CXR foi comprovada logo na primeira música reproduzida, um blu ray de um concerto para violino! Instrumentos soaram mais reais com o Cambridge, com uma qualidade sonora muito boa para um receiver multicanal. No geral, o CXR reproduz o acontecimento musical com uma tonalidade muito agradável!

    No entanto, embora o receiver estivesse posicionado em um rack com um bom espaçamento para ventilação (foto 1), percebi que aquecia bastante em relação ao Yamaha, o que me assustou um pouco. Com um termômetro infravermelho medi 58C no ponto mais quente da parte superior. Para comparação, o Yamaha ficava simplesmente “morno”.

    Entrei em contato com a Cambridge e fui informado que o equipamento realmente possui esta característica de aquecer bastante, e foi sugerido que eu transferisse o CXR para o topo do rack, o que eu fiz no último fim de semana (foto 2). Após nova medição, verifiquei que a temperatura aferida no mesmo ponto havia caído em torno de 4 ou 5C.

    No mais, estou muito satisfeito com o CXR e com os outros equipamentos Cambridge que possuo!

    Utilizo o 851N como DAC e ele sempre surpreendeu pessoas muito experientes que já ouviram meu sistema. Realmente um excelente custo benefício!

    Abs!

    DSCF6181.JPG

    20181118_170109.jpg
     
    Última edição: 20 Nov 2018
    • 4
  14. sélection

    sélection Usuário


    Desde 30 Out 2018
    São Paulo
    Klaatu

    Parabéns pela escolha, tive um R751 também muito bom vendi com dor no coração rsrs
    hj tenho integrado Cxa80 em outro set.

    Abs.
     
    • 1
  15. Fox _ Mulder

    Fox _ Mulder Usuário

    3.574 5.749 816

    Desde 18 Out 2009
    Niterói - RJ

    Tem determinados equipamentos de áudio que funcionam com a temperatura bem elevada, por isso a ventilação desses deve ser uma prioridade.
     
    • 2
  16. heaccioly

    heaccioly Usuário


    Desde 15 Ago 2009
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil
    Fala galera, beleza?

    Venho aqui mais uma vez pedir uma orientação de vocês. Hoje possuo hoje um par de Polk Audio TSi 200 + Sub Infinity PS312 com um Cambridge Audio Topaz SR 20.

    Meu set é voltado para músicas, Stereo + Sub.

    Estou pensando em substituir pelo kit JAMO S 606 HCS 3 (usado), ou talvez um par de torres Pioneer Andrew Jones FS52-R (Que está em promoção). Saberiam me orientar, qual destas seria uma boa escolha para um upgade?

    Obrigado
     
  17. Batman-X

    Batman-X Usuário


    Desde 29 Jan 2006
    Morrinhos-GO
  18. FastMHZ

    FastMHZ Usuário


    Desde 24 Nov 2003
    Alluris




     
    • 1
  19. Batman-X

    Batman-X Usuário


    Desde 29 Jan 2006
    Morrinhos-GO
    Hi Fi Choice also reviewed the Edge A integrated amp in their Nov 18 issue and gave it an 'outstanding' rating. Its also the laziest review I've ever seen and just says it's 'very similar' to the £9000 Hegel H590 they'd previously reviewed - 'indeed you can read much of the sonic description of that Amp last month.. and you'd be just about covered'. So they also conclude its excellent value for money.
     
  20. Batman-X

    Batman-X Usuário


    Desde 29 Jan 2006
    Morrinhos-GO
  1. Usamos cookies próprios e de terceiros para dar um melhor serviço e mostrar publicidade. Ao continuar, aceita o seu uso.
    Fechar Aviso