Anúncio do HT Forum

Clube do Vinho

Discussão em 'Zona Livre' iniciada por rodrigojr, 30 Mai 2006.

  1. Ragnar21

    Ragnar21 Camargo 21 ! Carpe Diem!

    Anúncio do HT Forum
    Os dois últimos eu tb abri por aqui, o cordillera estava ótimo, o Vik melhorou do depois de 90 min de decanter mas realmente deveria entregar mais, @Alex D.@Alex D. Vc tem ideia do tempo de guarda desse vinho? Ainda me resta um 2013
     
    • 2
  2. altrunox

    altrunox Usuário

    203 531 53

    Desde 31 Ago 2014
    Taubaté
    Ah com o tempo o mercado se equilibra, minha paixão sempre foi cerveja, me desviei um pouco mais pro lado dos vinhos nos últimos anos porque eu tava meio com preguiça do mercado de cerveja artesanal/premium, o preço subiu rápido demais, além de muito lançamento porcaria que eu acabava comprando, já que curto bastante experimentar rótulos novos, me dava uma certa preguiça.

    Agora o mercado de vinhos passa também por essa "renovação", que apesar de ser problemática no começo, acaba sendo vantajosa pra quem realmente gosta de bebida, eventualmente pessoas que nunca teriam contato com a bebida, vão migrar para outros "setores" mais premium e de melhor qualidade, o que pode gerar uma economia de escala também nesses vinhos mais caros e trabalhados, além de porque não uma melhoria do produto interno, o processo de fabricação de vinho é mais lento do que do de cerveja (de modo geral), mas hoje temos cervejarias fodásticas aqui no Brasil, que começaram a se formar depois do BOOOM inicial, não dá pra ignorar que daqui a uns 3/4 anos podem aparecer ótimos vinhos internos, de marcas que hoje mal são conhecidas.

    Obviamente é tudo achismo meu, nenhum estudo para provar isso. (y)
     
    • 5
  3. Undergr0und

    Undergr0und Usuário

    74 115 14

    Desde 13 Mai 2010
    São Paulo/SP
    Exatamente o mesmo aqui...
    Lata de 40 - 50 e ainda porcaria não dá. Ainda pego um "kit" com um conhecido, em média 12 rótulos por mês, mas porque não tenho trabalho nenhum.
    Sobre as taças da Luiz Argenta, no site tem um kit com uma garrafa e duas taças por 200. Se o vinho for bom talvez compense.

    Mudando de assunto, alguém recebeu o e-mail da adega pão de açúcar? Indicam Catena e alguns outros. Catena saindo por 116, o que não sei se é o preço ou se está bom.
     
  4. Alex D.

    Alex D. mralfh


    Desde 16 Mar 2009
    Tanganmandapio
    Minha experiência com este vinho não é tão longa, se não me engano a primeira safra que comprei na wine foi 2011. Mas como fizeram promoções com preços até abaixo dos 50 reais eu comprei várias garrafas (da 2011). O que posso dizer é que cada uma que abria estava melhor que a outra, portanto, um sinal de que o vinho vai crescendo.

    Pelo que vi até agora diria que sua janela ideal deve ficar entre 5-8 anos, mas gostaria de provar um com 10 anos. (y)
     
    • 3
  5. Henri6666

    Henri6666 Usuário

    5.762 8.285 263

    Desde 11 Fev 2014
    Sao paulo


    Alex e Ragnar...


    Snme, na ficha do VIK A 2012 ou 2013, traz 15 anos de guarda... Contudo, achei um ponto controverso, já que o VIK tem previsão de 10 anos.., penso...

    Não tenho certeza...

    Na minha opinião, de quem já provou 2012 e 2013, ambos estão muito bons, mas vão aguentar, ainda, um bom tempo de guarda...

    Alex,

    VIK A 2011, não provei, mas o VIK 2011 sim, é um Vinhaço...

    Edito: Fui conferir, me equivoquei, VIK A 9 a 10 anos de guarda....(Ficha Wine).


    Complemento:

    Não satisfeito, fui dar mais uma fuçada...

    Vejam o Mila Calla (VIK A)

    Safra 2015 - potencial de guarda 15 anos (site Wine reza 10 anos)...

    285268E7-698A-40E0-9080-20A9553485EF.jpeg

    1AF1FF12-AEFA-4BD7-80AD-E0064D826B8C.jpeg
     
    Última edição: 27 Jul 2019
    • 7
  6. Alex D.

    Alex D. mralfh


    Desde 16 Mar 2009
    Tanganmandapio
    As informações do produtor podem ser um rumo, principalmente quando não temos experiência com aquele vinho.

    Na medida do possível eu gosto de fazer minhas experiências, mesmo porque entra certa dose de gosto pessoal nesta questão.

    É muito bom quando surge a oportunidade de comprar várias garrafas de um bom vinho, de um que aguente certo tempo. Porque aí a gente vai provando e tirando conclusões.

    Mas vinho é sempre um mistério, não é mesmo...

    O que eu tenho notado nos Vik A é que ele tem uma boa estrutura de taninos, e uma acidez adequada. As garrafas mais novas que abri quase sempre estavam fechadas no aroma. Daí eu faço essa previsão, de que ele tenha uma boa capacidade de evolução, talvez até 10 anos, quem sabe.

    Eu comprei uma garrafa do Vik (não lembro se 2011 ou 2012) naquele bug do ano passado. Pela experiência que tive com o A, estou aguardando mais um pouco para abrir. (y)
     
    • 4
  7. CascavelPR

    CascavelPR Usuário

    269 742 63

    Desde 28 Abr 2017
    Cascavel PR
    Não gosto de vinhos novos, então tenho alguma experiência nisso. Penso que os grandes vinhos sulamericanos evoluem por até 08 anos, se mantém bons até os 10, depois seguem a lenta estrada pra baixo, cada qual em seu ritmo.
    Não são números absolutos, claro. Há poucos que ainda melhoram entre os 08 e 10, mas não lembro de um vinho sulamericano que tenha melhorado após os 10, nem mesmo os caríssimos. Podem até continuar bons, mas estagnados. Não vale o risco.
    Não me refiro aos Montchenot e Weinert, que são imortais.
     
    • 4
  8. Alex D.

    Alex D. mralfh


    Desde 16 Mar 2009
    Tanganmandapio
    Um vinho que tenho acompanhado é o Esporão Reserva. Conseguia um preço muito bom, fui acompanhando a evolução das garrafas. Infelizmente da safra 2014 em diante não consegui mais um bom preço. Fazendo uma arrumação nas garrafas, verifiquei que tenho as últimas 7 safras.

    upload_2019-7-27_21-10-8.png
     
    • 7
    • 5
  9. Alex D.

    Alex D. mralfh


    Desde 16 Mar 2009
    Tanganmandapio
    Como regra eu concordo, mas alguns vinhos me surpreenderam após os 10 anos, um deles foi o Albis 2005. (y)

    Eu tenho como regra geral para os muito bons, 7-12 anos.

    Também não gosto de vinhos muito novos (me refiro aos que tem estrutura para envelhecer, claro).
     
    • 5
  10. Stank

    Stank Usuário


    Desde 26 Abr 2010
    São Paulo
    Mal fiz um post longo sobre bons vinhos nacionais, me empolgo e vou abrir uma garrafa:

    6C99F441-12D0-49AB-A14A-18D9654E133A.jpeg

    Não estava bom. O aroma até que foi bem, ameixa e amora, compota, fui provar com gosto... Achei muito adstringente, nada balanceado. To aqui me perguntando como Jancis Robinson deu 17,5. Vai ver peguei uma garrafa mal guardada, sei lá, mas não fui feliz.
     
    • 3
    • 1
  11. CascavelPR

    CascavelPR Usuário

    269 742 63

    Desde 28 Abr 2017
    Cascavel PR
    Nesses anos de fronteira, tb tomei alguns ótimos vinhos com mais de 10 anos, mas, além de exceções, foram garrafas isoladas, cujas evoluções não acompanhei. Por que continuavam muito boas naquele momento, não é possível que estivessem ainda melhores um ano antes?
    Por isso, tô matando os últimos sulamericanos de 2010, inclusive alguns que saíram do meu alcance $$$, e provavelmente não voltarei a comprar.
     
    Última edição: 27 Jul 2019
    • 4
  12. Undergr0und

    Undergr0und Usuário

    74 115 14

    Desde 13 Mai 2010
    São Paulo/SP
    Para mim o problema é segurar a ansiedade e não abrir o que compro... Além disso a adega de 40 limita.
    Tentei programar um escalonamento mas não consegui ainda. Os que trouxe da França em 2014 terminaram no começo de 2018, dos que trouxe da Itália em 2017, já foram 2...
    Tem uns que vão esperar uma ocasião especial, mas certamente não passarão de 5 anos...
    Dos clubes da GC de junho já foram 2. Acho que preciso é tratar a ansiedade.
    E como já li alguns artigos que dizem que poucos vinhos realmente evoluem com o tempo, adoto essa justificativa para mim mesmo.
     
    • 7
  13. Alex D.

    Alex D. mralfh


    Desde 16 Mar 2009
    Tanganmandapio
    Mesmo pra mim... :(
     
    • 1
  14. Henri6666

    Henri6666 Usuário

    5.762 8.285 263

    Desde 11 Fev 2014
    Sao paulo

    Acredito que seja o VIK 2011 (BUG)...

    É muito interessante essa questão da guarda e todas as suas nuances....

    Recentemente, tive uma experiência com Laszlo...

    Ano passado, provei esse vinho e o achei um bom vinho, passado certo tempo, esse ano, provei novamente e estava excelente...

    No caso do VIK A, acredito seja um vinho que possa chegar nos 10 anos muito bem, talvez, até um pouquinho mais...

    Por fim, nos últimos dias, provei chacayes 2008 (11 anos) e o vinho estava excelente... (bodega Piedra Negra)....
     
    • 1
  15. Ragnar21

    Ragnar21 Camargo 21 ! Carpe Diem!

    Pra resolver isso eu acabei comprando uma 2a adega, em uma delas ficam os que eu deixo pra guarda, na outra os que eu compro pro dia a dia

    Sobre o prazo de guarda, quando era sócio da wine e comprava quase tudo por la, eu criei uma lista em Excel com as informações de cada rótulo que ha no site deles, com isso conseguia calcular o tempo de guarda e conforme iam chegando no vencimento, eu abria

    Mas quando comecei a comprar em outros sites ou vinhos que eu trago de viagem, eu acabei largando mão porque da muito trabalho checar essas informações

    Ainda tenho a listagem de alguns que ficaram pra guarda, mas deixei de cadastrar novos e uma adega de 33 tb não comporta mais todos os rótulos, estou então deixando nas caixas que chegam, tudo isso pra evitar encontrar na volta de alguma viagem, um Vik ou CDP "na porta da geladeira", rssss

    Mas vou dar mesmo uma olhada nos argentinos 2012 que tenho aqui, tem Achaval, Zuccardi entre outros que já devem estar com uns 7 ou 8 anos

    Ha ainda outra situação, um Achaval Safra 2012, chegou nas lojas na Argentina, pelo que eu me lembro, em 2014, e aí o que fazer? Como saber raramente o ano que o rótulo foi pro mercado, ainda que tenha isso gravado na garrafa, só preciso lembrar como decifrar os "códigos" kkkkk
     
    Última edição: 28 Jul 2019
    • 2
  16. Vladoids

    Vladoids Cricunaural

    1.910 2.471 261

    Desde 1 Dez 2012
    Sao Paulo
    Tenho um grande amigo morando em PT e que vem ao Brasil em breve para férias. Como vem com sobra de espaço na mala, concordou em me trazer uns rótulos.

    Passei então a dar uma olhada no site da garrafeira nacional. A oferta de portos deles eu conheço bem, embora o estoque volta e meia dê uma atualizada. Como os portos mais caros são rótulos que normalmente nem são trazidos ao Brasil, fica difícil comparar os preços. Mas dessa vez fui olhar alguns tintos também e fiquei de cara com os preços.

    O clássico exemplo de diferença de preço europa x Brasil: casa ferreirinha papa figos. GN: e$ 6, brasil: R$130. E por ai vai, diversos exemplos!

    Já no andar de cima, nos vinhos um pouco mais caros, a diferença parece que até piora!. Exemplo: cartuxa "normal": e$ 17, brasil R$ 300. Cartuxa reserva - GN e$ 32, brasil R$ 500

    Como exceção, já comentado aqui há alguns anos, destaco o bom preço que a divvino pratica com os vinhos da monte da ravasqueira. O top deles, MR premium, custa lá e$ 55, enquanto na divvino está saindo por R$ 300. No clube D sai por R$ 270, quase o mesmo preço da fonte!
     
    Última edição: 28 Jul 2019
    • 8
  17. Alex D.

    Alex D. mralfh


    Desde 16 Mar 2009
    Tanganmandapio
    Outro que vai longe também é o Cheval des Andes. (y)

    Para quem leva o vinho como hobby eu recomendo fortemente a guarda dos vinhos. Esse assunto já foi amplamente discutido mais para trás, mas não custa reforçar.

    É difícil começar, mas compensa enormemente depois.

    Eu comecei minha "adega" guardando umas garrafas numa caixa de madeira que ficava dentro do meu armário. Era difícil pra mim, porque neste período estava muito enrolado com prestações de apartamento, intermediárias, etc, ou seja, a grana estava bem apertada. As vezes eu olhava para as garrafas e queria abrir, mas resistia. Quando não tinha outras garrafas em casa, ia até o supermercado e comprava alguma coisa mais em conta (passei um tempo grande bebendo Pionero e Casillero, e guardando as garrafas melhores que conseguia comprar).

    Fui começar a "colher" os frutos depois de 2 anos. Mas o resultado definitivo veio com 5 anos. Posso dizer que valeu demais, é muito bom ter sempre algum vinho no ponto certo para abrir. Mas esta não é a única vantagem de ter uma adega.

    Quando você compra o vinho apenas para o consumo imediato, você fica mais sujeito a variações no preço. Muitas vezes não dá pra ficar esperando aquela promoção, pois o fim de semana está chegando e a gente não tem uma garrafa.

    Fora que aqui no Brasil é muito raro alguma loja vender safras mais antigas, então tanto os vinhos de consumo mais imediato, quanto os de guarda, são vendidos bem novos. Comprar um grande vinho e abrir logo, pode ser um enorme desperdício.

    Outra vantagem é ter diferentes tipos de vinho para diferente ocasiões, comidas, etc.

    Claro que não basta sair comprando vinhos e guardando, é preciso ter um pouco de conhecimento sobre qual vinho se guarda e qual se bebe cedo, e quanto tempo se guarda em média cada garrafa. Alguns vinhos serão guardados por 5 anos ou mais, outros apenas 1 ou 2 anos para ganharem alguma complexidade. Portanto não é indicado para quem acabou de entrar nesse mundo do vinho. Eu mesmo demorei vários anos para começar a guardar alguma coisa. (y)
     
    • 7
  18. Ragnar21

    Ragnar21 Camargo 21 ! Carpe Diem!

    A divvino esta com uns descontos hoje, ontem abri esse Montgrass Solar [ que deve ser o rotulo "entrada da entrada" deles kkkkkkkk ] e me surpreendeu, é um vinho simplex mesmo mas que agradou a todos

    https://www.divvino.com.br/p/montgras-solar-cabernet-sauvignon-2018-3846419

    Depois abrir o outro CS deles [ Aura] e nao curti tanto

    https://www.divvino.com.br/p/montgras-aura-cabernet-sauvignon-2018-4290642

    Esse é outro que esta na promo e por 32,00 vale muito

    https://www.divvino.com.br/p/ottone-i-barbera-piemonte-2017-1943685

    Ja o Quatro da Montgrass eu deixei passar e agora aumentou muito, alguem chegou a comprar?

    https://www.divvino.com.br/p/quatro-2018-1710435
     
    • 4
  19. BIGODE

    BIGODE Usuário


    Desde 28 Fev 2005
    Florianópolis/SC/Brasil
    Amigos,

    também vivencio o "problema" de estoque e capacidade de guardar, embora tenha ampliado consideravelmente a adega em uma reforma que fizemos no apartamento. No entanto, quanto maior o espaço (com nichos e adegas climatizadas) em proporção superior cresce a vontade de aproveitar as oportunidades de compra e prova, tanto que já estou com mais de 400 garrafas em dois locais, centro e praia.

    Mas é bom dizer que a solução, ou seja, a eliminação do "problema", passa pela feliz e prazerosa degustação do precioso líquido de cada um dos rótulos. Isso é o que nos anima!

    E abri nos últimos dias mais uma garrafa do português Quinta do Alqueve Tradicional Reserva 2008, de uma remessa anterior (não a mais recente, da última promoção da Wine), que estava intacto; continuava muito bom!

    Na mesma linha, com bastante potência, o blend argentino Amalaya Corte Único 2012, com as uvas Malbec, Cabernet Sauvignon e Tannat. Uma bela opção!

    BIGODE

    IMG_20190724_212556178 (1).jpg IMG_20190727_210831831.jpg
     
    • 12
  20. LioZ

    LioZ Samsung nunca mais (desde 2011)


    Desde 19 Abr 2005
    Brasil
    Karaka!? O Cartuxa está saindo por 300 no Brasil??? :o:o:o
    As margens de alguns logistas estao na Lua....kkkkk
     
  1. Usamos cookies próprios e de terceiros para dar um melhor serviço e mostrar publicidade. Ao continuar, aceita o seu uso.
    Fechar Aviso