Anúncio do HT Forum

Clube do Vinho

Discussão em 'Zona Livre' iniciada por rodrigojr, 30 Mai 2006.

  1. rodrigojr

    rodrigojr Usuário


    Desde 17 Jun 2003
    São Paulo
    Anúncio do HT Forum
    No meu primeiro dia de férias na California tomamos um Chateau Montelena Cabernet Sauvignon 2005 que estava um deslumbre. Espetacular, sem excesso de madeira e de fruta. Acidez e taninos na medida certa. Nada daquele estilo "bomb fruit sem acidez"que enjoa depois de uma taça. Realmente, um vinho do mais alto gabarito.

    No último dia bebemos um vinho italiano chamado Guidolberto produzido pela Tenuta San Guido em Bolgheri (segundo vinho depois do Sassicaia), safra 2007. Vinho pronto, complexo, final longo e, a exemplo do Montelena, fruta e madeira na medida certa. Foi sugerido pelo garçom do restaurante Via Alloro (http://viaalloro.com/) em Beverly Hills. Aliás, como estamos comendo caro no Brasil. Este restaurante pertence a uma família de chefs italianos (família Drago) que contam com outras casas na região (Picolo Paradiso e Il Pastaio a algumas quadras de distância). Um restaurante sofisticado no bairro mais caro de LA. Preço médio dos pratos: US$ 20. Ou seja, R$ 36. Aqui em SP isso é preço de frango assado no Galeto's. Aliás, recomendo os restaurantes desta família. Muito boa comida com preços justos, ambiente bom e ótimo atendimento.

    Comemos e bebemos como reis na viagem, sempre com vinho de boa qualidade e o máximo que gastamos foi US$ 150 o casal. Para comer e beber vinhos deste nível aqui em SP, gastaríamos substancialmente mais.
     
  2. DirehOliveira

    DirehOliveira Aprendendo, e muito!


    Desde 29 Mar 2008
    Presidente Prudente
    Realmente Rodrigo,

    vou aproveitar que vc levantou a bola e também vou dar um peteleco nela.

    Estamos comendo muito caro no Brasil.

    Como disse um professor meu, no Brasil, sentou em restaurante de médio pra bom, é bandeirada 200 réis por cabeça.

    Apesar de conhecer poucos países é o mais caro que conheço.

    Abraços.
     
  3. Aristóteles

    Aristóteles Usuário


    Desde 24 Ago 2007
    Recife/Pernambuco
    Acho que, no exterior, é muito mais fácil encontrar boas opções de restaurantes a preços razoáveis, o que não impede, contudo, que as casas mais badaladas cobrem uma pequena fortuna por uma refeição. Contudo, mesmo nesses lugares, é possível comer muito bem na hora do almoço por um preço razoável.

    No Brasil, os preços vão subindo sem a necessária correspondência da qualidade. Ou seja, mesmo aquele menu de almoço num restaurante mais ou menos sai por um preço equivalente aos praticados em restaurantes estrangeiros.

    Por exemplo, o Robuchon de Londres cobra 19 ou 25 libras no menu do almoço (dois ou tres pratos), ou o Spicy Market, em Nova York cobra uns US$ 25 pelo menu do almoço. Achar comida equivalente a esses preços é difícil por aqui.
     
  4. Papillon

    Papillon Usuário


    Desde 30 Jun 2004
    Sao Paulo _SP
    O buffet do Belagio se não me engano saia a U$15, qualquer Ibis aqui cobra mais por menos. Sei existem impostos...mas em determinado patamar o imposto sobre a matéria prima deixa de ser influenciável no preço.
     
  5. Aristóteles

    Aristóteles Usuário


    Desde 24 Ago 2007
    Recife/Pernambuco
    O Valbuena é um ótimo vinho. Quem vende por aqui é a Mistral.

    Eu também trouxe um Château Pontet-Canet, mas ainda não experimentei.

    Edison, você foi à loja L´Intendant, em bordeaux?

    Abs
     
  6. rodrigojr

    rodrigojr Usuário


    Desde 17 Jun 2003
    São Paulo
    Trouxe o Pontet Canet, o Pesquera e a Bollinger seguindo minhas indicações e não confia... Se deixasse por ele ia trazer Baron D'Arignac e Frascatti...
    Não deve confiar mesmo, porque se confiasse ia beber e ouvir música melhor heheheheheheheheehheehehheheeheh:D
     
  7. uopaaaaaa

    uopaaaaaa Usuário


    Desde 18 Out 2008
    recife/pe/brasil
    Colegas,

    Estou à procura de uma mini adega de 6 garrafas. Gostaria de saber qual seria uma boa opção. Como não conheço e ouvi dizer que algumas adegas só fazem resfriar no máx. 10 graus etc... gostaria de saber qual seria a melhor opção para 6 garrafas, pois moro num flat.

    Obrigado!
     
  8. Filipão

    Filipão Usuário


    Desde 4 Nov 2002
    Fortaleza - CE
    uopaaaaaaaaaaaaaaaaaa,

    Existem basicamente dois tipos de mini-adegas: as que utilizam sistema tradicional de refrigeração (gás e compressor) e as que utilizam um sistema termo-elétrico (efeito Peltier). Estas últimas são as mais comuns, quando se fala de adegas de baixa capacidade. Este sistema tem limitações de capacidade de resfriamento. Esse valor de 10ºC de diferença para a temperatura ambiente é um bom indicativo.

    Eu tenho uma de 8 garrafas. Na época que pedi sugestões me disseram pra comprar uma maior e eu disse que esse tamanho me bastaria. Na verdade o que me disseram era a mais pura verdade. Hoje eu penso diferente e compraria uma maior. A minha usa o sistema Peltier. Na temperatura que está fazendo aqui em Fortaleza ela não tem conseguido ficar abaixo de 19ºC. Regulei ela pra manter 18ºC, mas dificilmente ela chega nessa temperatura. De toda forma, ainda é infinitamente melhor do que manter as garrafas num armário ou na geladeira.

    Abraços,

    Filipe Rangel.
     
  9. Aristóteles

    Aristóteles Usuário


    Desde 24 Ago 2007
    Recife/Pernambuco
    Eu comprei recentemente uma adega da Tocave com capacidade para umas 80 garrafas. Ela utiliza esse sistema termo elétrico descrito por Felipe. O que a empresa promete é resfriar a temperatura externa em até 15º.

    No início, fiquei meio receoso em saber se ela iria conseguir uma temperatura adequada, sobretudo porque era verão no Recife (ou seja, durante o dia, temperaturas na casa dos 28 a 30º). Coloquei um termômetro manual nela e fiquei acompanhando de perto a temperatura.

    Bom, para minha surpresa, ela está se saindo muito bem. A temperatura, que eu ajustei para o mínimo de 12º, está sempre na casa dos 16º na parte superior e uns 14º na inferior. Menos que isso ela não consegue, mas também não é necessário.

    Só um detalhe que eu não gostei: a adega praticamente só aceita garrafas no padrão bordeaux, sendo difícil colocar garrafas no formato borgonha. Como tenho duas adegas, resolvi o problema dividindo as garrafas entre ambas. Na outra, que usa o sistema de compressor, cabem umas 46 garrafas.

    Felipe, por que você não ajusta sua adega para o mínimo?

    Abs
     
  10. Filipão

    Filipão Usuário


    Desde 4 Nov 2002
    Fortaleza - CE
    Aristóteles,

    A minha é Tocave também. Aqui não adianta ajustar pro mínimo (12ºC). Ela atualmente não está conseguindo baixar dos 18~19ºC. Deixei no 18ºC pra evitar gasto de energia desnecessário, pois num valor menor ela fica mantendo o sistema de refrigeração funcionando 100% do tempo (não "dispara"). No meu caso o local de instalação está contribuindo pro problema, pois não é um local ventilado.

    Só pra ilustrar. O serviço meteorológico está indicando agora temperatura na casa dos 31ºC, mas com sensação térmica de 38ºC. É mole?

    Abraços,

    Filipe Rangel.
     
  11. Papillon

    Papillon Usuário


    Desde 30 Jun 2004
    Sao Paulo _SP
    Fora o consumo de energia elétrica, as adegas a peltier consomem cerca de 18kwh/24h (consome por dia o que uma com compressor consome no mês) no final do mês a conta pode pesar.

    Vi em casa de amigos a GE e a Eletrolux, a eletrolux chama atenção pelos dois compartimentos. A minha com compressor fica sempre em 16º.
     
  12. Aristóteles

    Aristóteles Usuário


    Desde 24 Ago 2007
    Recife/Pernambuco
    Isso explica o aumento que tive na minha conta de luz!

    To lascado!
     
  13. rodrigojr

    rodrigojr Usuário


    Desde 17 Jun 2003
    São Paulo
    Hoje faço 5 anos de casado.

    Acho que vamos de Château Pichon Longueville Comtesse de Lalande 2000

    Depois conto como foi o estrago.

    Abs,

    Rodrigo
     
  14. Aristóteles

    Aristóteles Usuário


    Desde 24 Ago 2007
    Recife/Pernambuco
    Parabéns pela data, Rodrigo. :aplauso:

    Ótima escolha de vinho. Depois, conta aqui quais foram suas impressões.

    Ontem tomei um Clos des Menuts 2005, um Saint Emilion Grand Cru sem grandes pretensões, mas bastante legal e um Luis Pato Beiras Vinhas Velhas 2000 muito bom.

    Abs
     
  15. uopaaaaaa

    uopaaaaaa Usuário


    Desde 18 Out 2008
    recife/pe/brasil
    Filipão,

    Vc poderia me dizer algumas marcas de adegas até 6 ou 8 garrafas no máximo, de cada sistema de refrigeração?

    Abraço!

     
  16. Filipão

    Filipão Usuário


    Desde 4 Nov 2002
    Fortaleza - CE
    uopaaaaa,

    Nestas capacidades acredito que todas são do tipo Peltier (Tocave, GE, Bosch, Dynasty etc.). As que usam compressor normalmente são maiores (Dynasty, Art des Caves, NovaCave, Philco).

    Abraços,

    Filipe Rangel.
     
  17. uopaaaaaa

    uopaaaaaa Usuário


    Desde 18 Out 2008
    recife/pe/brasil
    Pois é Filipe... estou neste dilema... encontrei com compressor apenas adegas a partir de 20 garrafas. O meu problema é espaço... A Tocave de 8 garrafas caberia perfeitamente no meu espaço( maior largura, menor produndidade e menor altura), mas o problema é que moro em Recife e como ela é termoelétrica, alguns especialistas condenam veementemente, o uso de termelétricas nesta região, por conta das altas temperaturas...
     
  18. Aristóteles

    Aristóteles Usuário


    Desde 24 Ago 2007
    Recife/Pernambuco
    Ontem eu abri um Angheben Pinot Noir 2008, vinho nacional produzido pela vinícola de mesmo nome, pequena produtora do Vale dos Vinhedos - RS (à venda na Vinci por R$ 37 e uns quebrados).

    Claro que um pinot noir desse preço dificilmente poderia ser bom, mas estava curioso de ver como essa casta estaria sendo trabalhada pelo produtor.

    Bom, não gostei do que vi. O vinho tinha uma característica muito estranha. Um amargor ou, melhor, um quase azedume! Não tomei nem uma taça inteira. Fiquei pensando se a garrafa não poderia estar estragada, mas não vi nenhum sinal disso.

    Bom, fui procurar arrego num vinho que acho excelente: o Mas au Schiste 2006, do Domaine Rimbert, produtor muito bom do Languedoc. É um corte de carignan, syrah e grenache que vale muito a pena ser conhecido. Tem um caráter muito próprio e ao mesmo tempo agradabilíssimo. Quem vende é a De la Croix e custa R$ 89,00.

    Abs
     
  19. Papillon

    Papillon Usuário


    Desde 30 Jun 2004
    Sao Paulo _SP
    Um que não gostei foi o Baron Nathaniel 2000, frutado em demasia com taninos muito leves.
     
  20. Aristóteles

    Aristóteles Usuário


    Desde 24 Ago 2007
    Recife/Pernambuco
    Edison, ele deve ser melhor do que o quase xará mais famoso, o Chateau Haut Brion, ein?

    Rodrigo, como estava o Château Pichon Longueville Comtesse de Lalande 2000?

    Abs
     
  1. Usamos cookies próprios e de terceiros para dar um melhor serviço e mostrar publicidade. Ao continuar, aceita o seu uso.
    Fechar Aviso