Clube Hegel

Discussão em 'Amplificadores, Prés e Integrados' iniciada por AHB, 8 Jun 2016.

  1. Aleixo N75V

    Aleixo N75V Usuário


    Desde 20 Mai 2007
    Espírito Santo
    Anúncio do HT Forum
    O Audirvana elevou o patamar do meu sistema, está tocando ainda melhor, juntou perfomance com praticidade, vou comprar a licença, chorar uma semana por causa do dólar, mas vai passar rs vai valer a pena devido ao ganho gerado !!

    @FelipeRolim@FelipeRolim usando Audirvana no Macbook via UPnP para o Hegel, qual a influência do MacBook ?

    Te pergunto porque estou avaliando de seguir suas recomendações e melhorar o sistema do roteador ao Hegel.

    Lembrando que o MacBook trabalha Wi-Fi.
     
    • 1


    Anúncio do HT Forum
  2. Renato Nickel

    Renato Nickel Usuário


    Desde 15 Jul 2004
    Curitiba
    Aleixo,
    Eu uso o meu Mac Mini na Rede, flui melhor. Importante 16gb de ram e SSD. Se não me engano a óptica tem um limite de 24/96. Eu também uso arquivos no HD, muita .iso, logo não é só Tidal. Outro aspecto é o uso da interface singxer, que melhorou muito o resultado do DAC.
    Renato
     
  3. Aleixo N75V

    Aleixo N75V Usuário


    Desde 20 Mai 2007
    Espírito Santo
    O que seria essa interface Singxer?
     
  4. Renato Nickel

    Renato Nickel Usuário


    Desde 15 Jul 2004
    Curitiba
    Eu entendo que a USB pode ser um problema no sistema, por isso uso a Singxer, que fica entre o MAC e o Hegel. Ligo ela ao Hegel via coaxial.
    Renato
     
    • 1
  5. FelipeRolim

    FelipeRolim Keep Improving Myself


    Desde 17 Ago 2008
    Quatiguá/Paraná/Brasil
    Aleixo, desculpe-me, mas nesta hipótese não sei especificar com certeza absoluta qual a atuação do Audirvana. Diferentemente do que ele faz se fosse apenas um gerenciador de biblioteca, meu palpite é no sentido de que, para tocar o TIDAL, haja um efetivo processamento de dados, ou seja, o MacBook está baixando o arquivo dos servidores do TIDAL, decodificando-o (inclusive com possibilidade de reproduzir MQA - já que há um decoder interno no próprio Audirvana), e somente então enviando (já processado) ao DAC. Para ter certeza disso, seria interessante monitorar o fluxo de dados entre os dois dispositivos e, mais do que isso, usar o cabo de rede, e não o Wi-Fi. Dentre o pequeníssimo consenso existente entre pessoas que usam o computador para reproduzir música em alto nível, acredito que a superioridade da rede via cabo é uma das raras exceções.

    Para a reprodução de arquivos locais, deve haver alguma maneira de configurar o Audirvana para desempenhar diversas funcionalidades, tal como a decodificação prévia dos arquivos de áudio. Neste caso, o Hegel seria algo mais próximo de uma "placa de som de rede", um end-point, literalmente, pois não atuaria com nenhum tipo de player interno, apenas receberia o arquivo já previamente processado pelo computador. Apesar de sua surpresa, há, de fato, uma tendência de que o processamento externo (para além do mero servidor UPnP) seja benéfico e colabore com o resultado...
     
  6. Aleixo N75V

    Aleixo N75V Usuário


    Desde 20 Mai 2007
    Espírito Santo
    C22A0750-A525-4945-B2B4-6FC7FDE830DA.jpeg 641F0C15-7933-4427-B121-F194DC89E8DD.jpeg
    Entendi Felipe, um amigo tem o adaptador Apple thunderbolt/gigabit, disse que me vende barato, aí vou cabear o MacBook.
    Sobre a melhoria da estrutura de rede, aqui em casa a fibra ótica chega na parede da sala, daí vai para um conversor que tem saída RJ45, que vai para o Roteador. Sendo assim, precisaria de fonte linear para os dois, todos os dois são 12v, um usa 1A outro 0,5A.

    Obrigado pelas dicas Felipe !!
     
  7. FelipeRolim

    FelipeRolim Keep Improving Myself


    Desde 17 Ago 2008
    Quatiguá/Paraná/Brasil
    Esta é a fonte que uso para alimentar o SSD e as placas offboard dos meus computadores: https://www.ldovr.com/product-p/tps7a4700-spsu.htm. Para trabalhar com até 1A, desconheço algo cuja sonoridade seja tão cativante e que custe o mesmo. Tenho quatro destas e, além de pequenas, são excelentes mesmo. Você precisaria comprar duas e mandar fazer um transformador com duas saídas individuais. Ficará excelente e a custo baixo.

    Apesar de a construção da fonte demandar gabinete e não ter o mesmo nível de acabamento que as Teradak, com o transformador adequado desempenham-se muito melhor e a menor custo. Claro, dentro de sua especificação. E, embora isso não tenha relação alguma com o tópico, tomei a liberdade de compartilhar porque pode se adequar à situação de outros colegas.
     
    • 1
  8. thiagocaverna

    thiagocaverna Usuário

    B4BF0941-0CF8-4701-B11B-785B29D711B3.jpeg E9BD2832-EE84-47CA-AFF5-A6EA88B0A925.jpeg C065D8F4-1790-4615-9379-74AC8CCFF550.jpeg A48FF5A4-2776-457D-9619-E26D96DA103F.jpeg Móvel concluído para abrigar meu integrado.
     
    • 4
  9. Renato Nickel

    Renato Nickel Usuário


    Desde 15 Jul 2004
    Curitiba
    Muito bacana Thiago. Acho que conheço esses suportes Omega dos fones hehehehe.
    Abraço
    Renato
     
    • 1
  10. thiagocaverna

    thiagocaverna Usuário


    Obrigado Renato.

    Os suportes, voce que faz ?

    Abraços
     
  11. Renato Nickel

    Renato Nickel Usuário


    Desde 15 Jul 2004
    Curitiba
    Fazia,
    Parei faz alguns anos.
    Abraço
     
    • 1
  12. tupacshakur

    tupacshakur Usuário


    Desde 15 Mar 2010
    Sao Paulo
    Acompanhei os últimos posts aqui falando bastante sobre a questão do Tidal e comparações utilizando Bubbleupnp, mconect e outros.
    No passado eu li aqui acho que no clube do hegel que um raspberry pi como transporte ligado a um hegel não iria reconhecer o DAC. atualmente tenho o dac wyred4sound dac1 que pelas pesquisas que fiz pela internet iria de encontro a isso também.
    Pois bem, resolvi testar e pra minha grata surpresa descobri que o dac funciona, reconhece o módulo corretamente e consegue reproduzi até 96hz perfeitamente, ja que essa limitação do dac na USB.

    Agora realizando outros testes acabei vendo algumas constatações que vai de encontro ao discutido aqui sobre Tidal

    Primeira constatação e que ao conversar com algumas pessoas que utilizam o windows em Pc ou notebook para reproduzir suas músicas, configuram o driver do DAC para sempre reproduzir no máximo do driver. No meu caso estava buscando utilizar o chamado bit perfect, onde o áudio reproduzido e o mesmo que entra.

    Para windows eu encontrei esse link do Tidal que mostra como configura-lo de forma a passar o áudio como entra.

    https://support.tidal.com/hc/en-us/articles/360005773698-Optimizing-HiFi

    Após essa configuração entrei nas configurações de áudio e habilitei suporte a todas opções que meu dac suporta pelo USB, no caso máximo 24/96

    Já no Linux que era o que tinha interesse em utilizar, foi possível o bit perfect apenas com músicas locais. No caso do Tidal todas as músicas acima de 16/48 são feitas um tipo de downsample, limitação do Tidal que só reproduz 24/96 e 24/192 pelo próprio app do Tidal.

    Ainda não tenho opinião sobre a questão audivel e as diferenças.
     
    • 5
  13. Puka1963

    Puka1963 Usuário

    1.264 1.286 611

    Desde 1 Nov 2010
    Guarujá (SP)
    Vou me responder sozinho :D
    Tem que apertar para 1 segundo o "DAC+" no controle e aparece a frequência no display.
     
  14. Renato Nickel

    Renato Nickel Usuário


    Desde 15 Jul 2004
    Curitiba
    Colegas,
    Coloquei meu Hegel Rost a venda para up futuro. Vou continuar acompanhando o grupo.
    Renato
     
  1. Usamos cookies próprios e de terceiros para dar um melhor serviço e mostrar publicidade. Ao continuar, aceita o seu uso.
    Fechar Aviso