Anúncio do HT Forum

Clube Monitor Audio

Discussão em 'Caixas Acústicas e Subwoofers' iniciada por tukano, 25 Jun 2007.

  1. Gafanhoto-RJ

    Gafanhoto-RJ Vendo e ouvindo

    9.035 6.024 866

    Desde 1 Out 2006
    RJ/RJ/BR
    Anúncio do HT Forum
    Gostei.

    Se assemelha ao termo usado e combina com as variações no Audyssey. Nesse último o termo aparece como Compressão Dinâmica que vai de desligada até "heavy". E o uso no Audyssey é exatamente para permitir coisas como ver um filme de ação na madrugada sem ter que se preocupar com as explosões após ter aumentado o volume por não conseguir ouvir os diálogos mais baixos.(y)

    Faltou dizerem porquê um trafo ou sei lá o que provoca diminuição na dinâmica. (n)
     
    • 2


    Anúncio do HT Forum
  2. FelipeRolim

    FelipeRolim Breaking The Sound Barrier


    Desde 17 Ago 2008
    Quatiguá/Paraná/Brasil
    Costumo entender "dinâmica" como um gênero do qual são espécies a microdinâmica e a macrodinâmica. Poder-se-ia definir "dinâmica" de um modo geral, mas de forma particularizada fica mais didático e, inclusive, tendo o conceito de maneira mais clara, facilita no momento de uma avaliação mais criteriosa.

    Microdinamica define o menor detalhe que existe na musica, são notas mais delicadas e, mesmo assim, destacadas dentre as outras que as acompanham. Quando se diz que houve ganho em microdinâmica, quer-se dizer que as notas dos menores detalhes estão mais evidentes na reprodução musical. É o pianíssimo (ppp). Comparando diversos cabos e equipamentos, pode ser que algum denote mais as passagens de um pianíssimo. Muitas vezes esse conceito é confundido com ganho em detalhamento, mas acho que a diferença entre o "detalhamento" e a "microdinâmica" está na presença/ausência da informação. No detalhamento, a informação inexistente aparece. Na microdinâmica, a informação preexistente se torna mais clara, transparente, audível, dentro de um acontecimento musical. Quando a mudança é brusca, há uma grande desobstrução nas passagens musicais, maior arejamento.

    Macrodinamica está relacionada à velocidade de resposta do sistema frente a variações bruscas de intensidade dos instrumentos. É claro que todo instrumento musical possui seu próprio limite, sua maior intensidade sonora, e isso depende, grosso modo, da "força" com que ele é tocado. Também é evidente que o "limite" de alguns (piano, p. ex.) é maior do que o limite de outros (violão, p. ex.), em termos de intensidade. Ter maior macrodinâmica significa dizer que há um bom destaque, uma boa identificação, entre os sons mais intensos e outros menos intensos, sem que um atrapalhe ao outro. Exemplo é a passagem de um pianíssimo (ppp) para um fortíssimo (fff), ou mesmo de um pianíssimo (ppp) para um piano (p), mezzo piano (mp) ou mezzo forte (mf), ou então a "convivência" de um piano e um violão, de um violoncelo e um violino, de modo que seja perceptível identificar a dimensão, a massa sonora cada um deles. Quando isso é identificável, há boa macrodinâmica. Em outras palavras, para sintetizar, significa que, numa passagem em que há um som intenso, seguido ou em conjunto de outro menos intenso, um não irá atrapalhar o outro. Normalmente, macrodinâmica é associada à velocidade e ao controle do sistema.

    Sobre o transformador, prefiro não comentar...
     
    • 5
  3. ms73

    ms73 Usuário

    Não estou afirmando nada porque nunca teste li que o transformador isolador não sofre deste problema, mas custa bem mais caro, é real?

     
  4. edmararj

    edmararj Usuário

    4.615 4.038 551

    Desde 2 Out 2008
    Rio de Janeiro
    Um transformador é formado por enrolamentos de fios ou fitas metálicas. Esses enrolamentos têm uma indutância (L). A indutância é obstáculo às variações instantâneas de corrente elétrica, que em última instância vai proporcionar a variação dinâmica da potência, uma vez que a tensão (127V) e a frequência (60Hz) são constantes.

    Uma solução de contorno são as fontes de alimentação dos amplificadores com grandes reservas de energia (capacitores) para serem liberadas quando necessário.

    Edmar
     
    • 2
  5. Gafanhoto-RJ

    Gafanhoto-RJ Vendo e ouvindo

    9.035 6.024 866

    Desde 1 Out 2006
    RJ/RJ/BR
    E quem produz transfrmador para o público "audiófilo" não sabe disso? Muitos são vendidos como "transparentes".
     
  6. Vicente Aires

    Vicente Aires Usuário


    Desde 8 Out 2017
    RIO DE JANEIRO
    No caso do auto transformador (que é um grande indutor de corpo único) aí que essas variações bruscas na corrente (exigidas para maior dinâmica) ficam mais contidas ainda.

    Por isso considero que o ideal seja que o equipamento, sempre que possível, trabalhe na sua tensão nativa e que essa seja a mesma da rede local.
     
    • 1
    • 1
  7. Diyuser

    Diyuser Usuário

    64 14 16

    Desde 29 Jan 2018
    Brasil
    Isso se incluiu um Panamax 5400 com toroidal abaixador?
    Pretendo compra um logo mais como proteção ao meu receiver Onkyo NR1009, PC e TV.
     
  8. VMat

    VMat Usuário


    Desde 3 Out 2007
    Vancouver
    E além disso, o que tem de tão ruim esse transformador, que o transformador interno do aparelho não tem? o_O

    Realmente difícil de entender.

    VMat
     
    • 2
  9. reynaldohm

    reynaldohm Senior Team


    Desde 29 Out 2008
    Blumenau/SC/Brasil
    Exatamente, o transformador que está ligado fora tem problema, ai o interno não tem problema algum....
    Isso sem contar que existem aparelhos com mais de um Trafo interno.

    Acho interessante que sempre se colocam varias definições de áudio, e na hora de explicar ai fica esta duvida.

    Alguns como sempre procuram no Google.
    https://pt.wikipedia.org/wiki/Dinâmica_musical
     
    Última edição: 14 Fev 2018
    • 3
  10. reynaldohm

    reynaldohm Senior Team


    Desde 29 Out 2008
    Blumenau/SC/Brasil
    Pat Metheny Group
    SACD

    1. San Lorenzo
    2. Phase Dance
    3. Jaco
    4. Aprilwind
    5. April Joy
    6. Lone Jack

    Bass – Mark Egan
    Drums – Dan Gottlieb
    Guitar [6 & 12-string] – Pat Metheny
    Keyboards, Synthesizer [Oberheim], Autoharp – Lyle Mays

    11a4aa2858acc634bebfd1536af1c608.jpg
     
    • 2
  11. reynaldohm

    reynaldohm Senior Team


    Desde 29 Out 2008
    Blumenau/SC/Brasil
    Pat Metheny
    Bright Size Life (w. Jaco Pastorius)

    SACD

    1. Bright Size Life
    2. Sirabhorn
    3. Unity Village
    4. Missouri Uncompromised
    5. Midwester Nights Dream
    6. Unquity Road
    7. Omaha Celebration
    8. Round Trip / Broadway Blues

    Bass – Jaco Pastorius
    Drums – Bob Moses
    Guitar [6-string], Twelve-String Guitar [Electric] – Pat Metheny

    934653cf41a9d58128fae3ea99150893.jpg
     
    • 2
    • 1
  12. weltec

    weltec Usuário

    5.421 3.290 376

    Desde 15 Nov 2011
    Rio de Janeiro
    Mas não foi dito que o interno não gera problema algum e é perfeito...

    Acho que não é que o interno seja bom e o externo o vilão, é que o interno é intrínseco ao equipamento e não dá para fugir dele, aí se adiciona mais um externo só para potencializar...
     
    • 1
  13. Batman-X

    Batman-X Usuário


    Desde 29 Jan 2006
    Morrinhos-GO

    Nem conhecia Rey. Gostei. (y)


     
    • 1
  14. Gafanhoto-RJ

    Gafanhoto-RJ Vendo e ouvindo

    9.035 6.024 866

    Desde 1 Out 2006
    RJ/RJ/BR
    É qual é o pó de um condicionador de energia como já foi perguntado se em princípio ele apenas filtra e isola seus bancos de tomadas?

    Estou perguntando de modelos sem reguladores de tensão.
     
  15. weltec

    weltec Usuário

    5.421 3.290 376

    Desde 15 Nov 2011
    Rio de Janeiro
    A filtragem em série com a rede, só isso. Lembra da indutância que o VMat disse? Dentro do condicionador existem vários indutores, entre outras coisas.

    Aqui eu ainda utilizo por trazer alguns benefícios que compensam, exclusivamente aqui na minha rede, já no caso do trafo os malefícios eram muito maiores do que ter a tensão diminuída, o que a anos e anos sem ele não me trouxe problema algum.

    No ano passado voltei a fazer testes retirando o condicionador, no ganha e perde eu ainda preferi manter para todo o sistema e não apenas no Mch. Esses dias eu consegui um eletrotécnico funcionário da concessionária para dar uma revistada na minha eletrica, vamos ver no que vai dar.
     
    • 1
  16. Gafanhoto-RJ

    Gafanhoto-RJ Vendo e ouvindo

    9.035 6.024 866

    Desde 1 Out 2006
    RJ/RJ/BR
    Queria ver um gráfico que mostrasse a variação de corrente com o tempo em uma mesma música sendo tocada com e sem um trafo e condicionador no caminho.

    Depois outro gráfico da resposta acústica em ambas condições.
     
    • 1
    • 1
  17. weltec

    weltec Usuário

    5.421 3.290 376

    Desde 15 Nov 2011
    Rio de Janeiro
    Já quero isso a muitos anos... Se conseguir, posta aqui.
    Por hora, só se tem o resultado empírico e subjetivo de diversas pessoas.
     
  18. FelipeRolim

    FelipeRolim Breaking The Sound Barrier


    Desde 17 Ago 2008
    Quatiguá/Paraná/Brasil
    E é bom lembrar que isso não acontece só com os Belkin e Panamax da vida. Muita gente se desfez dos caríssimos PS Audio Power Plant P5 e P10 depois de ter cuidado minimamente da elétrica. Claro que há casos em que isso não faz diferença (caso que acho melhor manter) e os famosos "ruim com ele, pior sem ele".
     
  19. weltec

    weltec Usuário

    5.421 3.290 376

    Desde 15 Nov 2011
    Rio de Janeiro
    O Belkin melhorou bastante ao retirar o cabo de força original e colocar um inlet Furutech com o cabo de força Furutech Alpha3 com plugs Oyaide. MOD feito pelo Tonhão.

    Mas a filtragem interna ainda fica no ganha e perde.
     
  20. Vicente Aires

    Vicente Aires Usuário


    Desde 8 Out 2017
    RIO DE JANEIRO
    Não conheço a construção dos Panamax, o que sei deles é que utilizam componentes de ótima qualidade. E o transformador toroidal tem suas vantagens em relação a um transformador comum.

    Minha posição também é apenas em relação aos auto transformadores, visto que os transformadores internos dos amplificadores (tanto os trafos de entrada, quantos os de saída para casamento de impedância) são comuns a todos os equipamentos, então logo nesse caso não tem pra onde fugir, variando apenas a diferença na qualidade da construção e projeto do mesmo para a sua aplicação.

    No caso do auto transformador é mais um item no set entre a tomada da rede e o restante dos equipamentos, nesse caso que considero que ele pode "mexer" na dinâmica, então só usaria em último caso se não houvesse. Lógico que também a qualidade que esse auto transformador foi construído vai influenciar diretamente no resultado, ou na menor perda de dinâmica possível. Ouvidos mais exigentes perceberão melhor essa diferença...
     
  1. Este site usa cookies. Se você continuar a usar este site, automaticamente concorda com nosso uso de cookies.
    Fechar Aviso