Clube Raspberry Pi + OpenELEC [Mini HTPC]

Discussão em 'HTPCs, Media Centers e Streamers' iniciada por Warpigs, 7 Jul 2014.

  1. Warpigs

    Warpigs Usuário

    69 26 18

    Desde 7 Jan 2008
    Sorocaba
    Bom pessoal, estou criando esse clube especifico pois acredito que atualmente essa dupla pra mim é a melhor solução para quem quer ter um HTPC ou até trocar o seu HTPC antigo.

    A 5 anos que venho migrando de sistemas dedicados, passando do PC para Notebook e depois para Apple TV 2 e atualmente com essa dupla perfeita.

    Além do clube vou compartilhar o caminho das pedras, já bati bastante a cabeça e ajudar não custa nada.

    Vou ser bem objetivo na explicação de cada um, se quiserem mais informações vou deixar os links para consulta.

    O que é o Raspberry Pi (Modelo B)

    Um placa do tamanho de um cartão de crédito capaz de rodar videos a 1080p. Tem o preço sugerido de 35 dólares e pode ser encontrado facilmente no Brasil ou sites internacionais.

    O que é o OpenELEC

    Um sistema leve baseado em linux, rodando exclusivamente o XBMC, um dos melhores, senão o melhor e mais consolidado gerenciador multimídia.

    O que vc consegue essa dupla:

    • Uma biblioteca organizada e com visual 10 com capas e artes dos filmes e seriados.
    • Disponível 24/30 com baixo consumo de energia.
    • Tamanho muito pequeno, podendo ser escondido no rack ou atrás da TV.
    • Controlar o XBMC utilizando o controle da sua TV através do HDMI-CEC
    • Automatizar seus downloads de seriados, filmes e legendas!
    • Servidor de arquivos SAMBA
    • Servidor DLNA.
    • Add-ons como Sickbear, Couchpotato e Transmission para automatizar o processo de downloads.

    O que vc precisa:

    1. Raspberry Pi modelo B
    2. Cartão SD de 1GB classe 4 (recomendado 4GB classe 6).
    3. HD Externo de mesa (com fonte) para manter os arquivos.
    4. Cabo de rede ou adaptador WiFi.
    5. Cabo HDMI 1.4 (para suportar o HDMI-CEC).
    6. Fonte que forneça 1A continuamente a 5V.
    7. Cabo USB tipo A macho para Micro USB.
    8. Case (opcional, mas recomendado)

    Dicas do Warpigs:

    • Isso não é bem uma dica, é REGRA. Deixe um HD externo de mesa exclusivo ao seu Raspberry e formate usando o sistema de particionamento nativo do Linux EXT3 ou EXT4 (recomendo esse). Apesar do linux suportar através de bibliotecas não oficiais o FAT32, NTFS e exFAT (FAT64), nenhum deles roda liso, já vi muitos filmes em 720p e 1080p com bitrate alto que param de 1 a 3 segundo para fazer buffe. Até na utilização do OpenELEC vc percebe a diferença de desempenho.
    • Um dos pontos críticos do Raspberry é o fornecimento de energia, a fonte tem tem que ser boa o suficiente para gerar 1A continuamente, caso contrário vc terá problemas em ligar ou reinícios aleatórios.
    • Uma boa fonte são recarregadores como do celular Motorola como esse, ou de tablets como iPad ou Android. Eu já mantive por longos meses ligado a saída USB do decoder da NET, tive alguns contra-tempos e resolvi ligar direto no recarregador da Motorola.
    • Não use a porta USB da sua TV como fonte de energia, como a TV corta a energia ao desliga-la, tem tem chances de corromper a partição de inicialização do seu cartão SD onde esta o boot do OpenELEC, eu já passei por esse problema por 2 vezes.
    • É recomendável utilizar em cada porta USB não mais que 100mA, verifique o consumo de energia do adaptador WiFi. Adaptadores bluetooth, teclados e mouses são seguros para conexão.
    • Nada de ligar HD externo portátil (sem fonte)! Não há energia suficiente para rodar os pratos e a plaquinha junto, o sistema mal inicializa.
    • Eu falei, nada de ligar HD externo portátil (sem fonte) mesmo! Não adianta, até existe alguns HDs antigos de 80GB a 320GB q consomem até 300mA, mesmo ligando e funcionando por algumas horas vc terá problemas em breve. Experiência própria.
    • Para os paranoicos de plantão em equipamentos ligados, seu Raspberry Pi 24/7 consome míseros 2W, existem centenas de artigos calculando o consumo dessa placa e todos são categóricos em dizer que o consumo é irrelevante na conta de energia. Quando fiz as contas com o custo da nossa energia, eu teria um aumento de 49 centavos no final do mês, se adicionar o HD externo de mesa na jogada eu não pago 1 real para manter 24/30 tudo. É só não pedir batata grande por + 1 real na próxima vez e já esta com o mês garantido.
    • Desligar e ligar, felizmente ou infelizmente o Raspberry Pi não acompanha um botão ou chave de liga e desliga. Ele liga toda vez q conectamos a energia. Para desligar é necessário utilizar o menu do XBMC para tal finalidade, evite o máximo desligar direto da energia, pois poderá corromper o OpenELEC e ai só reinstalando tudo do zero.

    Instalação OpenELEC

    O objetivo dessa instalação é utilizar um cartão SD para apenas dar o BOOT e um HD Externo para instalar todo o OpenELEC.

    Precisamos de desempenho se queremos executar o OpenELEC juntamente com 3 serviços para automatizar todo o processo de downloads e só dessa forma consegui manter todo esse sistema rodando liso no Raspberry.

    Nos meus testes, mesmo utilizando meu cartão SDHC Class 10 UHS-I com velocidades de Leitura 85 Mb/s ; Gravação 45 MB/s recomendado até para gravações em 4K que utilizo em minha máquina fotográfica não chegou ao mesmo desempenho ao utilizar um HD EXTERNO.

    Infelizmente o Raspberry só permite o boot através do cartão SD, ou seja, ele será apenas uma ponte no momento de ligar.

    O procedimento para instalação é para o Windows, mas quem for utilizar o Mac OS ou Linux é só adaptar e é até mais simples (não precisa downloads).

    • HW: Raspberry PI (obviamente) e uma Fonte de Energia.
    • HW: Um cartão SD. Pode ser qualquer tipo, afinal ele será utilizado apenas para dar o BOOT.
    • HW: HD Externo de MESA.
    • HW: Um cabo de rede.
    • HW: Um leitor de cartões SD.
    • SW: MiniTool Partition Wizard. Site oficial http://partitionwizard.com/
    • SW: Imagem do OpenELEC p/ Raspberry Pi. Site para download

    Instruções:

    • Crie uma partição de 150MB, FAT32, PRIMARY, ACTIVE, no seu cartão SD (nomeie como System). NOTA: Vc pode utilizar o espaço inteiro do cartão.
    • Crie uma partição (Utilize o espaço inteiro do disco), EXT4, PRIMARY no seu HD EXTENRO (nomeie como Storage).

    Extraindo a Imagem:
    • Crie um diretório novo em C:\IMAGEM
    • Extraia a imagem do OpenELEC utilizando o 7zip ou Winrar na pasta que criamos acima.
    • Abra uma janela de prompt de comando DOS (Iniciar -> Executar -> CMD) e navegue até o diretório onde vc extraiu sua imagem (C:\IMAGEM)
    • Execute os seguinte comando para copiar os arquivos para o seu cartão SD. (Meu cartão foi montado na unidade G:\ - Altere conforme a sua letra):

      Código:
      copy target\KERNEL g:\kernel.img
      copy target\SYSTEM g:\
      copy 3rdparty\bootloader\*.* g:\
      copy openelec.ico g:\
      copy README.md g:\

    Criando o arquivo de inicialização

    • Edite o arquivo g:\cmdline.txt (Lembre-se, a letra g:\ é a minha unidade apenas para referência).
    • Adicione as seguintes informações no seu arquivo:
      Código:
      boot=/dev/mmcblk0p1 disk=/dev/sda1 console=ttyAMA0,115200 kgdboc=ttyAMA0,115200 console=tty1 ssh
    • A linha abaixo é a configuração padrão de uma instalação no cartão SD:
      Código:
      boot=/dev/mmcblk0p1 disk=/dev/mmcblk0p2 console=ttyAMA0,115200 kgdboc=ttyAMA0,115200 console=tty1 ssh

    Criando o arquivo config.txt

    Esse arquivo é possível realizar alguns ajustes finos e EXTREMAMENTE IMPORTANTES, nele iremos fazer um overclock seguro no seu raspberry e incluir alguns parâmetros pro HDMI funcionar perfeitamente na TV.

    Edite o arquivo com o Bloco de Notas g:\config.txt (Lembre-se, a letra g:\ é a minha unidade apenas para referência).

    Apague todo o conteúdo do arquivo e copie e cole as seguintes informações no editor logo no seu inicio:
    Código:
    arm_freq=800
    core_freq=300
    sdram_freq=400
    over_voltage=0
    disable_overscan=1
    hdmi_ignore_cec_init=1
    hdmi_force_hotplug=1
    
    Salve o arquivo e seu arquivo de configuração esta pronto.

    Mais detalhes sobre parâmetros, utilizar esses links aqui e aqui, mas já adianto, os que já passei são os mais importantes.

    Explicando o que vc acabou de fazer:

    Vc utilizou o MiniTool para criar 2 sistemas de arquivos. Um como FAT32 e outro como EXT4.
    Vc extraiu a imagem e os copiou para o seu cartão SD.
    Vc criou seu arquivo de inicialização cmdline.txt.
    Vc criou seu arquivo de configuração config.txt.

    Finalizando

    Remova o seu cartão SD com segurança e conecte no seu Raspberry.
    Conecte o Raspberry a sua TV, conecte o cabo de rede ou adaptador WiFi e ligue-o na energia.
    Se sua TV suporta HDMI-CEC e vc estiver utilizando um cabo compatível com HDMI 1.4a, vc pode utilizar o controle remoto para controlar os menus do XBMC.
    Pronto, após alguns segundos vc já deve estar vendo a tela de boas vindas do XBMC, se estiver utilizando um adaptador WiFi é só seguir as indicações em tela para preencher os seus dados de segurança.

    Instalação do Add-on: Tranmission

    Utilizando seu controle remoto, vá em Add-ons e localize no repositório não oficial na categoria Serviços o Transmission e clique no botão instalar e aguarde o download e instalação automática.

    Pronto, já temos o serviço do Transmission rodando na porta 9091, para testar vc pode aguardar uns 3 minutos pra garantir que para todos os scripts sejam executados pela primeira vez. Abra uma aba nova no navegador e digite o IP do seu Raspberry da seguinte forma http://seuip:9091 (vá em Informações para descobrir o seu IP, exemplo 192.168.1.101, neste caso ficaria http://192.168.1.101:9091).

    Instalação do Add-on: SickPotatoHead by lsellens

    O SickPotatoHead by lsellens é um pacote com 3 add-os dos quais manteremos rodando apenas 2 deles, Couchpotato e Sickbeard.

    Para instalar o SickPotatoHead é necessário primeiro adicionar o repositório do lsellens, baixe-o aqui

    Como o OpenELEC possui um servidor SAMBA vc já deverá estar vendo no Windows Explorer um compartilhamento remoto OPENELEC, abra o diretório Downloads e copie o arquivo baixado do link acima.

    Vá novamente em Add-ons e procure pela opção adicionar repositório através de um arquivo ZIP, localize o arquivo que vc copiou no diretório Downloads e mande adicionar.

    No mesmo menu, acessando o repositório do lsellens e procure pelo SickPotatoHead > Instalar. Aguarde uns 30 minutos, pois é tempo suficiente para o demorado donwload e instalação (mesmo que a tela de como concluído, espera alguns minutos a mais).

    Reinicie o seu XBMC (use o controle remoto, o menu fica no canto inferior esquerdo) e após iniciar digite numa nova aba do seu navegador:

    http://seuip:8082 -> irá abrir a página do Sickbeard
    http://seuip:8083 -> irá abrir a página do Couchpotato

    Abra as configurações do SickPotatoHead e desative o serviço do HeadPhones.

    - - - breve - - -

    reservado para as configurações do Couchpotato e Sickberad.
     
    qcleber, MavecoV8, Thorondor e 20 outros agradeceram.
  2. leojura

    leojura Usuário


    Desde 2 Fev 2009
    Campinas - SP
    Meu amigo boa noite! Vi um pequeno review deste aparelho e fiquei interessado. Hoje uso um laptop como HTPC. Nunca mexi com XBMC. A parte de hardware acho que me viro bem. Mas minha questao é estar acostumado com o windows. Pelo XBMC faco meus downloads da mesma maneira que faco pelo windows!?
     
  3. cmagnokk

    cmagnokk Usuário

    5 0 1

    Desde 28 Nov 2006
    Rio de Janeiro/RJ/Brasil
    Ótima iniciativa de post !! eu estou com um brinquedinho destes a 2 meses, e estou adorando... agora estou sofrendo um pouco para deixar redondo o combo Sick + coach + deluge + cups rodando no raspbmc. optei pelo raspbmc pelo fato de ter um sistema mais completo, possibilitando melhor a inclusão de outros serviços. você está conseguindo baixar os coach e o sick sem lentidão ? abraço.
     
  4. Spy_br

    Spy_br Usuário


    Desde 22 Dez 2008
    Vitoria es
    Também estou usando aqui e estou satisfeito. Depois que coloquei um cartão classe 10 senti uma leve melhora no desempenho.
     
    #4    
  5. eder.holz

    eder.holz Usuário Muito Ativo


    Desde 22 Nov 2010
    Joinville - SC
    Também estou utilizando classe 10, com escrita de 90mb, é está ótimo. No meu caso o cartão é grade, não é dos micro com adaptador. A inicialização ficou muito rápida.

    Também considero o openElec a melhor opção para fazer o RPI um HTPC.

    Só vou pela contra mão porque utilizo a USB da TV, a +\- um ano e meio e nunca corrompeu nada. Quando corromper vou aproveitar para atualizar.

    Aqui utilizo exclusivamente para reprodução de vídeo, e pela Wireless, não senti necessidade de ser cabeado. Talvez porque o máximo que uso nele é 1080p de arquivos MKV.

    BKP de BD, eu vejo na sala, com Zotac Nano, aí sim cabeado.
     
  6. Boo

    Boo Usuário


    Desde 30 Jan 2012
    SC/Brasil
    Qual a velocidade do wireless do seu pi?? Tava querendo pegar um pra ficar de htpc, mas tenho medo de ele engasgar qdo ficar rodando os mkv 1080p q estao no meu notebook que esta ligado tbm por wireless na rede.
     
    #6    
  7. eder.holz

    eder.holz Usuário Muito Ativo


    Desde 22 Nov 2010
    Joinville - SC
    Eu estou usando o adaptador USB que veio no Zotac nano ad11. Ele é um adaptador que tem antena. Já a fonte da mídia está por cabo no roteador wifi.
    meu roteador é um linksys ae6500, mas acho que qualquer roteador vá dar conta. Quanto a velocidade não sei ao certo.
     
  8. Warpigs

    Warpigs Usuário

    69 26 18

    Desde 7 Jan 2008
    Sorocaba
    Faz e melhor, pq tudo fica automático, rodando um equipamento com baixo consumo de energia sem engasgos! Atualizei o primeiro post com as instruções de instalação, confere lá, se tiver alguma dificuldade é só postar.

    Raspbmc te dá mais liberdade sim, porém vc perde em desempenho, eu tentei ao máximo forçar o Raspbmc por esses motivos, mas depois q voltei ao OpenELEC utilizando os add-ons SickPotatoHead não tem pra ninguém, seguindo as minhas instruções aqui baixo e assisto ao mesmo tempo! Confere lá no primeiro post as dicas.

    Se quer mesmo ver uma boa melhora, confira as dicas que coloquei sobre a instalação do OpenELEC e me diz como é que ficou ai depois.
     
  9. man76

    man76 Usuário Muito Ativo

    829 132 53

    Desde 29 Mar 2006
    Brasilia/DF/Brasil
    Amigos, após ler este post fiquei super interessado no assunto e passei a fazer algumas pesquisas. Já tenho um media player, o tvix n1, que é muito bacana e funcional mas não tem xbmc e pelo que pesquisei não tem como instalar.
    Hoje dei uma pesquisada nessa placa e pintou a maior duvida, pois encontrei outra chamada cubieboard2 que tem um preço bem proximo e tem mais recursos mas não sei se é possivel instalar o openelec ou outro sistema semelhante com o xbmc.
    Na opinião de vcs pra usar com o xbmc seria melhor a rapsberry ou a cubieboard 2?
     
    #9    
  10. Warpigs

    Warpigs Usuário

    69 26 18

    Desde 7 Jan 2008
    Sorocaba
    man76 com certeza eu iria de Raspberry, já esta a mais tempo no mercado e temos varias comunidades que desenvolvem e mantem sempre atualizadas as versões. Essa placa hj é uma aposta, assim como outras q estão surgindo por aí depois do sucesso do Raspberry.
     
  11. windpanda

    windpanda Usuário


    Desde 30 Jan 2009
    curitiba
    Já testei o cubieboard 2 e em filmes com resolução 720p ele apresentou pequenas travadas na reprodução e filmes 1080p rodou quadro a quadro. Com esse modelo B do Raspberry estão conseguindo ver filmes via rede em 1080p sem travar ? hoje tenho um servidor em casa onde fica tudo e gostaria de exibir os filmes pela rede que tenho em casa cabeada.
     
  12. AAHSP

    AAHSP Usuário


    Desde 10 Jun 2007
    São paulo
    windpanda, Aqui com Pi + OPENELEC, rodo sem problemas 1080p através da rede com os arquivos armazenados em um NAS. Mesmo filmes com altos bitrate.
     
  13. Warpigs

    Warpigs Usuário

    69 26 18

    Desde 7 Jan 2008
    Sorocaba
    @windpanda@windpanda se vc leu o tópico inteiro eu já disse que rodo em 1080p com bitrate altos em conjuntos com 3 serviços para automatizar todo o processo de downloads. A proposta do conjunto não é depender de um PC como servidor de arquivos gastando energia só para essa finalidade, a não ser q seja um NAS.

    Um NAS dedicado por aqui é salgado o preço e usando esse conjunto raspberry + hd externo vc tem exatamente a mesma função de NAS e muito mais.
     
    Última edição por um moderador: 19 Out 2014
  14. man76

    man76 Usuário Muito Ativo

    829 132 53

    Desde 29 Mar 2006
    Brasilia/DF/Brasil
    Amigos , to com algumas duvidas, se puderem ajudar agradeco muito.
    Tem como usar netflix e youtube no openelec? Caso funcione o netflix é possivel conseguir resolução super hd?
    Arquivos iso e m2ts rodam?
    É possível downloads de sites como o uploaded?
    Qual hd vcs usam?

    Valeu!!!
     
  15. windpanda

    windpanda Usuário


    Desde 30 Jan 2009
    curitiba
    @Warpigs@Warpigs Utilizo um Pc ligado em rede com sistema Openmediavault e com fonte de 230w com 8tb de armazenamento em RAID 5 um Raspberry não ira me dar isso. Tenho um NAS dns-320l mas achei desempenho dele lento. Utilizo mto torrent.

    A finalidade do Raspberry seria apenas como player de media com Openelec (isso se não acabar trocando a TV rsrsrsrs). Vou dar uma procurada para ver se acho um para compra e testar.
     
    Última edição por um moderador: 19 Out 2014
  16. rmadeira

    rmadeira Usuário Muito Ativo


    Desde 21 Ago 2005
    Rio de Janeiro/RJ
    Olá amigos. O meu chegou ontem e estou testando este tutorial para ver se diminui a lentidão que estou percebendo nos menus do OpenElec. A reprodução é boa até em 1080p. Mas descarregar as informações de mídias é inviável. Carrega infinitamente. Acredito que o gargalo seja o SD card que no meu caso é um micro SD card de 8GB classe 4 com adaptador. Penso em comprar um SD card real de classe 10 pra ver se melhora.

    Enquanto isso, adaptei esse tutorial retirando o HDD e colocando um Pendrive.
     
  17. rmadeira

    rmadeira Usuário Muito Ativo


    Desde 21 Ago 2005
    Rio de Janeiro/RJ
    Bom, com um Pendrive me pareceu que não melhorou praticamente nada.

    Já com o HDD, realmente rodou mais liso os menus e o desempenho melhorou como um todo. As informações de mídia foram descarregadas com muito mais agilidade, como no PC.

    Mas surgiu um problema que com o OpenElec no SD Card ainda nao tinha visto. Está reproduzindo vídeos apenas com áudio. As vezes ao reiniciar resolve e depois volta. O que pode ser? Será que foram aqueles parâmetros modificados nos txt?

    - - - Atualizado - - -

    Tá parecendo alguma zica com o add on OpenGL mas ainda não consegui resolver :(
     
  18. granduke

    granduke Usuário


    Desde 23 Abr 2007
    Rio de Janeiro
    Bom dia.

    Copia e cola o config.txt por aqui.

    Abs
     
  19. rmadeira

    rmadeira Usuário Muito Ativo


    Desde 21 Ago 2005
    Rio de Janeiro/RJ
    Olá. Passou a funcionar sem esse bug sozinho.:)

    E agora que substitui um Pendrive genérico por um Kingston original, o desempenho melhorou muito.

    Agora estou aguardando um SD Card Kingston 16GB SDHC Elite 30MB/s R HD Video Class 10 SD10G3/16GB para verificar se melhora o despenho apenas com esse SD Card, sem USB como 'storage'.
     
  20. fabioing

    fabioing Curtindo um som


    Desde 30 Jan 2005
    Curitiba - PR
    Olá pessoal,

    Gostaria de pedir minha carteirinha para o clube. Possuo um Raspberry Pi + OpenELEC. Acho um excelente custo x benefício. Estou pensando seriamente em comprar mais um.


    Warpigs, como não sabia para que serve os plugins que você citou pesquisei na internet e achei um tutorial bem legal. Veja o link abaixo:

    http://marcogomes.com/blog/2014/com...ownload-automatico-de-lancamentos-em-full-hd/


    Um abraço a todos.