Anúncio do HT Forum

Japão inicia a era da TV em 8K

Discussão em 'Tecnologia e Novos Formatos de Vídeo' iniciada por Juan Carlos Mayer, 30 Dez 2018.

  1. Juan Carlos Mayer

    Juan Carlos Mayer Usuário


    Desde 8 Mai 2008
    La Paz, Bolivia
    Smart TVs em 4K estão ganhando popularidade agora no Brasil, e mesmo assim, podemos observar que hoje ainda não existe nenhum canal em rede aberta ou fechada que seja ofertado nessa resolução.

    Ou seja, no geral essas televisões mais modernas se tornam uma opção para assistirmos conteúdos em ultraHD em plataformas como a Netflix. Mas, no Japão, o governo tem planos mais ambiciosos e que envolvem o canal estatal, a NHK.

    Lá foi lançado hoje (1º) o sinal não em 4K, mas em absurdos 8K da emissora. Recebê-lo, porém, não é muito fácil, já que as transmissões - enviadas por satélite - requerem um receptor especial para a captação e então exibição nas televisões.

    Não só isso, como a maioria dos displays em 8K - resolução que o Japão vem chamando de super-hi vision - não tem o protocolo HDMI 2.1 implementado, esse receptor especial requer ainda que a Smart TV disponha de quatro portas HDMI, pois é necessário fazer uma gambiarra dado o volume insano de dados trafegados por segundo entre o satélite e o aparelho.

    [​IMG]
    Além da super definição, o novo sinal da NHK conta com nada menos que 22 canais de áudio. No programa que estreou o canal, foi apresentado um especial com os futuros programas da emissora, que transmitirá programação em apenas 12h diárias.

    A pedido da NHK, a Warner remasterizou 2001: Uma Odisseia no Espaço a partir dos negativos do filme, e assim conseguiu oferecer o filme em resolução super-hi vision. Nos próximos meses a estatal informa que mais clássicos do cinema serão adaptados para a tecnologia.

    O plano do governo japonês é estimular a adesão a eletrônicos com suporte a essa resolução, preparando os consumidores para a exibição das Olimpíadas de Tóquio em 2020.

    Vale lembrar, durante a Copa do Mundo o Museu do Amanhã - no Rio de Janeiro - sediou a transmissão de algumas partidas também em 8K. Mas ao passo lento do 4K no país, eventos assim deverão continuar sendo pontuais.
     
  1. Este site usa cookies. Se você continuar a usar este site, automaticamente concorda com nosso uso de cookies.
    Fechar Aviso