Anúncio do HT Forum
Fechar Aviso
Visitante, temos um novo anunciante, a AutoZ! Por favor ajude a suportar o fórum clicando nos banners e prestigiando os anunciantes! Obrigado.

Nissan Sentra 2.0S com câmbio CVT

Discussão em 'Mercado, Marcas e Modelos' iniciada por Antonio M., 12 Abr 2008.

  1. fumagalli

    fumagalli Usuário

    2 1 0

    Desde 2 Jan 2013
    São Paulo
    Meu nome é Cláudio, tenho um Sentra Special Edition 12/13 preto com um problema muito parecido com o seu (Rick_DF). Quando ando muito o CVT chia e perde torque, acelero e não anda.

    O carro está agora com 5.000 km peguei ele no final de outubro e é um bom carro mesmo. Quando percebi o chiado levei a concessionária e depois de dois dias lá para diagnóstico falaram não ter problemas, nesta época estava com 2.000 km. Aliás a concessionária que comprei é muito boa de negócios, mas atendimento pós venda, deixa tudo a desejar.

    Andando mais com o carro percebi como fazer aparecer o problema do chiado, que, quando faço subidas íngremes aqui em SP, na cidade mesmo, após uns 500 metros o CVT chia. Andando mais um pouco ele para sozinho, parece que é quando a temperatura do cambio abaixa.

    Levei hoje a outra concessionária, bem melhor do que a primeira, e até o final do dia devo ter notícias sobre o caso. Espero que encontrem e resolvam tudo.

    Fiquemos em contato para nos ajudarmos.

    Cláudio (São Paulo).
     
  2. Rick_DF

    Rick_DF Usuário


    Desde 29 Mar 2006
    Brasília/DF
    fumagalli, não notei perda de torque, apenas um zumbido que nem alguns carros velhos, que parece ter um motor de liquidificador, só que baixinho, pois só notei quando desliguei o som do carro e em baixa velocidade (estava fazendo um retorno porque o GPS me enganou kkkk).
     
  3. mantruzo

    mantruzo Usuário


    Desde 8 Abr 2009
    Brasília
    Aconselho a esperar até os 10k para verificar se há algum problema com o carro.
     
  4. fumagalli

    fumagalli Usuário

    2 1 0

    Desde 2 Jan 2013
    São Paulo
    Caros colegas, levei e retirei ontem o Sentra da concessionária e eles mudaram o nível de óleo do CVT que estava um pouco mias alto e testaram as pressões e o circuito de refrigeração (via válvulas solenoides). Pelo que me disseram, constataram o ruído sim. Agora vou ter que esperar a Nissan para ver o que dizem. Rick_DF, o meu começou assim mesmo, parecia um motor liquidificador no CVT mas agora esse "motor" aparece sempre, principalmente depois de uso maior (estrada / subidas / transito pesado),ou seja, quando aquece bem o conjunto motor / cambio. Vamos ver no que dá, mas esta concessionária é MUITO melhor que a que comprei, fiquei bem satisfeito, pelo menos olharam, mexeram, e me explicaram tudo direitinho. Bom serviço. Darei feed back do caso. Bom dia a todos. Aguardaarei e darei feed back do caso. Bom dia a todos.
     
    • 1
  5. centrado

    centrado Usuário


    Desde 27 Ago 2011
    Goiania (GO) Brasil
    Segundo o tradicional calendário da revista Carro, desse mês, o novo Sentra será lançado aqui em julho. É a primeira publicação que eu vejo dar uma data determinada, e não "primeiro semestre" "segundo semestre". Como a Nissan estava com as cotas extrapoladas em 2012, a partir de agora deve começar a aparecer Sentra nas concessionárias. (Ou será que ela vai abandonar o carro, priorizando os outros da linha, até o lançamento do novo?). E comprar um 0km, agora, é uma decisão temerária, com o lançamento do novo não se sabe quando, como e por quanto. Só esperando pra tomar a melhor decisão.

    Quanto ao novo, mais uma publicação nacional testou: a revista Car and Driver n.60. E mais uma vez decepcionante, na minha avaliação. Alguns pontos:

    O título da matéria é "Uma miniatura de carro de luxo", o que é bastante promissor. Elogia o espaço "suficiente para levar cinco adultos numa boa", o acabamento interno "que anos atrás poderia ser visto num Infiniti" e o conforto, "especialmente dos bancos macios". E os elogios param por aí. Dizem que o novo carro pareceu menos seguro estruturalmente que o atual, que os bancos carecem de apoio lateral e que a rodagem é firme demais para quem não dirige por prazer (isso já sabemos como é, rsrsrs). Também acharam a direção pesada demais e, pra piorar, não volta a centralizar sozinha.

    Aí começou a curtição, e pesada: "a necessidade de puxar o volante de volta à linha reta somada à rolagem (forte) da carroceria fazem a direção do Sentra parecer um sargento treinando um pelotão de recrutas gordinhos, dando ordens que eles jamais conseguirão obedecer". Putz!!! Criticam também o motor, o desempenho "que o coloca com folga no final do pelotão" e ainda se perguntam porque é tão barulhento. Por fim, elogiam o consumo, o melhor da categoria.

    É o segundo teste, além daquele da CarroHoje, e o segundo em que o novo Sentra passa raspando. Se o carro for isso aí mesmo, estou propenso a dispensar. Prefiro o atual, que além de tudo ficará mais barato com a desvalorização.

    Abs
     
  6. zimp

    zimp Usuário


    Desde 11 Ago 2011
    Campinas SP
    Interessante que na mesma revista ha uma análise do Altima. Da mesma forma que o Sentra o carro recebe críticas a falta de definição do que a Nissan quer para seus carros
     
  7. Pulim

    Pulim Usuário

    9 0 0

    Desde 22 Jun 2009
    Brasília, DF, Brasil
    uma coisa que nunca entendo, pois me julgo um sujeito até ingênuo neste tipo de coisa, é pq a nissan cobra 5 litros de óleo quando o motor do sentra s só aceita 3,8 litros no máximo?? isso é roubo descarado!!!!!!!!!!!!!!!!
     
  8. HBAr

    HBAr Não mudamos o começo mas podemos fazer um novo fim


    Desde 6 Nov 2005
    Brasil
    Realmente uma ducha de água fria..pois os pontos que mais me impressionam no atual que possuo são : desempenho, uma rigidez estrutural muito boa ( acima da média ), estabilidade idem, fora o câmbio CVT que é um mundo a parte...e não acho ele um carro feio ( longe disto ) apesar de, pelas fotos, o novo me parecer sem dúvida mais agradável e melhor acabado....vamos esperar que quando chegar por aqui não seja o que as publicações vem falando...

    Abs

    Hernani
     
  9. _rodrigo

    _rodrigo Usuário


    Desde 3 Mai 2011
    Grande SP/SP/Brasil
    Quando se troca o filtro, acho que a capacidade é de 4,5l.
    Pior que cobrar o 0,5l é cobrar o valor de óleo sintético no mineral Shell Helix HX5 que eles colocam ( ou pelo menos colocavam ). Este óleo num Extra da vida custa menos de 20 moedas.

    ---------- Mensagem adicionada às 10:23 ---------- Mensagem anterior foi enviada às 10:17 ----------

    Considerando o teor da reportagem ( a confirmar ), o Sentra deverá figurar na rabeira do ranking de vendas. Se por um lado o mercado local valoriza muito o visual, o motor também está na lista dos atributos importantes. A maioria dos Corollas novos que eu vejo são 2.0. O Civic será 2.0, entre outros tantos que já são. O que mais me intriga são os números do motor, muito tímidos, mesmo para um 1.8.


     
  10. Pulim

    Pulim Usuário

    9 0 0

    Desde 22 Jun 2009
    Brasília, DF, Brasil
    acho que não, viu. troquei o óleo do meu sem trocar o filtro de oleo e foram exatamente 3,5 L. Nos forums norte-americanos eles falam que a capacidade é 3,6 quarts (trocando o filtro) o que dá exatamente 3,9643956 litros. não dá sequer 4 L.
     
  11. _rodrigo

    _rodrigo Usuário


    Desde 3 Mai 2011
    Grande SP/SP/Brasil
    Pulim, no manual do veículo, consta 4,4l e 4,2l, com e sem troca do filtro, respectivamente.
     
  12. marcioantonio

    marcioantonio Usuário


    Desde 11 Jan 2013
    SÃO PAULO
    DUVIDA NOVO CARRO - sentra

    Por favor, se alguem souber do sentra em questão ou tiver andado no mesmo, gostaria de saber as qualidades e defeitos do mesmo, resumidamente, prós e contras. existe quais modelos de 2010 e 2011 ?. o carro tem 3 anos de garantia ?.

    Quero comprar um usado e estou entre o corolla XEI 2.0, new civic EXS, focus 2.0, todos de 2010 a 2011. O sentra seria melhor ou pior que esses 3 carros ?.

    Agradeço a ajuda de todos
     
  13. ms73

    ms73 Usuário

    O correto é sempre trocar o filtro de óleo, ao não trocar estás contaminando o teu óleo novo com óleo velho e encurtando a sua durabilidade.

     
  14. gustavodenani137

    gustavodenani137 Usuário


    Desde 1 Mar 2009
    São Paulo
    Marcio, as opiniões são muito pessoais.
    Particularmente, acho o conjunto motor e câmbio excepcional, mas o que realmente me decepciona no carro é a suspensão muito firme. Prefiro a maciez do Corolla. Há quem diga que a suspensão mais firme é melhor, principalmente na estrada, mas como viajo pouco, escolheria comprar o Corolla. Fora que o Sentra para quem enfrenta muito trânsito, principalmente em SP, o carro é bem gastão, pelo menos o meu é.
    Uma coisa é certa: meu próximo carro não será um Sentra devido a suspensão e economia.

    Abraço!
     
  15. Pulim

    Pulim Usuário

    9 0 0

    Desde 22 Jun 2009
    Brasília, DF, Brasil
    o correto é trocar o óleo mineral a cada 5mil km, mas como a Nissan não o faz. Eu troco o óleo a cada 5mil km e preservo os filtros originais para serem trocados na concessionária. o Filtro dura tranquilamente 10 mil km, mas o óleo mineral, não.
     
  16. Pulim

    Pulim Usuário

    9 0 0

    Desde 22 Jun 2009
    Brasília, DF, Brasil
    então, infelizmente, o manual não reflete a realidade do carro. comprei 4 litros de óleo semi-sintético e o carro levou exatamente 3,5 litros (sem trocar o filtro). Leve 0,5 litro para casa e coloquei no meu cortador de grama a gasolina. O nível do óleo está a 2 milímetros da marca máxima.
     
  17. _rodrigo

    _rodrigo Usuário


    Desde 3 Mai 2011
    Grande SP/SP/Brasil
    Particularmente também não concordo com a troca de oleo mineral a cada 10mil km, aliás nem com sintético faço isso, rodo com ele por até 7500km, quando é o caso. No Sentra, o que eu rodo em 6 meses é mais ou menos 5mil km, portanto, não me preocupo muito. Mas o que o colega forista levantou foi quanto a possível contaminaçao que o óleo novo possa sofrer ao se misturar com o óleo velho contido no filtro, não exatamente quanto a durabilidade do filtro. Não sei se essa pouca quantidade que lá fica é suficiente para provocar tal contaminação, mas o raciocínio é correto.
     
  18. ms73

    ms73 Usuário

    Concordo com a troca do óleo mineral a cada 5000km, mas discordo da prática de manter o filtro velho, o novo óleo contaminado por quase 1L de óleo velho irá durar menos do que se o motor trabalhasse somente com o óleo novo.
    Acho que é uma economia de palitos que não traz bons resultados.
     
  19. _rodrigo

    _rodrigo Usuário


    Desde 3 Mai 2011
    Grande SP/SP/Brasil
    Vc fez a troca por gravidade ou por sucção?
     
  20. zimp

    zimp Usuário


    Desde 11 Ago 2011
    Campinas SP
    aproveitando o gancho, eu compro o Filtro de Oleo e Ar na própria Nissan, pois tive dificuldade de encontra-los fora. Voces passam por mesma dificuldade?
    ABs
     
  1. Usamos cookies próprios e de terceiros para dar um melhor serviço e mostrar publicidade. Ao continuar, aceita o seu uso.
    Fechar Aviso