Anúncio do HT Forum

TV Brasil HD

Discussão em 'Programação HDTV' iniciada por victorfgv, 26 Nov 2011.

Tags:
  1. Lucas ssa

    Lucas ssa Usuário

    9.200 18.112 381

    Desde 14 Ago 2013
    Salvador/Bahia/Brasil
    Exatamente. Inclusive na época ninguém acreditava no modelo de negócio que Boni e equipe queriam pra Globo e só deu certo porque o dono deu carta branca pra jovens de 30 anos fazerem o negócio acontecer. Os formatos comerciais que perduram até hoje, muitos saíram de lá. A emissora criou o anúncio no top 5. Foi criando um padrão próprio é de competência. Foi se tornando uma emissora popular sem ser apelativa. Uma emissora onde joga capítulo de novela já gravado e manda regravar em nome do padrão de qualidade não é qualquer emissora. Implantou um sistema de capitação de áudio onde espalhava microfone pelo cenário, coisas que na época era feita só com um microfone, inclusive esse modelo dura até hoje onde os atores usam microfone de lapela, além dos outros microfones de estúdio. A Globo, ruim ou mal, mostra que a criatividade brasileira quando bem organizada funciona.

    Os grandes sucessos da TV Globo eram na época de pouca estrutura ainda.
     
    • 1
  2. Danilo Sartori

    Danilo Sartori Usuário


    Desde 5 Out 2017
    Curitiba, Paraná
    O que vcs achariam de uma nova TV Cultura? Com a fusão da TV Brasil com a TV Cultura.

    A NBR voltaria ao ar como um canal de filmes e séries nacionais e programação legislativa.
     
    • 1
    • 1
  3. Rodrigo1478

    Rodrigo1478 Usuário

    6.471 2.392 803

    Desde 15 Dez 2007
    Maringá/PR/BR
    Prefiro q a Cultura fique fora de tudo isso... :aff:
     
    • 5
  4. Walace 2013

    Walace 2013 Usuário


    Desde 27 Jan 2013
    Ipatinga/MG
    A Tv Cultura pertence ao governo do estado de São Paulo, enquanto a TV Brasil é federal, não vejo essa possibilidade e nem a necessidade.
     
    • 2
  5. StickShift

    StickShift Usuário

    1.358 1.815 496

    Desde 9 Ago 2010
    São Paulo, SP
    Mas aqui tb nao deve existir mais de 5 redes. Até isso acho um exagero. Aqui caberiam no máximo umas 3 gdes redes privadas mais alguns canais locais em mercados q comportem isso. A proliferação de canais de tv aberta por aqui, e em sp existem dezenas e em outras capitais mto mais do q seria razoável, é sustentada basicamente por igrejas. Tire as igrejas e todos esses canaizinhos quebram.

    E acho q ninguem falou em dividir igualmente nada, nao coloque palavras na boca dos outros.
     
    • 1
  6. Lucas ssa

    Lucas ssa Usuário

    9.200 18.112 381

    Desde 14 Ago 2013
    Salvador/Bahia/Brasil
    Sim, considerando as grandes redes que temos: Globo, Record, SBT e a Band na lanterna. O que justifica a entrada do gringo pra substituir essas redes e o que eles fariam de diferente que hoje essas emissoras não fazem?

    Discutir a qualidade da programação é até válida, mas se essa for a questão o problema é muito mais de criatividade e colocar o protagonismo nos roteiristas do que um problema de capital.

    Agora se você disser que as emissoras tão caindo aos pedaços, que tão sucateadas e que quase não produzem nada, aí seria um problema de capital que dinheiro resolveria.

    O negócio é misturar o gosto pela programação da emissora e relacionar isso ao investimento gringo.
     
    • 1
  7. StickShift

    StickShift Usuário

    1.358 1.815 496

    Desde 9 Ago 2010
    São Paulo, SP
    A Band eu conheço de perto. A Band nao tem nada de gringa. Nos ultimos anos tem alguns diretores argentinos lá mas continua sendo um brinquedinho do Johnny. Que administra aquilo como o pai administrava em 1974. Tem algum amigo dele desempregado por aí? Então vamos criar um cargo de “diretor de p*rra nenhuma” e dar p ele um salario de dezenas de milhares de reais enqto o prejuízo se acumula, a dívida cresce e os investimentos na programação minguam.

    Vc deve saber q parte da família Saad está tão revoltada com o amadorismo na administracão q esta tentando tomar o controle da empresa das mãos do Johnny na justiça. Que estão pedindo a saída de familiares e amigos e a entrada de uma administração PROFISSIONAL no grupo. Acho q é isso q as pessoas q defendem aqui a liberaçao do capital estrangeiro p além dos 30% querem tb. Ninguém está pedindo pra novas empresas colocarem dinheiro nas mãos de quem comanda atualmente. Niguém faria isso e é por isso q as várias investidas de estrangeiros nos últimos anos travam a certa altura das negociações. A administraçao amadora tb é marca do SBT, Record e RedeTV!

    A Globo é menos pior, já foi até pior do que hoje, não é a maravilha q muitos imaginam. Muito dinheiro foi queimado sem necessidade por décadas. Mas em terra de cego...

    Em tempo: a família Marinho contratou a empresa de consultoria (gringa, rs) Accenture pra definir os rumos do grupo nos próximos anos.
     
    • 3
  8. StickShift

    StickShift Usuário

    1.358 1.815 496

    Desde 9 Ago 2010
    São Paulo, SP
    Se vc trabalha no mercado publicitário sabe quais foram as tratativas que existiram e até uma q ainda sobrevive por aparelhos. O mercado todo de quem trabalha com tv sabe.

    Se vc tem mais de 12 anos sabe que nunca ninguém tira foto de reuniões de negócios mto menos de propostas de compra. Vc ja fez reuniões de negocios p tratar de algo importante na vida? Ficou tirando foto? Mandou uma selfie no instagram mostrando onde vc tava? Colocou num grupo aleatório no whatsapp a minuta de contrato? Já ouviu falar q qquer negóciação sensível tem cláusula de confidencialidade? Que o máximo q alguem q nao participou da reuniao vai saber é q x está se reunindo com y constantemente e só?

    Essa foi uma das coisas mais imbecis q alguém já escreveu nesse fórum. Parabéns. E olha q a concorrência é pesada.
     
    • 1
    • 1
  9. StickShift

    StickShift Usuário

    1.358 1.815 496

    Desde 9 Ago 2010
    São Paulo, SP
    Que mercado não questiona? O publicitário? É obvio q não, só faltava, né?

    Cada uma...
     
    • 1
  10. StickShift

    StickShift Usuário

    1.358 1.815 496

    Desde 9 Ago 2010
    São Paulo, SP
    Eu ja li o livro 2 vezes. Além disso, convém saber q nem tudo q está escrito ali é a única versão q circula dos fatos, inclusive entre o pessoal da Globo na época. Até pq é uma autobiografia laudatória e, assim, sempre q ser lida com um pé e meio atrás.
     
    • 1
  11. StickShift

    StickShift Usuário

    1.358 1.815 496

    Desde 9 Ago 2010
    São Paulo, SP
    Pouca estrututura se comparada a hj, mas já a frente das demais na época.
     
    • 1
  12. StickShift

    StickShift Usuário

    1.358 1.815 496

    Desde 9 Ago 2010
    São Paulo, SP
    Eu acho q as pessoas aqui estavam reclamando da incompetência das outras, não da competência da Globo... E achando q era melhor liberar o controle das emissoras por estrangeiro p tirar os amadores do comando.
     
    • 1
  13. Lucas ssa

    Lucas ssa Usuário

    9.200 18.112 381

    Desde 14 Ago 2013
    Salvador/Bahia/Brasil
    Sim, todo mundo sabe da situação da Band.

    Mas se a Band fechar, ou compra ou monta outra rede.

    Mas qual a garantia que a gringa iria investir melhor ou administrar melhor?

    Me diga um case de sucesso num país com as mesmas características do Brasil onde uma gringa tem sucesso e mantém uma grande rede pujante.

    Quanto a consultoria qualquer uma pode contratar e de que origem for.

    Antigamente, quando não se tinha costume de consultoria, não se tinha tantos dados sobre consumo e consumidores... era o tempo da livre criatividade e o tempo onde a televisão vivia seu auge. Inclusive uma das queixas de Boni na Globo foi quando Marluce assumiu e implantou na TV um modelo de gestão de cortar custos e mostrar resultados positivos, cortando do carro chefe que era a parte artística. A Globo nunca teve tão profissional como hoje e não consegue acertar tanto como conseguia antigamente.

    Quando você coloca a cabeça custo x lucro o talento artístico é podado. Não estou dizendo que a administração tenha que ser irresponsável, mas a profissionalização de gestão pode ser o fim.
     
    • 1
  14. StickShift

    StickShift Usuário

    1.358 1.815 496

    Desde 9 Ago 2010
    São Paulo, SP
    As 2 coisas. Estão sucateadas. E tem administração amadora. Famílias e Igrejas comandando as coisas e dando a última palavra ao invés de executivos profissionais.

    O investimento pra mudar isso POSSÍVEL é o de empresas de comunicação/conteúdo/tele de fora. Não há ninguém no Brasil em condições de colocar dinheiro nisso e fazer funcionar. Se houvesse, ótimo, acho q seria prioridade. Mas não tem. Só tem igreja c grana p fazer tv no Brasil.
     
    • 1
  15. Lucas ssa

    Lucas ssa Usuário

    9.200 18.112 381

    Desde 14 Ago 2013
    Salvador/Bahia/Brasil
    O que eu queria saber mesmo era se você tinha participado das reuniões e das sondagem. Quem tem boca fala o que quer e especula o que quer né?
     
    • 1
  16. Lucas ssa

    Lucas ssa Usuário

    9.200 18.112 381

    Desde 14 Ago 2013
    Salvador/Bahia/Brasil
    Me conte, nossas Teles, como você diz que seriam uma salvação a nossas emissoras, me conte como são os serviços das teles gringa por aqui? Me conte sobre os investimentos e as a qualidade da gestão e serviço prestado. O quão elogiadas elas são. O quanto de inovação tem nas Teles gringa. Nossa TV por assinatura que são gringa, me conte o quanto inovadoras são.
     
    • 1
  17. Lucas ssa

    Lucas ssa Usuário

    9.200 18.112 381

    Desde 14 Ago 2013
    Salvador/Bahia/Brasil
    Qual o mercado que questiona. Me diga qual que tá achando o BV ruim?
     
    • 1
  18. StickShift

    StickShift Usuário

    1.358 1.815 496

    Desde 9 Ago 2010
    São Paulo, SP
    Ah, tá. Seu problema é com a profissionalização. Entendi. A agência q vc trabalha a administração é profissional? Vc sente q isso tolhe a criatividade do pessoal?

    E... vc continua colocando palavras na boca dos outros. Ninguém tem garantia de NADA. Mas uma mudança POSSÍVEL é a liberação do controle por estrangeiros. Pq piorar é impossível. Eu não conheço setor relevante administrado de modo tão amador e inconsequente quanto esse.

    Isso é um forum de discussão. Não é a definiçao dos rumos da radiodifusão no Brasil. E eu considero q essa é a única saída possível e aparentemente boa parte aqui tb. Aliás, pode demorar mais um pco mas é inevitável q aconteça. Tem gte por aí q garante q em 1 década os Marinho nem serão mais os acionistas principais da TV Globo (aberta). Imagina os outros.
     
    • 1
  19. StickShift

    StickShift Usuário

    1.358 1.815 496

    Desde 9 Ago 2010
    São Paulo, SP
    Eu não sou dono de emissora, nem de empresa de comunicação gringa, nem advogado.

    Mas trabalho no meio e, no fim, todo mundo se conhece e as infos circulam. No seu meio não circulam infos sobre o seu mercado q msm q os envolvidos não confirmem diretamente todo mundo sabe q esta acontecendo? X se reunindo com Y por varias vezes, todo mundo fica sabendo, certo? Sera q é pq o papo é legal e o cafezinho é bom?
     
    • 1
  20. Lucas ssa

    Lucas ssa Usuário

    9.200 18.112 381

    Desde 14 Ago 2013
    Salvador/Bahia/Brasil
    Nós publicitário não somos de ADM, trabalhamos como comunicação e não gestão.

    Se não garante, então em que fundamento a teoria: capital gingo x emissora perfeito tá embasado?

    A título de curiosidade, pra você qual é o case assim que você acha de sucesso de uma emissora gringa? Qual exemplo seria bom para as nossas emissoras?

    Tem gente por aí que garante tanta coisa... A Globo tá na mão da família há mais de 50 anos. Se vai mudar eu não sei.

    Tinha gente por aí também que dizia que o rádio ia morrer ou tava morto. Quem disse isso já morreu e o rádio caminha pra ser centenário. Até a televisão já mataram com os futurologista da internet. Todo dia matam um veículo diferente.

    Já tem gente que diz que o futuro é TV local. Aí eu queria ver como seria o gringo fazendo TV local.

    Dizem tanta coisa por aí que eu já não sei mais no que acreditar a não ser no agora, no hoje.
     
    • 1
  1. Usamos cookies próprios e de terceiros para dar um melhor serviço e mostrar publicidade. Ao continuar, aceita o seu uso.
    Fechar Aviso